Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Ex-aluno de Letras EAD comanda espaço cultural que reúne livros e manifestações artísticas

Ex-aluno de Letras EAD comanda espaço cultural que reúne livros e manifestações artísticas

Sandro Rogério criou Clube do Livro e Mural da Poesia Viva em livraria de Itapeva

01/04/2016 17h05

Depois de 21 anos trabalhando na área administrativa de uma indústria, Sandro Rogério de Oliveira decidiu levar a sério a expressão "fazer o que se gosta; gostando do que se faz". Hoje ele está à frente da Livraria e Papelaria No Canto, em Itapeva, interior paulista, que vai além do conceito clássico de venda de livros e presentes, pois estruturou-se como espaço de manifestações artísticas e culturais. 

LetrasEADAlunoItapevaABR2016.jpg
Livraria de Sandro Rogério fica em Itapeva, interior paulista (Foto Arquivo Pessoal)
Ex-aluno do curso de Letras Português-Espanhol EAD da Metodista, Sandro promove, por exemplo, o Clube do Livro, que reúne mensalmente leitores em grupos de discussão e interação. “As programações e ações artísticas ou literárias ocorrem com a liberdade que temos entre os frequentadores, amigos e clientes. Durante as conversas, as ideias vão surgindo de acordo com a necessidade e vontade de todos em relação à arte, educação e cultura”, diz Sandro, que cursou Letras no polo Itapeva da Universidade Metodista de São Paulo em 2010 e 2011.

 

Ele já tinha formação em Administração e aliou a experiência em gestão ao amor à leitura para criar sua livraria e sebo. O curso da Metodista o aproximou ainda mais da literatura e suas vertentes, como diz. “Confesso que me surpreendi com o conteúdo aplicado. No decorrer do curso, e com os trechos oferecidos nas aulas, desativei mentalmente, e de vez, os muitos livros técnicos ligados a Administração. Voltei-me aos grandes autores da literatura mundial, como ‘A Metamorfose’, de Franz Kafka, e ‘Eu’ de Augusto dos Anjos, talvez os grandes motivadores deste mister em que me encontro hoje”, descreve.

Leitura libertadora

Trabalhar com livros no Brasil requer muita paixão e paciência, confessa Sandro de Oliveira. Pesquisa do Instituto Pró-livro feita em 2011 mostra que em média 45% dos brasileiros leem um exemplar a cada três meses, ou quatro por ano, contra 15 na França. “Porém, somos gratificados com as muitas incríveis pessoas que passam aqui na livraria. Percebemos que há nelas grande diferencial quanto à visão de mundo, algo que as liberta e conscientiza, o que para mim chama-se leitura e suas transformações”, incentiva o ex-aluno Metodista.

Somente no sebo, a No Canto reúne mais de 5 mil títulos, desde clássicos de histórias em quadrinhos até discos em vinil. Além de discussões de obras literárias, a livraria promove poetas em espaço batizado de Mural da Poesia Viva. “As muitas Intervenções ou manifestos culturais, quando não ocorrem aqui na livraria, são realizadas em outros locais e fazemos questão de estar presentes de corpo, alma e livro”, brinca.

Quanto ao curso de Letras EAD, Sandro afirma que já recomendou a pessoas próximas, apontando a seriedade da metodologia utilizada, “bem como a necessidade da quebra de paradigmas quanto ao ensino a distância”.

Esta matéria foi publicada no Jornal da Metodista.
Conheça Outras.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , ,