Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2013 / Setembro / Projeto da Metodista conquista 2º lugar na IDC Brazil BI & Big Data Conference 2013

Projeto da Metodista conquista 2º lugar na IDC Brazil BI & Big Data Conference 2013

10/09/2013

10/09/2013 13h13

A Universidade Metodista de São Paulo, por meio de sua área de Tecnologia e Informação, conquistou o 2º lugar na IDC Brazil BI & Big Data Conference 2013 com o projeto “Intelligere”.

A IDC Brazil recebeu dezenas de casos de sucesso relacionados com BI, Analytics e Big Data entre junho e agosto de 2013. Dentre os casos, foram pré-selecionados 12, dos quais saíram 5 finalistas, avaliados nos seguintes critérios: valor para os negócios, inovação e estrutura do caso.

Entre os 5 finalistas estavam: Buscapé Company, Escritório de Prioridades Estratégicas - Governo de Minas Gerais, Secretaria Nacional de Justiça – Ministério de Justiça e Votorantim Cimentos.

Segundo o diretor de Tecnologia e Informação da Universidade, professor Daví Betts, o caso apresentado pela Metodista, Intelligere – Analíticos Aplicados à Aprendizagem, tem por objetivo “melhorar o processo de aprendizagem e assegurar o sucesso do aluno em completar seu percurso acadêmico no prazo definido e dentro dos parâmetros de qualidade especificados, através da aplicação de analíticos aos processos de aprendizagem, avaliação e acompanhamento da vida do aluno.”

O professor ainda explica que o projeto contempla quatro fases: aplicação de analíticos diagnósticos, aplicação de analíticos preditivos, aplicação de analíticos prescritivos para aceleração de conclusão de percurso de aprendizagem e aplicação de analíticos para oferecimento de conhecimento "Just in Time".

O teste Beta da primeira fase (analíticos diagnósticos), envolvendo 4 docentes e 157 alunos foi concluído com sucesso no primeiro semestre 2012 e o sistema está disponibilizado para utilização no ensino presencial desde o segundo semestre 2012. A próxima etapa do projeto está na fase de acúmulo de dados e deverá ser aplicada em breve, seguida das demais.

Os resultados obtidos até o momento foram a identificação precisa, automática e imediata das áreas onde o aluno apresentou deficiência; quais áreas de conhecimento tem maior incidência de deficiências na turma e quais os alunos que estão em cada área.

Para Betts, isto permitirá a tomada de medidas imediatas (Avaliação Continuada) para suprir as carências acadêmicas de forma objetiva e personalizada. “Temos a expectativa e convicção de que a aplicação de inteligência analítica aos processos de ensino e aprendizagem ajudará os alunos e alunas a atingirem o seu pleno potencial, assim como os docentes e funcionários técnico-administrativos”, declara.

A professora da Faculdade de Administração e Economia, Patricia Brecht confirma que o uso do Intelligere tem sido fundamental no processo de ensino-aprendizagem dos alunos.  “É uma plataforma de fácil entendimento, tanto para os discentes como para os docentes, agindo de modo eficaz no processo de avaliação específica ou continuada, ao longo do curso. Por meio do Intelligere, você consegue acompanhar o desenvolvimento do aluno aula a aula, identificando pontos positivos e fragilidades em aspectos que nos professores podemos retomar em nossa aula, buscando um melhor aproveitamento do aluno.”

A ferramenta é composta por um questionário, no qual o aluno consegue melhor se preparar para futuras avaliações, conseguindo analisar os seus próprios resultados, logo após a sua realização.

“Tenho percebido, acompanhado e utilizado, desde o projeto piloto, no segundo semestre de 2012, o desenvolvimento e a evolução da plataforma. Acredito ser uma ferramenta de grande importância para nós professores buscarmos uma maior excelência no ensino”, completa a professora.

Outras conquistas

O projeto Intelligere também foi premiado em 2012 pela IT Midía no ranking das "100 empresas mais inovadoras em TI",  em 1º lugar no segmento educação. O ranking reconhece, distingue e premia o uso inovador da TI em benefício dos negócios corporativos.

Confira aqui:

Metodista ganha prêmio de mais inovadora no uso de TI

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , ,
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático