Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Núcleo de Artes e Cultura / Notícias / Dia do Idoso é celebrado com ações do Programa Aquarela

Dia do Idoso é celebrado com ações do Programa Aquarela

Edição especial do encontro ‘Uma tarde na Universidade’ contou com teatro infantil e grupo de violão

02/10/2018 17h45 - última modificação 03/10/2018 21h36

O Dia Nacional do Idoso foi motivo de celebração na Universidade Metodista de São Paulo. A data, comemorada em 1º outubro desde a criação do Estatuto do Idoso (2003), contou com edição especial do encontro “Uma tarde na Universidade”, promovida pelo Programa Aquarela - 3ª Idade, do Núcleo de Arte e Cultura (NAC).

A ação é uma forma de refletir sobre direitos e valorização da pessoa idosa na universidade.

A programação teve início com apresentação do grupo “Violão no Canto”, às 14h, no Centro de Convivência do campus Rudge Ramos, que mostrou a importância da música no processo de integração social. O grupo é regido pela professora Geni Lourenço e é formado por integrantes das oficinas de “Violão” e “Quem Canta Seus Males Espanta”.

Às 14h30, o Grupo de Teatro Aquarela, sob direção de Nina Mancin, apresentou o espetáculo infantil “A Rainha dos Insetos”, no anfiteatro Marcio de Moraes, para idosos e alunos de Educação Infantil do Colégio Metodista. A peça mostra diversos insetos, cada qual com sua personalidade e característica, que abordam a importância da amizade, generosidade, alegria e amor, com repertório musical contagiante. 

De acordo com a coordenadora no NAC, Cláudia Cezar, as apresentações tornam possível atingir públicos diferentes, além de dar visibilidade aos dois grupos. “Sempre marcamos o Dia do Idoso tentando aproximar diferentes idades. Desta vez, tivemos apresentação de teatro infantil, onde reunimos no mesmo espaço crianças e idosos. Tivemos também apresentação de violão com a presença do idoso no espaço universitário, tentando atingir funcionários, alunos do colégio e jovens que por ali circulam”, disse.

Segundo Cláudia, a ação possibilitou atrair a atenção para os idosos. “Esse momento é importante para falarmos dos direitos e reforçarmos a presença dos idosos dentro do espaço universitário”, contou a coordenadora.

Após as apresentações foram entregues desenhos para homenagear a data e realizado um café comunitário com direito a bolo.

Confira a ficha técnica:
Direção e adaptação: Nina Mancin 
Elenco: Grupo de Teatro Aquarela - Arlene Brandão (Formiga), Creusa Estevam (Taturana), Elisa Brossi (Baratinha), Itair Lopes (Abelhuda e Mosca), Janete Caltabiano (Minhoca), Maria de Fátima (Abelhuda e Mosca), Maria Manzine (Abelhuda e Mosca), Renny Vaqueiro (Aranha), Rodolpho Panico (Mosquito e Rei (vaga-lume)), Rosa Beltrame (Joaninha), Sonia Cristina (Borboleta e Mosca).
Realização: Núcleo de Arte e Cultura 

Realização: Núcleo de Arte e Cultura 

Conheça o Grupo de Teatro Aquarela
O Núcleo de Arte e Cultura da Universidade Metodista de São Paulo promove, desde 2011, o Programa Aquarela, que é voltado para pessoas na 3ª Idade. O lema do Programa é “solidariedade entre gerações” e por isso o foco é articular ações que possam gerar um encontro intergeracional. Dentre as oficinas promovidas pelo Aquarela, a Oficina de Teatro se consolidou e dela nasceu um grupo comprometido com a arte de interpretar. O grupo de teatro Aquarela realiza diversas performances e espetáculos teatrais com a direção de Nina Mancin. 

Saiba mais sobre a diretora, Nina Mancin 
Atriz, arte educadora, pedagoga e psicopedagoga, produtora e diretora teatral. Há 16 anos atua, voluntariamente, como diretora, professora de teatro e produtora na “Cia Teatral Olhos de Dentro” que visa a inclusão de pessoas com deficiência. Atuou em vários espetáculos infantis, inclusive de bonecos (Bunraku). Protagonizou espetáculos adultos, participou de mais de 35 montagens teatrais, incluindo monólogos e teatro de rua, dirigiu mais de 28 espetáculos teatrais, incluindo espetáculos adultos, de rua, infantis e teatro de bonecos, além de dirigir diversos programas de TV no Canal aberto. Participou de curtas metragens, comerciais de TV, minisséries, institucionais e longa metragens. Premiada como melhor atriz no Festival de Monólogos e indicada como melhor atriz prêmio APETESP (adulto) e Coca-Cola (infantil). Arte educadora no Núcleo de Arte e Cultura da Metodista, dirige o Grupo de Teatro Sintonia (formado por pessoas com deficiência) e O Grupo de Teatro Aquarela - teatro para terceira idade.


Confira as fotos do evento:

Dia do Idoso - NAC

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , ,
X