Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Handebol / Masculino / Notícias / Metodista/São Bernardo/Besni vence Guarulhos com dificuldade no Paulista de Handebol Masculino

Metodista/São Bernardo/Besni vence Guarulhos com dificuldade no Paulista de Handebol Masculino

01/06/2016 14h54

Goleiro Marcos na defesa de um lance de sete metros

Em uma partida que o nível técnico deixou a desejar, a Metodista/São Bernardo/Besni venceu o Guarulhos por 34 a 32 (20 a 18 no primeiro tempo), jogando em casa, no ginásio do Baetão, na noite desta terça-feira (31), pelo Campeonato Paulista de Handebol Masculino.

O início do duelo aparentava uma disputa “pegada”, com o placar empatado e as equipes chegando ao gol adversário rapidamente. Mas isto durou apenas três minutos. Em seguida, os dois lados passaram a abusar de erros, desde simplesmente deixar a bola escorregar pelas mãos, até erros de finalização.

O Guarulhos soube se posicionar um pouco melhor neste momento e, aos oito minutos, passou à frente no marcador, ficando com dois gols de vantagem. Mas também durou pouco. Aos dez minutos, o armador Thiago cometeu falta e foi punido com dois minutos, ocasião bem aproveitada pela Metodista para voltar ao empate. Daí em diante, o placar foi disputado ponto a ponto, mas próximo aos vinte minutos, os visitantes retomaram a dianteira, isto até o técnico do time anfitrião, José Ronaldo, o SB, colocar o goleiro Marcos Colodeti no lugar de Leandro Dias, que, gripado, não estava se sentindo bem. Marcos cumpriu bem o papel e barrou vários lances dos adversários, ajudando sua equipe a virar novamente e fechar a primeira etapa em 20 a 18.

No segundo tempo, a história começou a ficar diferente. A Metodista pouco aproveitou seu jogador mais experiente no primeiro tempo, o ponta Carlito, que estava apagado e pouco chamou o jogo para si. Mas na volta do intervalo, SB promoveu nova mudança no grupo e colocou Carlito como armador e este, apoiado pelo outro armador experiente, o Jeison, passou a chamar mais a responsabilidade. A estratégia deu certo. Os donos da casa logo dominaram o confronto e em pouco mais de sete minutos já estavam com nove gols de vantagem.

Com esta “folga”, SB mexeu no time outra vez e passou a utilizar seus atletas mais jovens para dar a eles a chamada “rodagem”. A postura teve consequência séria, pois o Guarulhos cresceu novamente na partida e conseguiu o feito de tirar a diferença e ainda ficar na frente por dois gols mais uma vez, anotando 30 a 28. Porém, agora faltava pouco mais de cinco minutos para o término do jogo e a Metodista precisou recorrer à formação eficiente do início da etapa, colocando Carlito de volta na armação com Jeison e, assim, os minutos finais bastaram para o clube são-bernardense conseguir outra virada e ficar com a vitória.

O técnico SB deu uma explicação para o nível do jogo. “O grupo saiu um pouco fora do combinado e entrou relaxado demais, por isso o excesso de erros. Além disso, no primeiro tempo nossa defesa não ‘encaixou’ e isso dificultou mais. Quando nos realinhamos, quis aproveitar a oportunidade para dar espaço para o elenco todo, para continuar a trabalhar a evolução individual dos atletas e arriscamos o resultado. Por outro lado, vimos nossa capacidade de reorganização para conseguir sair de uma situação complicada, como foi hoje”.

Eleito destaque da partida por suas defesas, o goleiro Marcos também pontuou qual foi o problema. “Estávamos muito desatentos, principalmente no primeiro tempo. Tivemos nossa recuperação no segundo tempo, mas voltamos a errar. Soubemos não entrar no desespero e tivemos tranquilidade para retomar o ritmo no momento certo”, disse.

Com o resultado, a Metodista mantém o quarto lugar no torneio, atrás de São Caetano (1º), Taubaté (2º) e Pinheiros (3º). O próximo compromisso da equipe será no dia 10 de junho, contra o Pinheiros, também no Baetão.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , ,
EQUIPE FEMININA
EQUIPE MASCULINA