Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós Graduação e Pesquisa / PIBIC / Projetos aprovados / 2008/2009 / Uma análise semiótica da relação entre mídia televisiva e religião: o caso Marcelo Rossi

Uma análise semiótica da relação entre mídia televisiva e religião: o caso Marcelo Rossi

Através de uma análise de semiótica da relação entre mídia televisiva e religião, tendo por objeto de pesquisa o caso Marcelo Rossi, esse trabalho visa: Identificar e explicitar o processo pelo qual a religião busca na mídia televisiva a hegemonia da audiência, e vice versa a partir da concepção de que tanto a religião quanto a mídia são “meios de comunicação em massa”, produtores de cultura; Verificar se, na possível sinergia desses meios, a religião acaba sendo legitimada pela emissora de TV e pelo prestígio dela frente ao receptor, bem como se a emissora de TV estará legitimada pela religião frente ao sujeito religioso; Verificar e explicitar o que significa “a religião estar na TV”, e “a TV estar na religião”, e quais os possíveis impactos desse processo na sociedade – consumidora do “produto”; E estudar o caso da exposição televisiva do padre católico-romano Marcelo Rossi como ilustrativo dessa relação religião-TV.

Os referenciais dessa pesquisa promovem um diálogo entre a Teologia Pastoral e a Teologia Prática, com as Ciências Sociais e da Comunicação. Contemplam os campos de estudo dos meios de comunicação, em específico a TV brasileira, e sua relação com a religião. Para isso a pesquisa se baseará num estudo sobre a exposição televisiva de um personagem considerado um dos ícones do movimento de renovação carismática católica, o padre Marcelo Rossi. Para isso estudará aspectos gerais da presença da Igreja Católica no Brasil, o movimento de Renovação Carismática dentro das estruturas eclesiásticas da Igreja Católica e o lugar da mídia, em especial da TV, no processo de fortalecimento do movimento.

A proposta desse trabalho consiste em: além de considerar os aspectos da relação “mídia-consumidor”, trabalhar também as potencialidades evangelizadoras da mídia massiva, verificando o processo pelo qual religião (evangelização) e mídia se comportam no processo de interação, e quais as implicações diretas desse processo na sociedade.


Comunicar erros