Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós Graduação e Pesquisa / PIBIC / Projetos aprovados / 2008/2009 / Estudo comparativo do método de avaliação da morfologia dos arcos dentários com paquímetro e digitalização em 3D

Estudo comparativo do método de avaliação da morfologia dos arcos dentários com paquímetro e digitalização em 3D

O estudo da morfologia dos arcos dentários é um assunto de bastante interesse na Odontologia, principalmente na Ortodontia. Os modelos dos arcos dentários é considerado um recurso indispensável para a obtenção do correto diagnóstico e plano de tratamento ortodôntico, e para a avaliação de alterações realizadas durante este tratamento. Durante o tratamento ortodôntico, o profissional tem a possibilidade de alterar as dimensões e formas dos arcos dentários para alcançar os seus objetivos.

Entretanto, os arcos dentários superiores e inferiores estão sob a influência das forças de tecidos musculares circunvizinhos e são estabilizados por elas. Desta maneira, se a harmonia entre os elementos dentários, bases ósseas e musculaturas peribucais for rompida pelas alterações da forma e dimensões iniciais dos arcos dentários durante o tratamento ortodôntico, os resultados obtidos podem se tornar instáveis (Strang, 1946).

A estabilidade da correção é um assunto bastante estudado, controvérso, e ainda não totalmente esgotado. Porém, vários autores (STRANG54, 1946; SHAPIRO51, 1974; FELTON et al.19, 1987; DE LA CRUZ et al.16, 1995; TOIGO57, 1996; DAVIS & BeGOLE15, 1998) citam as alterações das dimensões transversais e das formas dos arcos dentários como um fator de instabilidade, tendendo, o arco dentário modificado pelo tratamento ortodôntico, a retornar às suas dimensões iniciais.

Na literatura verificamos inúmeras metodologias para a avaliação dos arcos dentários. Esta pode ser realizada diretamente na cavidade bucal do paciente, em modelos de gesso, em fotografias dos modelos ou em imagens digitalizadas (2D ou 3D).

Verificando a importância do estudo a respeito da morfologia dos arcos dentários, e das diversas metodologias que podem ser empregadas para estudá-las, proponho-me a comparar as medições realizadas diretamente nos modelos de gesso, e aquelas realizadas em imagens digitalizadas em 3 dimensões (3D),verificando sua prescisão

Comunicar erros