Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Policlínica / Notícias / Policlínica Metodista auxilia quem tem dificuldade escolar ou nas relações familiares

Policlínica Metodista auxilia quem tem dificuldade escolar ou nas relações familiares

Estão abertas as inscrições para atendimentos de psicopedagogia e psicoterapia familiar

16/03/2016 19h50 - última modificação 04/04/2016 19h01

Problemas de escolarização que resultem em baixo desempenho e ambientes conflitantes em família podem ser solucionados com acompanhamento profissional na Policlínica da Universidade Metodista de São Paulo. Os atendimentos na Psicopedagogia buscam auxiliar crianças ou adolescentes – e até mesmo adultos – com dificuldades de aprendizagem, enquanto na Psicoterapia Familiar o trabalho visa a harmonia grupal, com visitas inclusive em domicílio.

Os atendimentos são realizados no campus Rudge Ramos mediante agendamento pelo telefone (11) 4366-5565, de segunda a sexta-feira das 7h às 22h e aos sábados das 7h às 13h. A primeira consulta é gratuita, quando é realizada triagem para diagnosticar o problema. As demais sessões têm preço simbólico, pois o espaço funciona como clínica-escola, supervisionada por professores especialistas nas áreas.

Atendimento psicopedagógico

O atendimento psicopedagógico objetiva identificar dificuldades que estejam prejudicando a escolarização da criança a partir de 4 anos ou de adolescentes e adultos, para promover formas de pensar e agir favoráveis à aprendizagem. O trabalho estimula o desenvolvimento intelectual e afetivo por meio de jogos e livros, contribuindo na construção da autonomia e de uma relação positiva com a aprendizagem.

O atendimento é realizado pelo curso de pós-graduação lato sensu (especialização) em “Psicopedagogia Clínica e Institucional”, sob coordenação da professora Dalva Loreatto dos Santos. Para que o trabalho seja efetivo, as atividades ocorrem em parceria com pais ou responsáveis e professores do aluno. Saiba mais sobre o serviço. 

Psicoterapia familiar

A psicoterapia familiar domiciliar procura estabelecer relações saudáveis e equilibradas no âmbito grupal-familiar. As crises podem se converter em crescimento ou amadurecimento ou, ao contrário, num regresso pessoal ou do grupo. Assim, a intervenção sobre as crises, particularmente sobre aquelas naturais do desenvolvimento, por exemplo, quando uma pessoa se depara com membros que alcançam a terceira idade e são expostos a uma fragilidade natural, exigirá respostas do grupo ante o novo patamar adaptativo.

Além disso, a presença do terapeuta no ambiente doméstico pode contribuir para resgatar a motivação que o paciente não tem para alcançar as dependências da clínica ou do consultório (principalmente quando se trata de família inteira). O atendimento está sob coordenação da professora Marília Martins Vizzotto. Saiba mais sobre o serviço.

Policlínica Metodista
Atendimento: Segunda a sexta, das 7h às 22h; Sábados, das 7h às 13h
Endereço: Rua Planalto, 106, Rudge Ramos, São Bernardo do Campo
Agendamento: (11) 4366-5565

Esta matéria foi publicada no Jornal da Metodista.
Conheça Outras.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , ,