Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Centro de Estudos Wesleyanos / Acervo / Dicas para pesquisa bibliográfica

Dicas para pesquisa bibliográfica

Por: Helmut Renders

Introdução

Com o primeiro curso semipresencial de Estudos Wesleyanos da Faculdade de Teologia da Igreja Metodista, reafirmou-se a necessidade de existir uma biblioteca virtual. O curso coincide com um fenômeno favorável a esse empreendimento: as pessoas interessadas em estudos wesleyanos têm hoje recursos jamais previstos há dez anos. Em todo o mundo há iniciativas na área de Estudos Wesleyanos, tendo em vista digitalizar diários, cartas, sermões, obras, comentários bíblicos, imagens, e editar estudos e revistas eletrônicas. Nunca foi tão fácil ter acesso a fontes primárias e secundárias - independente do próprio lugar de trabalho - para pessoalmente construir conhecimento, especialmente quando tiver condições de ler em inglês e espanhol. Reconhecemos que, na Internet, está-se formando uma biblioteca virtual de estudos wesleyanos. O Centro de Estudos Wesleyanos acompanha esse desenvolvimento.


1. Fontes primárias

1.1 As diferentes formas de fontes na Internet

Textos encontram-se na internet sob formas diferentes. Muitas vezes, o texto impresso é completamente transformado em formatos como html, pdf, doc ou txt. Dessa forma, pode ser usada a função procura de palavra, uma ferramenta importante na pesquisa. Por outro lado, uma foto do mesmo documento pode revelar outros aspetos importantes para a sua compreensão, como, por exemplo, sobre o cuidado editorial (edição popular ou luxuosa, materiais usados), a letra própria de uma pessoa, eventuais comentários etc. Trata-se de reproduções fotomecânicas, em geral nos formatos gif, tif ou jpg.


2. Obras de Wesley transformadas em html, pdf, doc e txt

O mais abrangente esforço na disponibilização de textos de Charles e John Wesley é feito pelo Center for Aplied Studies, localizado na Nazarene University (CAS). As obras são compartilhadas na língua original, geralmente no formato html. Paralelamente, o CAS está implantando uma coletânea de traduções das obras em espanhol baseada, em parte, na tradução das obras da Wesley Heritage Society. Além do CAS há diversas outras páginas nas quais se encontram os Sermões e outros textos, por exemplo, a página da Igreja Metodista Unida nos EUA. Existem algumas traduções de partes das obras de Charles e John Wesley para o português, porém somente de forma impressa ou de forma não oficial, como exemplo, uma tradução de 93 sermões por Izilda Bella.

Observação: somente encontrei essa tradução num grupo de discussão no yahoo:http://br.groups.yahoo.com/group/metodistas_brasil/files/

Quanto aos textos impressos, há textos curtos espalhados nas publicações da igreja (revistas e jornais). Essas traduções podem ser, futuramente, digitalizadas.


2.1 Reproduções de imagens

Em diversos lugares encontram-se reproduções fotográficas ou digitais. Os mais importantes fornecedores são o Methodist Archives e Research Centre (MARC). Na Inglaterra, as páginas da Igreja Metodista Unida dos EUA (UMC) e o Center for Methodist Studies, Texas (CMS). Na América Latina o Centro Cultural Marta Watts é um feliz exemplo de uma instalação histórica na Internet.

O CMS tem no seu acervo uma ampla coleção de cartas escritas por e para John e Charles Wesley. Algumas delas encontram-se na Internet. O MARC tem imagens de obras e cartas dos Wesleys e de suas famílias. As páginas relacionadas à UMC fornecem também um número de imagens de textos e de pessoas, como também coletâneas especiais como das pregadoras metodistas, e um livro de imagens da história do metodismo.


2.2 Edições das Obras de Wesley vendidas como CD

Uma outra ferramenta importante são as edições eletrônicas em CD-ROM. Já existe CD com as Obras de Wesley, da edição Jackson de 1832. Esse texto serve para pesquisas iniciais, mas não substitui a consulta de edições críticas. Em breve deve estar à venda um CD-ROM da atual obra referencial, a Bicentennial Edition. Mas, como essa edição ainda não foi terminada, será uma edição incompleta que se justificará pelas suas introduções e notas de roda-pé.


3. Fontes secundárias

3.1 Revistas eletrônicas na Internet
Entre as fontes secundárias, podemos distinguir páginas e revistas sobre o século XVIII e páginas e revistas especializadas em estudos wesleyanos. Algumas revistas são diretamente acessíveis, outras revistas somente mediante portais de universidades, inclusive o portal das revistas eletrônicas do Ministério de Educação e Cultura (MEC).
Revistas especializadas em Estudos Wesleyanos:

Revista Caminhando da Faculdade de Teologia da Igreja Metodista / Umesp.
Revista Methodist Review: A Jornal of Wesleyan e Methodist Studies.


Professores/as da Faculdade de Teologia publicam também artigos sobre temas da teologia wesleyana em revistas como:

Revista Ciências da Religião – História e Sociedade (Universidade Mackenzie, SP)
Revista Estudos da Religião (UMESP)
Revista Estudos Teológicos (EST-São Leopoldo, RS)
Revista Horizonte (PUC-Minas, Belo Horizonte, MG)
Revista Pistis & Praxis (PUC-Curitiba, SC)


Além das revistas mencionadas, encontram-se artigos em revistas teológicas, históricas, socioculturais, linguísticas, da jurisprudência e da econômica. Como um exemplo, mencionamos aqui as inúmeras revistas da editora Bridwell.

3.2 Serviço de envio de artigos
Algumas bibliotecas universitárias oferecem um serviço de envio eletrônico de artigos. Esse serviço é normalmente pago e nem sempre acessível fora do país da biblioteca, por razões jurídicas. Futuramente, esse tipo de serviço bibliotecário deve crescer e ajudar nos Estudos Wesleyanos.

3.3 Livros eletrônicos e a ferramenta da procura no texto integral (amazon.com)
Cada dia mais cresce também a disponibilidade de livros eletrônicos. O acesso a eles normalmente não é gratuito e restringe-se a uma leitura on-line, sem possibilidade de copiá-lo.

Comunicar erros

Acesso Restrito

Portal do Aluno / Docente
Portal CAPES
EVENTOS
EVENTOS -