Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Centro Otília Chaves / Chácara Flora / Ex-alunas do Instituto Metodista reúnem-se na FaTeo

Ex-alunas do Instituto Metodista reúnem-se na FaTeo

Tempo de reconhecimento e gratidão: o último encontro das alunas e professoras da Chácara Flora

Tempo de reconhecimento e gratidão: o último encontro das alunas e professoras da Chácara Flora

 

Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu
Tudo fez Deus formoso no seu devido tempo; também pôs a eternidade no coração do homem, sem que este possa descobrir as obras que Deus fez desde o princípio até ao fim.
Sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe pode acrescentar e nada lhe tirar; e isto faz Deus para que os homens temam diante dele.
O que é já foi, e o que há de ser também já foi; Deus fará renovar-se o que se passou. (Eclesiastes, versículos 1, 11, 14 e 15)

No dia 10 de novembro de 2013, a FaTeo, com o apoio do Centro Otília Chaves, sediou o último encontro da Associação de Ex-Alunas e Ex-Professoras do Instituto Metodista, mais conhecido como "Chácara Flora", que formou diaconisas metodistas antes da aprovação do ministério pastoral feminino.

Palavras como "último" ou "fim" não costumam ser bem-vindas. Numa sociedade que privilegia valores como produtividade, velocidade e crescimento, a notícia do último encontro oficial de nossas queridas diaconisas parece vir envolta de uma nota de tristeza. Talvez não para elas. A essas valorosas mulheres Deus concedeu o dom da sabedoria. Como o autor de Eclesiastes, elas sabem que tudo tem o seu tempo. Com o passar dos anos, a organização do encontro tornou-se mais difícil e cansativa.

Houve o tempo da atividade, da presteza, do incansável serviço à Igreja, agora é o tempo do vagar, do repouso e, sobretudo, do nosso reconhecimento e gratidão. Graças ao pioneirismo dessas irmãs, a Igreja Metodista foi exemplo, no Brasil, da valorização do ministério pastoral feminino -- representado na pessoa da pastora Zeni de Lima Soares, primeira presbítera metodista, que compareceu ao encontro.

Clérigas ou leigas, diaconisas ou pastoras, acima de tudo essas mulheres metodistas são cristãs. Têm Jesus como seu mestre, lhe seguem os passos e, até hoje, servem ao Senhor com alegria, inspirando a Igreja, ensinando com sua sabedoria, história, atitudes, com seu passado e seu presente. Elas sabem que tudo tem o seu tempo... mas, como também diz o Eclesiastes, Deus fará renovar-se o que se passou. Que assim seja!

 

Leia, abaixo, a mensagem de despedida da Associação de Ex-Alunas e Ex-Professoras do Instituto Metodista.

 

GRATA MEMÓRIA

Como fruto do sonho e serviço de mulheres brasileiras e apoio financeiro da Woman´s Division of the Board of Missions, organizou-se em 1941, no Colégio Metodista em Ribeirão Preto, o INSTITUTO METODISTA com o objetivo de capacitar  moças para o trabalho religioso em igrejas e comunidades.

Em 1950, o INSTITUTO METODISTA, com o apoio da Women`s Division adquire uma bela propriedade na Chácara Flora em Santo Amaro/SP. Em todo o período de funcionamento o INSTITUTO METODISTA capacitou 268 (duzentos e sessenta e oito) alunas, sob a orientação de duas valorosas mulheres: Sarah Bennet e Dina Rizzi.

Com o fechamento da  instituição em 1966 e a transferência do curso para a Faculdade de Teologia, em Rudge Ramos, São Bernardo do Campo que teve a duração de um ano (1967), o grupo perde seu local de referência. Para manter essa memória viva e resgatar a história de tantas vidas, em 1971, Dina Rizzi (ex-reitora) e Ana Maria Arantes (ex-aluna) gestam a Associação das Ex-alunas e Ex-professores da Instituição. São 42 anos de vida  abundante.

Ao longo destes anos foram realizados 33 encontros. Inicialmente na propriedade da Chácara Flora, e após sua venda em 2005, a UMESP (Universidade Metodista de São Paulo) a FATEO, (Faculdade de Teologia)  e o Centro Otília Chaves, graciosamente nos hospedam.

Hoje, 10 de novembro de 2013, último encontro, nos reunimos para agradecer a Deus, pelos sonhos, a vida e o ministério desempenhado por tantas pessoas que viveram e vivem o lema:“Servir ao SENHOR com alegria”. Salmos 100:2a

Veja todas as fotos do Encontro de Ex-Alunas e Ex-Professoras do Instituto Metodista em

http://www.flickr.com/photos/108577714@N02/sets/72157637837675964/

VEJA TAMBÉM:

Entre os dias 2 e 4 de outubro de 2009, um animado grupo de ex-alunas e professoras (e um professor) do Instituto Metodista reuniu-se Faculdade de Teologia da Igreja Metodista, a FaTeo.

O encontro teve como tema o versículo 5 do capítulo 21 de Apocalipse: "Eis que faço novas todas as coisas". E foi com o desejo de aprender e viver coisas novas que as ex-alunas participaram de um estudo bíblico conduzido pelo bispo emérito Paulo Ayres Mattos, visitaram a sala "Sarah Bennett e Dina Rizzi", na reitoria da FaTeo, assistiram à palestra "A vida nossa de cada dia", ministrada pelo Dr. Rubens de Almeida Pupo Jr e ainda puderam se alegrar com atividades artísticas, culturais, histórias, lembranças e muita amizade!

Veja abaixo quem participou, fique em contato e prepare-para novos encontros!

imagens/Lauricinda.jpg

Lauricinda Campos dos Santos

Data de aniversário: 13/02

Campinas – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Pude contribuir com os meus conhecimentos na área de enfermagem para as alunas.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? É bom rever as amigas e ver o que estão fazendo.

imagens/Odete.jpg

Odete do Nascimento Filliettaz

Data de aniversário: 30/07

São Bernardo do Campo - SP

O que foi o Instituto em sua vida? A mudança de uma menina inexperiente para uma mulher madura e batalhadora.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Significa que a gente nunca deve mudar nossos ideais.

imagens/Hulda.jpg

Hulda Botelho

Data de aniversário: 15/11

São Paulo – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Abriu minha visão, vendo mais longe.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Uma confraternização, com o conhecimento que a gente adquire.

imagens/Miralda.jpg

Miralda de Oliveira

Data de aniversário: 11/05

Santos – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Auxiliou muito a ser obreira na escola dominical e a trabalhar com as crianças.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? São ótimos, tenho gostado demais.

imagens/Mirian.jpg

Mirian Strützel

Data de aniversário: 31/07

São Paulo – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Serviu para melhorar o contato com as mulheres, e profissionalmente abriu os olhos para muitas carreiras.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Renovação de amizades, conhecimento do trabalho que esta sendo desenvolvido pelas amigas, e estabelecer novos projetos.

imagens/Phyllis.jpg

Phyllis Reily

Data de aniversário: 16/01

Campinas – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Um trabalho maravilhoso, o trabalho com as crianças na igreja é importantíssimo. O prazer de ajudar as moças a desenvolver o seu dom na área de criatividade.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? O encontro está sendo maravilhoso, o estudo foi fantástico.

imagens/Norah.jpg

Norah Baptista dos Santos

Data de aniversário: 12/04

Rio de Janeiro – RJ

O que foi o Instituto em sua vida? A melhor fase da minha vida, e perdura até o dia de hoje.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Mesmo sendo uma vez no ano, vale a pena! São momentos ricos.

imagens/Lydia.jpg

Lydia dos Santos

Data de aniversário: 25/07

Campinas – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Uma oportunidade para divulgar o serviço social na igreja.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Os encontros ajudam a ver a trajetória de vida das ex-alunas. E os temas abordados acrescentam algo em nossas vidas.

imagens/Celia.jpg

Célia de Oliveira Silva

Data de aniversário: 21/05

São Paulo – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Remodelou a minha vida, deixei o trabalho para fazer o curso.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Excepcional e gratificante. É bom rever as amigas.

imagens/Penha.jpg

Maria da Penha Figueiredo

Data de aniversário: 05/06

Campo Grande - RJ

O que foi o Instituto em sua vida? Foi tudo. Aprendi a viver e conviver com as pessoas com dignidade.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? É muito bom para relembrar o instituto e o que ele representou em nossas vidas.

imagens/Irany.jpg

Irany Uliana Varela

Data de aniversário: 25/02

Marília – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Uma experiência de vida.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Um retorno agradável ao passado.

imagens/Marluce.jpg

Marluce Lopes de Souza

Data de aniversário: 03/09

Santa Rita do Sapucaí - MG

O que foi o Instituto em sua vida? Fortificou-me, onde obtive um grande crescimento e desenvolvimento para toda minha vida.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Momentos além da convivência com as irmãs, tenho conhecimento de onde elas estão e o que estão fazendo.

imagens/Elza.jpg

Elza Pereira da Silva

Data de aniversário: 12/10

Porto Alegre – RS

O que foi o Instituto em sua vida? Foi a expansão da minha religiosidade, o desejo de aprender a servir, a oportunidade de crescer espiritualmente e culturalmente.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Uma grande benção, uma maneira de nos congraçar anualmente.

imagens/Irene.jpg

Irene Uliana Rosa

Data de aniversário: 10/04

Campinas – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Foi a coisa mais importante da minha vida.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Uma renovação para o ano inteiro.

imagens/Reiko.jpg

Reiko Watanabe

Data de aniversário: 06/01

São Paulo – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Abriu as portas para a minha vida e trouxe mais significado para ela.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Sempre reciclando e aprendendo novas coisas no compartilhar de experiências.

imagens/Romilde.jpg

Romilde dos Santos Sant’Ana

Data de aniversário: 16/08

Piracicaba – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Libertação

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Reencontro.

imagens/Jayme.jpg

Jayme Zaparoli

Data de aniversário: 08/10

Campinas – SP

O que foi o Instituto em sua vida? Representou uma experiência de vivência de professor e alunas muito marcante.

Qual o significado destes encontros para a sua vida? Uma oportunidade de reviver aqueles tempos que foram muito gratificantes como experiência profissional.

Comunicar erros

CURSOS OFERECIDOS