Você está aqui: Página Inicial / Notícias EAD / EAD Metodista participa do Congresso Internacional 2017, que aborda metodologias ativas e tecnologia

EAD Metodista participa do Congresso Internacional 2017, que aborda metodologias ativas e tecnologia

Na era digital, o estudante é quem determina forma e distância para obter seu conhecimento

18/09/2017 19h40 - última modificação 28/09/2017 21h36

Prof. Adriana Barroso, segunda da esq. para dir, falou sobre educação básica (Foto Divulgação)

Com trabalhos científicos individual e em parceria com orientandos de mestrado e doutorado do Programa de Pós-graduação em Educação, além de participação em duas mesas de debates sobre estágio e pesquisa na EAD, a coordenadora de Educação a Distância da Universidade Metodista de São Paulo, professora Adriana Azevedo Barroso, representa a instituição no 23º Congresso Internacional da ABED (Associação Brasileira de Educação a Distância). O encontro ocorre em Foz do Iguaçu, no Paraná, de 17 a 21 de setembro, e tem como pauta central "Metodologias Ativas e Tecnologias Aplicadas à Educação". 

O CIAED 2017 colocará no centro das discussões o novo ciberespaço pelo qual é possível acessar todo o conhecimento humano e como a internet pode contribuir nos processos de aprendizagem. O diretor nacional de EAD da Metodista, professor Luciano Sathler, participa da abertura do evento com o debate “Quais os maiores limites e dificuldades para adoção de metodologias ativas na Educação a Distância?”

Métodos ativos, como sublinha Stavros Panagiotis, diretor de Relações Internacionais da ABED, colocam em primeiro plano o estudante, mais autodidata, que busca aprendizagem por meios como sala de aula invertida, PBL (aprendizagem baseada em problemas ou projetos), jogos, estudo Blended ou Híbrido, simuladores e tecnologias baseadas em realidade virtual, realidade aumentada, Learning Analytics, entre outras.

“Ou seja, na era digital, o estudante define a forma ou a distância de como irá obter o conhecimento, e não mais a escola”, resume o dirigente na mensagem sobre o evento.

Whatsapp e Libras

Professora Adriana Azevedo conduzirá trabalhos científicos sobre “Phubbing e Dispositivos Móveis na Sala de Aula”, “Whatsapp em Foco: Usos Pedagógicos na Educação Básica”, além de “Proposta Inovadora no Ensino de Libras na EAD”. O trabalho sobre Whatsapp é apresentado com Cesar Augusto Prado Moraes e Fabiana Anhas Barbosa Lima, doutorandos da Metodista orientados pela professora Adriana. Já o estudo sobre Libras na EAD integra pesquisa de Elaine Gomes Vilela, mestranda da Metodista, ao lado de Wharlley dos Santos, da Escola de Formação e Aperfeiçoamento Via Libras.

A coordenadora de EAD da Metodista também comporá as mesas redondas sobre “Estágios Supervisionados nos Cursos de Formação de Professores EAD: da Exigência Legal ao Diferencial de Qualidade” e “O Componente Pesquisa na EAD: Boas Práticas no Brasil e Espanha”.
Na Sessão Pôster, o trabalho científico aborda “Relato de Prática Educomunicativa na Educação Básica com o Ensino Híbrido”, ao lado de Veronica Martins Cannatá, do Colégio Dante Alighieri e também mestranda do PPGE da Metodista.

Veja a programação.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , ,