Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Eclesiocom / Edições Anteriores / 2014 / Chamada de trabalhos

Chamada de trabalhos

Chamada de trabalhos – até 31 de maio de 2014

Os Grupos Temáticos acolhem propostas de trabalhos em dois níveis:

  • Comunicações Científicas: graduados em cursos de nível superior, estudantes de cursos de pós-graduação ou pós-graduados – mestres e doutores
  • Relatos de Iniciação Científica: estudantes dos cursos de graduação do campo de Comunicação Social ou de áreas conexas.


Os trabalhos inscritos devem focalizar objetos sobre a relação entre Comunicação e Religião, em especial no cenário brasileiro contemporâneo, a partir dos campos da Comunicação Social e das Ciências Humanas (História, Ciências Sociais, Antropologia), seja utilizando metodologias de um campo específico ou de maneira transdisciplina.

Trabalhos que privilegiem o tema central do evento, “Relações Públicas e Opinião Pública em tempos de efervescência política”, serão bem-vindos, mas os grupos temáticos estarão abertos a contribuições específicas de pesquisas, estudos e relatos de práticas, concluídos ou em desenvolvimento.

Calendário
1 - Envio dos resumos dos trabalhos para participação nos GT’s: até 31 de maio de 2014
2 - Divulgação dos resultados até 10 de junho de 2014
3 - Envio do texto completo dos trabalhos selecionados para os Anais do Evento: até 25 de julho de 2014

Serão aceitos exclusivamente os trabalhos cujos autores tenham feito a inscrição no Eclesiocom 2014. Na ausência desse requisito, o trabalho deixará de ser incluído no programa, bem como nos anais do evento.  O trabalho deve ser formatado de acordo com o modelo-padrão (template) da Eclesiocom.

Clique aqui para baixar o template (modelo-padrão)

Os resumos e os textos completos para publicação nos ANAIS Eclesiocom 2014 devem ser enviados para o e-mail: , em arquivo anexo.

Após envio seja do resumo, seja do texto completo, os autores devem aguardar resposta de confirmação de recebimento, para evitar problemas de extravio. Na ausência de resposta imediata recomenda-se fazer nova remessa.

Comunicar erros