Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Observatório Econômico / Notícias / Comércio terá melhor Dia das Mães em três anos, revela Pesquisa de Intenção de Compras da Metodista

Comércio terá melhor Dia das Mães em três anos, revela Pesquisa de Intenção de Compras da Metodista

Consumidor pretende gastar R$ 191 por presente, ou 45% mais do que em 2017

02/05/2018 21h30 - última modificação 04/05/2018 21h52

O melhor Dia das Mães em três anos é a expectativa para o comércio do ABC paulista, que deve movimentar R$ 132 milhões em vendas, segundo Pesquisa de Intenção de Compras apurada pela Universidade Metodista de São Paulo. O volume representa crescimento real (descontada a inflação) de 16% em relação ao ano passado. 

Foto pixabay.com
Foto pixabay.com

Considerando a maior disposição para gastar, o que não ocorria desde 2015, em virtude da maior confiança com o mercado de trabalho que deixou de piorar, os consumidores pretendem desembolsar R$ 191 em média por presente. Se considerada a inflação de 2,95% nos últimos 12 meses, a variação real é de cerca de 45% sobre os R$ 128 gastos por presente no ano passado. Com relação aos gastos planejados (mais de um presente) para a data, os entrevistados revelaram pretensão de desembolsar R$ 260. Comparativamente aos R$ 180 do ano anterior, há um aumento de 40% em termos reais.

A PIC é realizada pelo Observatório Econômico da Metodista em parceria com as Associações Comerciais e Industriais das sete cidades do Grande ABC, região que concentra 2,7 milhões de moradores.
Conforme resultado de 479 questionários validados, as mães lideram o público a ser presenteado (56,5%), seguidas de esposas (11,7%), sogras (10,8%) e avós (9%). Os presentes mais procurados deverão ser vestuários (32% das preferências), seguidos de perfumes e cosméticos (19,1%), flores (9,1%), joias/bijuterias (8%), cestas de café da manhã (5,6%) e utensílios, assim como observado em 2017.

Outro fato determinante é a forma de pagamento, considerando o gasto médio revelado pelos que pretendem utilizar cartão de crédito (R$ 403), cartão de débito (R$ 270), cartão da loja (R$ 168) e dinheiro (R$ 144). Em outro recorte, vão gastar mais os que preferem comprar via internet (R$ 350), em shopping (R$ 334), em comércio de bairro (R$ 201) e no comércio do centro (R$ 165).

Os estabelecimentos preferidos para compras são os shoppings (40%), o comércio formal dos centros das cidades (26%), internet (12%) e comércios de bairro (11%). É interessante observar que, assim como nos anos anteriores, a preferência pelos shoppings aumenta à medida que a renda da família se eleva, assim como se reduz a preferência pelo comércio do centro e do bairro, comenta o coordenador da pesquisa, o economista e professor Sandro Maskio.

Veja a íntegra da PIC Dia das Mães 2018.

Acompanhe a repercussão na imprensa:

Diário do Comércio e Indústria DCI - ABC terá melhor Dia das Mães em três anos, aponta pesquisa
Jornal Destak - Vendas no Dia das Mães devem movimentar R$ 132 milhões
Diário do Grande ABC - Região deve ter o melhor Dia das Mães em três anos
Diário Regional - Vendas do Dia das Mães devem crescer 16% e movimentar R$ 132 mi na região
Repórter Diário - Região movimenta R$ 132 milhões com Dia das Mães
ABC do ABC - Pesquisa de Intenção de Compras para o Dia das Mães

Esta matéria foi publicada no Jornal da Metodista.
Conheça Outras.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , ,
X