Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Educação Metodista oferece bolsas, financiamentos e outros incentivos para alunos

Educação Metodista oferece bolsas, financiamentos e outros incentivos para alunos

Benefícios sociais fazem parte da missão das instituições metodistas, alinhados a valores éticos, filantrópicos e comunitários

16/11/2016 13h55 - última modificação 06/10/2017 13h56

Opções de incentivos atendem às necessidades dos diversos perfis de alunos. Foto: Metodista/Anderson Rodrigues

A Educação Metodista possui um completo e dinâmico catálogo de incentivos para ingresso nas unidades de ensino que vão desde bolsas, financiamentos e descontos, até recompensas para indicações de pais e amigos. Ao favorecer o acesso às suas universidades, centros universitários e faculdades, a Educação Metodista põe em prática seu caráter comunitário e democratiza o conhecimento.

Os incentivos trazem uma série de opções que atendem às necessidades dos diversos perfis de alunos. Há modalidades como o "Amigo indica Amigo”, que concede abatimentos nas matrículas dos estudantes que indicarem novos alunos para as instituições; o “Ex-alunos dos Colégios Metodistas”, que possibilita descontos nas mensalidades até o final do curso; e as “Transferências”, que dão direito a benefícios para matriculados em outras instituições que migrem para unidades da Educação Metodista; confira todas as opções e veja qual combina melhor com você:


Educação Metodista

Existentes no Brasil desde 1881, as instituições educacionais metodistas combinam tradição, compromisso com princípios e valores éticos e cristãos e qualidade para formar um sistema integrado distribuído em diversas partes do País. As instituições reúnem duas universidades, dois centros universitários, duas faculdades e 15 colégios, que oferecem desde o Ensino Infantil até o Ensino Médio, além de três creches, uma instituição que oferece Educação Suplementar, uma escola de música, um centro cultural e um centro de estudos sobre Educação e Metodismo. Ao todo, são 50 instituições em 13 estados, além do Distrito Federal, totalizando mais de 53 mil alunos.

O comprometimento das instituições é com a realização de uma educação diferenciada, que alia qualidade acadêmica, científica e tecnológica com os mais profundos princípios ético-cristãos, o Evangelho e pela identidade metodista. Seu caráter confessional reforça a importância da formação de indivíduos que, além das competências profissionais, sejam agentes transformadores da sociedade.

Formação cidadã 

Concebido no contexto da Revolução Industrial na Inglaterra no século XVIII, o princípio educacional da Igreja Metodista é baseado na pedagogia como elemento para transformação social e no conhecimento como caminho para uma sociedade mais justa e igualitária. Suas premissas pregam libertação e formação de cidadãos para influenciarem suas próprias vidas e construírem seus destinos de acordo com suas expectativas e valores humanitários.

Os fundamentos, recentemente revisados, seguem o conteúdo original e consistem em: desenvolver consciência crítica da realidade; compreender que o interesse social é mais importante que o individual; exercitar o senso e a prática da justiça e solidariedade; alcançar a sua realização como fruto do esforço comum; tomar consciência de que todos têm direito de participar de modo justo dos frutos do trabalho; reconhecer que, dentro de uma perspectiva cristã, útil é aquilo que tem valor social. A solidez do embasamento teórico explica a perenidade e a multiplicação do movimento metodista pelo mundo e reafirma sua necessidade para a constante evolução da sociedade.

Comunicar erros