Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Gestão de cidades / Notícias / Grupo de Trabalho do Parque Tecnológico do ABC é instaurado

Grupo de Trabalho do Parque Tecnológico do ABC é instaurado

04/08/2009

04/08/2009 17h57

O secretário de Desenvolvimento do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e prefeito de São Caetano, José Auricchio Jr (PTB), instalaram ontem o Grupo de Trabalho do Parque Tecnológico do ABC. A solenidade foi realizada após a apresentação do secretário estadual sobre os Parques Tecnológicos do Estado de São Paulo e a política de desenvolvimento do governo estadual na 180ª Reunião Ordinária do Conselho de Municípios.

A instalação do Grupo de Trabalho e a posse de seus integrantes contou com a participação dos prefeitos da região, com representantes do Pólo Petroquímico e dos APLs Plásticos e Metalmecãnico, do Sebrae, dos reitores das universidades da região, do presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo, Sérgio Nobre, e do deputado federal José Anibal (PSDB).

O secretário Geraldo Alckmin disse que as pré-condições para a instalação do Parque Tecnológico do ABC estão todas colocadas. "O ABC é um bom exemplo de união, o Consórcio Intermunicipal é um bom exemplo de organização e a Agência de Desenvolvimento Econômico poderá fazer o trabalho de governança do futuro Parque Tecnológico".

O Parque Tecnológico é uma concentração geográfica de empresas e instituições associadas que criam um ambiente favorável à inovação, na medida em que passam a compartilhar do mesmo ambiente, empresas, universidades, centros de pesquisas e investidores, que geram benefícios econômicos para seus participantes e comunidades.

O presidente do Consórcio, José Auricchio Jr, afirmou que a região deverá conseguir o Parque Tecnológico em curto espaço de tempo e que os municípios terão interesse em disponibilizar áreas para a sua implantação. "Do rol de notícias que o secretário Geraldo Alckmin nos trouxe esta é a mais representativa para a nossa região e sua implantação poderá ser feita em curto espaço de tempo, a partir do momento que desenvolvermos as ações que nos competem", acrescentou.

O prefeito Luiz Marinho disse que a cidade tem muito a oferecer para a instalação do parque tecnológico. "São Bernardo pode dar sua contribuição na medida em que temos inteligência instalada na cidade, por meio das universidades, empresas e centros de pesquisa das várias empresas. Temos de trabalhar esse conjunto de inteligência instalada na cidade e na região para que o pólo seja um sucesso", afirmou. Para o chefe do Executivo de São Bernardo, com pólos tecnológicos em várias regiões do Estado, o Grande ABC "jamais poderia ficar ausente desse processo".

De acordo com o secretário estadual, para a implantação do Parque Tecnológico há necessidade de uma área de 200 mil metros quadrados, que pode ser descontínua, e a definição do eixo técnico científico e da mão-de-obra. O futuro Parque Tecnológico deverá ser o terceiro a ser instalado no Estado de São Paulo. Atualmente há um em São Carlos e outro em São José dos Campos.

Na quinta-feira, uma comitiva de 55 pessoas, com a confirmação dos prefeitos de Santo André, São Bernardo e Rio Grande da Serra, visitará o Parque Tecnológico de São José dos Campos. E no próximo dia 20 já está agendada a visita ao Parque Tecnológico do Vale dos Sinos no Rio Grande do Sul.


Fonte: ABC Repórter

Comunicar erros