Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação em Ciências da Religião / Projetos / Memória religiosa e vida cotidiana: interpretações historiográficas e teológico-literárias

Memória religiosa e vida cotidiana: interpretações historiográficas e teológico-literárias

Trata-se da continuação e, em certa medida, da delimitação do projeto Histórias, memórias e representações do sagrado no cotidiano popular, encerrado em julho de 2003. Enquanto continuação, permanece o estudo das experiências religiosas no cotidiano a partir de dois enfoques:

a) historiográfico ao identificar, vizibilizar e problematizar as experiências religiosas do cotidiano a partir dos argumentos, das interpretações e das atribuições de sentido dos sujeitos históricos destas experiências, intentando captar suas redes de significados, nos micro-espaços das relações familiares, nas estratégias de sobrevivência cotidiana e em suas articulações com os discursos religiosos dominantes e os macro processos sociais em que estão envolvidos;

b) teológico, ao partir de uma leitura que priorize o processo de reelaboração dos símbolos religiosos dentro das experiências dos grupos e suas formas de representação encontradas no cotidiano. Os textos clássicos, considerados normativos pela tradição das igrejas, serão estudados não mais como normatividade teológica, mas como interlocutores entre outros, neste diálogo com os diferentes aspectos da religiosidade dos grupos.

A maior delimitação em termos temáticos consiste na concentração no tema do cotidiano e suas representações do sagrado, sendo que o projeto anterior desenvolveu a base teórica para outros eixos temáticos, como foram os casos da experiência religiosa e o tema memória religiosa. Estes temas continuarão a ser abordados e discutidos, terão, porém, um papel secundário. No aspecto teórico, o novo projeto centralizar-se-á no enfoque historiográfico e teológico sobre o tema do cotidiano e as representações do sagrado. No enfoque teológico, incluir-se-á o diálogo com a literatura e aspectos da teoria literária enquanto narrativa, interpretação e ressignificação do cotidiano popular. Um motivo central para esta inclusão reside no fato de que a literatura assume um papel importante na reconstituição de aspectos fundamentais da sociedade e das relações do cotidiano.

Comunicar erros

SOBRE O PROGRAMA