Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2006 / 02 / 24 / Metodista e Fundação Salvador Arena se unem pelo Projeto Vida

Metodista e Fundação Salvador Arena se unem pelo Projeto Vida

A Metodista assinou na tarde de ontem (23/02) um convênio com a Fundação Salvador Arena. O objetivo do convênio é apoiar o Projeto Vida, desenvolvido pela Faculdade de Educação Física e Fisioterapia, cujo objetivo é, dentre outros, oferecer a prática de esportes adaptados a pessoas com necessidades especiais para, através do esporte, dar continuidade ao processo de reabilitação iniciado em clínica.

24/02/2006 20h35 - última modificação 27/05/2009 12h19

A Metodista assinou na tarde de ontem (23/02) um convênio com a Fundação Salvador Arena. O objetivo do convênio é apoiar o Projeto Vida, desenvolvido pela Faculdade de Educação Física e Fisioterapia, cujo objetivo é, dentre outros, oferecer a prática de esportes adaptados a pessoas com necessidades especiais para, através do esporte, dar continuidade ao processo de reabilitação iniciado em clínica.

Através desse apoio, será disponibilizado transporte aos participantes do projeto, pois a dificuldade de mobilidade é um grande obstáculo para essas pessoas. Além de patrocinar o transporte, a Fundação Salvador Arena doou ao projeto 10 cadeiras de rodas adaptadas para a prática de Basquete, uma das modalidades esportivas oferecidas.

A assessora de Relações Institucionais da Universidade, Amália Fernández Gómez, conduziu a reunião que firmou a parceria enfatizando as características comuns às duas instituições: pioneirismo, espírito empreendedor, vocação educacional e prestação de serviços à comunidade.

Representaram a Fundação, a presidente do Conselho Curador, Regina Celi Venâncio, Maria Luiza de Almeida, membro do mesmo Conselho, o coordenador de Administração Social, Sérgio Loyola, e a Assistente de Projetos, Patrícia Teixeira. “O projeto incentiva a participação da comunidade estudantil na inclusão da pessoa com deficiência na sociedade, gerando envolvimento”, disse a presidente, explicando o interesse da Fundação em apoiar o Projeto Vida.

Em nome da Universidade Metodista de São Paulo, o reitor Davi Ferreira Barros enfatizou a importância de tratar com cuidado o tema da inclusão da pessoa com deficiência: “Não basta assistencialismo e boa vontade, é necessário profissionalismo. Manifestou, ainda, grande satisfação pela formalização da parceria: É gratificante vermos duas instituições privadas se unindo para buscar soluções para a sociedade”.

Qualidade de Vida
O Projeto Vida oferece a prática esportiva para crianças e adolescentes, de 9 a 15 anos, portadores de deficiências. Hoje, são 45 jovens que praticam esportes como natação, basquete e handebol. Além de oferecer melhor qualidade de vida a pessoas portadoras de deficiências, o Projeto estimula a auto-estima, melhorara o condicionamento físico e diminuir os casos de depressão. Participando do projeto, as crianças têm a oportunidade de lutar pelos seus direitos e exercer melhor a cidadania.

Além de ajudar a comunidade, o Projeto Vida também beneficia os alunos da Universidade, que aprendem a se relacionar com esses pacientes. O estudante já vai para o mercado de trabalho com um diferencial e uma experiência de cidadania.

“Esperamos que o Projeto Vida seja desencadeador de outras iniciativas conjuntas” desejou o reitor.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático