Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Núcleo de Formação Cidadã / Disciplinas

Disciplinas Eletivas

O trabalho junto aos alunos consiste no entendimento das Eletivas como uma oportunidade de, no âmbito acadêmico, crescer pessoalmente.

As eletivas oferecem oportunidade de discutir temas atualíssimos e também dão aos discentes oportunidades de criar – seja criação artística, científica, elaboração e realização de projetos sociais, etc.

Obs.: As disciplinas ou módulos Eletivas de Formação Cidadã são obrigatórias. Um semestre antes de cursá-la o aluno participa do Processo Eletivo.

 

Filosofia

A disciplina ou tema Filosofia está presente nos períodos iniciais de todos os cursos de graduação da Metodista, ocupando um espaço privilegiado na universidade. Caracterizada como disciplina ou tema de formação cidadã, ela é o primeiro passo para a execução de um projeto pedagógico institucional que pretende possibilitar ao discente uma formação não alienada em relação ao contexto cultural em que vive. Para isso, a Filosofia deve ser entendida de forma abrangente quanto a criticidade, reflexiva, não preconceituosa do universo e do ser humano e que possa conciliar o conhecimento científico com a prática cidadã, possibilitando ao aluno uma formação humanística. A Filosofia coloca-se como responsável pelo início dessa formação.

Mesmo inserida em todos os cursos da Universidade, a Filosofia deve ser entendida como parte do projeto de formação cidadã, compondo assim este projeto. Por este motivo, a gestão, planejamento e execução da disciplina ou tema Filosofia fica a cargo do Núcleo de Formação Cidadã, sem prejuízo da interação e diálogo com os respectivos cursos.


Disciplinas eletivas

Memória e Cultura Afro-Brasileira
Ementa:
A temática pretende refletir sobre as matrizes africanas e indígenas e sua relação com a construção da cidadania dos brasileiros. Debate a questão da memória e cultura afro-brasileira e indígena e aborda as lutas contemporâneas e as políticas de ação afirmativa. Discute as relações étnico-raciais e seus desdobramentos na sociedade. Reflete criticamente o foco etnocêntrico marcadamente de viés europeu presente na sociedade e busca sua ampliação reconhecendo a diversidade cultural, racial, econômica e social brasileira. Atividade de pesquisa no Museu Afro Brasil no município de São Paulo.

Direitos Humanos e Cidadania
Ementa:
Estudo dos fundamentos, evolução e significado contemporâneo dos Direitos Humanos e Cidadania. Busca uma visão panorâmica da construção histórica dos direitos humanos e da cidadania. Os direitos fundamentais como um processo de participação e lutas sociais. Os Direitos Fundamentais e as relações entre o Estado e a sociedade civil. Estudo das declarações dos fóruns sociais e da relação entre a globalização neoliberal e seu impacto sobre os direitos humanos. Atividade de pesquisa no Memorial da Resistência em São Paulo.

Por uma Sociedade Inclusiva: LIBRAS
Ementa:
A construção da sociedade inclusiva, que respeita as diferenças e valoriza a singularidade humana, é um dos desafios do mundo contemporâneo. Neste sentido, a legislação brasileira estabelece a necessária difusão da LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) em todo o território nacional, entendendo-a como um direito do cidadão surdo. Assim sendo, a proposta deste curso é de discutir aspectos referentes à deficiência auditiva e suas implicações no processo de interação ouvintes/surdos, além de discutir aspectos relativos à inclusão social das pessoas com deficiência. Trata-se de preparar os profissionais no que se refere a estratégias de comunicação com os surdos, no caso, a LIBRAS, entendendo-se a inclusão como parte fundamental do exercício da cidadania.

Ética e Cidadania
Ementa:
A Ética, entendida na sua perspectiva filosófica, deverá ser tratada na sua fundamentação epistemológica e existencial, bem como de sua articulação com outras preocupações filosóficas: antropológica, cultural, econômica, política, ontológica, entre outras. A Cidadania, por sua vez, abordada em termos sempre inclusivos com a ética, contemplará os problemas concretos e pertinentes à discussão nos vários campos do saber e nas relações humanas em sociedade. Serão priorizadas temáticas pertinentes à realidade contemporânea.

Cinema, Sociedade e Cidadania
Ementa:
O cinema é reconhecidamente um dos mais poderosos meios de comunicação de massa do século XX. Os filmes são fontes de conhecimento e se propõem, de certa forma, “reconstruir a realidade”. A linguagem cinematográfica permite que ocorra a relação entre os filmes e o imaginário social possibilitando a promoção e contemplação de valores éticos e cidadãos a partir do ponto de vista político e estético. A temática tem como objetivo promover e utilizar as produções cinematográficas como instrumento de resignificação e reconstrução da realidade dando sentido, por meio da experiência estética, a temas e situações representativas de conflitos, tensões e sentimentos próprios do cotidiano promovendo debates, reflexão e, consequentemente, desestabilizando dogmas e ideologias propondo novos paradigmas de leitura e interpretação do mundo.
    
Capoeira – Corpo, Expressão e Liberdade
Ementa:
A capoeira tem nas suas interfaces a cultura, o jogo, a dança, a luta, a música, a roda como
espaço de convivência e participação. Respeito e solidariedade são elementos indispensáveis para o jogo da capoeira. A capoeira representa uma expressão corporal, na qual o corpo, sente-pensa, age-interage, dialoga e se movimenta na direção do outro e para o outro, onde a cidadania acontece no corpo e pelo corpo. Na roda da capoeira, o corpo se expressa, se liberta, é o protagonista do seu momento/movimento, busca o prazer e a alegria como forma de criticar a lógica na qual o corpo é objeto de produção/consumo. A temática quer, portanto, valorizar a dimensão poética e política da vida, por meio do corpo/movimento, do lúdico, do jogo, da cultura, enfim, da roda como expressão-espaço de contestação e luta, mas ao mesmo tempo uma homenagem à vida e a um jeito mais brasileiro de ser.

Ética, Cidadania e os novos meios de comunicação
Ementa:
A temática pretende refletir sobre o poder e o fascínio exercido pelos meios de comunicação social sobre seus atores e espectadores. A relação dos movimentos sociais com os novos meios de comunicação social e seus impactos sobre o exercício da cidadania será o eixo (foco) principal da temática. Qual o impacto dos meios de comunicação, dentre esses as redes sociais, sobre o exercício da cidadania? Quem exerce o controle sobre o que é produzido e difundido e qual o peso do capital, do Estado e dos Movimentos Sociais sobre os meios de comunicação social?

Formação do Povo Brasileiro e sua Cidadania
Ementa:
Apresenta uma breve retrospectiva da história do Brasil desde sua descoberta até nossa formação atual. A história da disputa pela terra, por mão de obra e da exploração dos recursos para sustento dos países europeus. Retoma a importância dos movimentos históricos de resistência do povo brasileiro ao processo exploratório desde o início de sua formação até os dias de hoje. Procura responder a questões comuns, tais como: e se tivéssemos sido colonizados por outros povos? bem como compreender a formação da identidade de nosso povo.

Inclusão, diversidade e trabalho
Ementa:
O paradigma da inclusão demanda mudanças nas posturas sociais, tendo em vista a inclusão  de minorias, tais como as pessoas com deficiência. A efetivação desse paradigma perpassa pelos aspectos que envolvem as novas demandas para o trabalho, como: diversidade no trabalho, responsabilidade social, equiparação de oportunidades, qualidade de vida e emprego apoiado. Ao trabalhar  com os cotidianos (por meio de seminários e discussões) visa construir uma formação cidadã e crítica do cenário contemporâneo da inclusão no trabalho e do exercício da cidadania. Articula teoria e prática a fim de dialogar com as realidades do mercado de trabalho para o alcance de um ambiente saudável, inclusivo e de valorização do outro.

Música e Movimentos Populares
Ementa:
Pretendemos fazer uma reflexão sobre como a música pode ser utilizada enquanto um instrumento de mobilização e transformação social, pois por meio dela é possível dar objetividade aos sentimentos e aos sonhos de construção de uma sociedade mais justa e solidária. Para isso, iremos nos concentrar no estudo da Bossa Nova, da Música Popular Brasileira e de algumas tendências da Música Latino-Americana durante os últimos cinquenta anos, dando destaque a compositores, como Silvio Rodrigues/Pablo Milanés (Cuba), Ali Primera (Venezuela), Victor Jara/Violeta Parra (Chile), Mercedes Sosa (Argentina) e tantos outros que cantaram a esperança de que é possível construir um mundo melhor e efetivamente justo.
    
Oficina de Teatro: O fim do Silêncio
Ementa:
Esta oficina pretende instigar, provocar e estimular nossos sentidos, descondicionando-os, por meio de encontros com a linguagem teatral, num movimento coletivo, no qual a expressão individual possa ser acolhida e percebida em toda a sua dimensão ética / estética. Um espaço em que a prática de jogos teatrais amplia as possibilidades de conhecimento e de troca, neste ambiente lúdico é possível conceber o corpo como unidade de ação capaz de romper este silêncio instaurado na contemporaneidade.

Oficina de Teatro: Um ato criativo
Ementa:
As experiências cênicas abrem espaço para a expressão pessoal e coletiva de maneira criativa e estética. Os jogos dramáticos e as improvisações estimulam o relacionamento grupal e possibilita a descoberta da relação do corpo, espaço, som, movimento, fazendo com que o aluno desenvolva o seu potencial criativo.

Performance – Ato e Ação
Ementa:
A performance é uma forma híbrida de expressão artística e que se completa com a interação do público e no contexto onde ela é apresentada. Dessa forma sua conexão direta com a realidade e o cotidiano estimula a reflexão sobre nossa atuação na sociedade.

Contracultura, Música e Cidadania
Ementa:
Pretendemos observar o fenômeno da contracultura a partir dos anos 1960 – cultura underground, cultura alternativa ou cultura marginal, como elemento formador de valores e comportamentos que buscam novas formas de expressão para o indivíduo e grupos nas realidades do cotidiano urbano, observando a música e no cinema. Será dada a oportunidade de diferentes expressões culturais e o diálogo entre os grupos ao longo do curso, e a pesquisa das diversas manifestações culturais e artísticas que contribuem para a formação cidadã na sociedade contemporânea. Como parte das atividades curriculares esta prevista uma atividade no Museu da Imagem e do Som (MIS).

Aldeia Global: Mito ou realidade nas relações internacionais
Ementa:
O recente século XX foi um dos mais interessantes da história humana ocidental. Um breve período de tempo, no qual as mudanças tidas como radicais fizeram parte do cotidiano. Tais mudanças influenciaram na maneira como as Relações Internacionais, que antes eram consideradas somente relações entre Estados, se desenrolaram neste período. Segundo Wolton (2006), foram “inventados e democratizados o telefone, o rádio, a imprensa de grande público”, além de cinema, televisão, computador, etc. Tais inventos formaram um aparato técnico capaz de encurtar distâncias e realizar o que se chama de “aldeia global”. Ainda segundo o autor, isso não significou melhorias na vida das pessoas, e sim ficou mais nítida ainda a diversidade cultural dos povos. Tal diversidade parece estar em conflito entre culturas distintas, como vemos nos noticiários das grandes empresas formadoras de opinião. Esta disciplina busca organizar o conhecimento sobre o meio internacional e os fenômenos a ele associados. Por meio de estudos de casos previamente escolhidos, buscaremos enxergar as Relações Internacionais como mecanismo de transformação social e construção da cidadania, à luz de princípios humanistas.

Religião, Alienação ou Libertação
Ementa:
Sobre o papel da religião na história da civilização humana, em especial no valor simbólico da religião e nas contradições dos interesses econômicos em relação aos anseios populares. Análise histórica, antropológica e filosófica do papel alienador ou libertador da religião.

Sociedade e Meio Ambiente: Sustentabilidade em questão
Ementa:
A temática aborda a importância da natureza para a vida de todos nós. Enfoca o Planeta Terra como nossa casa. Procura reconhecer qual tem sido a relação entre ser humano e natureza. Analisa, por meio da leitura da Cidadania e da Ética, a importância da integração do Ser com sua casa - o oikos. Busca entender as relações entre capital e natureza. Aborda os problemas decorrentes da ação humana sobre a natureza. Busca pesquisar as soluções que estão em prática para os problemas do meio ambiente. A temática engloba: a questão do aquecimento global; o desmatamento na Amazônia; a água doce no mundo; no Brasil; o uso dos recursos hídricos para a obtenção de energia.

Drogas e Rock and Roll
Ementa:
Serão estudados aspectos psicológicos e sociológicos presentes no uso e abuso de substâncias psicoativas, ao longo da história da humanidade e, mais especialmente, nos dias atuais. Será examinada a apologia das drogas ilícitas, presente no rock brasileiro e internacional, bem como a abordagem da temática no cinema. Principais ações em andamento, no Brasil, nas áreas de redução da demanda de drogas e redução de danos, como estratégias de prevenção e tratamento.

Saúde, corpo e mercado
Ementa:
Abordaremos os mitos sobre o corpo e o ideal de beleza e de saúde propostos pela sociedade contemporânea por meio da mídia. Pretende-se discutir o corpo que a mídia oferece contrastando com o corpo que possuímos. A naturalidade do corpo e suas imperfeições podem definir seu sucesso no mercado de trabalho e podem influenciar na exclusão social. A partir destas constatações e, com a análise de filmes e documentários, pretende-se fazer uma reflexão sobre a relação que temos com nosso corpo e sua inserção na sociedade.

Drogas de abuso: do social ao pessoal
Ementa:
Conhecendo as drogas de abuso. Aspectos culturais e sociais do uso de drogas. Epidemiologia do uso de drogas no Brasil e no Mundo. Impacto socioeconômico do uso de drogas. Políticas públicas sobre drogas: combate ao tráfico e à produção, educação, saúde, segurança pública, corrupção e fonte ilegal de renda. Como as drogas atuam no organismo – aspectos biopsicossociais. Efeitos tóxicos do uso de altas doses (overdose). Uso recreativo e dependência. Serviços públicos de prevenção e tratamento a dependentes de substâncias psicoativas. Estratégias no tratamento ao dependente. Importância de cada indivíduo na divulgação de conhecimento sobre drogas de abuso.

Formação política no mundo contemporâneo
Ementa:
A proposta é estudar e refletir sobre os movimentos sociais contemporâneos que contribuem para a construção da cidadania no Brasil e em diferentes cidades no mundo. A proposta é analisar as ondas de protestos que tomaram as grandes cidades pelo mundo a partir da “Primavera Árabe” (2010), passando pelo Movimento “Occupy” até as denominadas “jornadas de junho” no Brasil a partir de junho de 2013. Refletir sobre a sociedade civil, o Estado e as políticas públicas.

A palavra é sua a história é nossa
Ementa:
Esta eletiva tem muita história para contar, e fala diretamente da linguagem, e da oralidade, território da ambiguidade, aborda as possibilidades de trabalho com as narrativas, e discursos em diferentes espaços. O objetivo é criar dois eixos de conteúdos: um deles traz a presença da transmissão oral, das histórias que ordenam e dão sentido às culturas, valorizam o ato de narrar que persiste na contemporaneidade nas mais diferentes situações, até mesmo em espaços de graves desesperanças. O outro se refere a maneira que a sociedade se apodera do discurso e da produção de um imaginário, como um elemento de compreensão da vida social, econômica, política, cultural e religiosa.  Eixos que se entrecruzam por meio da palavra, que ampliam as noções de ética e estética, que percebe a sabedoria da ancestralidade e que analisa o que fala e o que cala no discurso de hoje.

O Mundo inclusivo, é possível?
Ementa:
Abordaremos o paradigma da inclusão fomentando o debate sobre a equiparação de oportunidades no mundo contemporâneo. Ao trabalhar com os estudos do cotidiano procura alcançar a reflexão de uma sociedade que possibilita abrir os horizontes aos avanços e novos desafios numa perspectiva crítica do cenário atual e de formação cidadã como a promoção e dignidade humana. No exercício da cidadania, a concretização desse paradigma perpassa pelo diálogo e o envolvimento para o alcance de uma comunidade inclusiva, cidadã e saudável.

Music and Citizenship: A Global Approach
Ementa:
Experience different musical genres and broadening the cultural horizons of students. Provide a critical analysis of cultural products imposed by the media through new cultural concepts established during lessons. Foster critical thinking of students beyond the news of the great vehicles of information and international communication. Produce knowledge on international issues and their impact on local, regional and national using music. Confira tradução


Comunicar erros