Você está aqui: Página Inicial / Notícias EAD / Aluno de Gestão Ambiental na EAD Guaratinguetá estimula plantio de árvores

Aluno de Gestão Ambiental na EAD Guaratinguetá estimula plantio de árvores

Ação foi promovida por Robson de Souza na empresa onde trabalha

07/12/2017 18h50

Robson distribui mudas arrecadadas com ajuda do polo da Metodista (Foto Divulgação)

Já premiado como gestor ambiental, o aluno Robson Augusto de Souza, do Polo EAD de Guaratinguetá, em São Paulo, não nega que é um profissional de proatividade. Em 24 de novembro passado, realizou na Vigor Alimentos em Cruzeiro, onde trabalha, a campanha “Plante Vida”, com distribuição de dezenas de mudas de árvores. O propósito foi estimular a consciência ambiental dos colegas de trabalho para questões não só de interesse da empresa -- como redução de consumo de água, de energia e de geração de resíduos --, mas também ressaltar os benefícios de se plantar uma árvore.

O próprio Robson enumera: “Uma árvore transpira até 60 litros de água por dia. Essa água em evaporação vira chuva, ajudando a limpar o ar e a equilibrar os níveis pluviais. Elas auxiliam na purificação e umidade do ar, pois agem como sequestradoras de gás carbônico, capturando gases tóxicos e devolvendo oxigênio para a atmosfera. As árvores também funcionam acusticamente absorvendo o som, diminuindo a poluição sonora”, afirma, acrescentando ainda benefícios como a ajuda à prevenção do solo de erosões da chuva, já que uma árvore adulta absorve até 250 litros de água por dia, além de fornecer sombra para animais e seres humanos.

Formado em técnico em Meio Ambiente na ETEC e cursando sua primeira graduação superior como aluno do 2º semestre de Gestão Ambiental da Educação a Distância Metodista, Robson arrecadou mudas com apoio da EAD de Guaratinguetá e se disse surpreso com a boa reação dos colegas de trabalho: “Todos elogiaram a iniciativa e as mudas acabaram no mesmo dia. Já estão perguntando quando irei fazer outro evento e fiquei muito feliz com isso”.

Promover a importância de um ecossistema equilibrado e mostrar que todos podem contribuir mesmo estando em centros urbanos é uma constante nas ações do aluno Metodista. Quando cursou a ETEC (Escola Técnica Estadual) em 2013, teve trabalho selecionado como finalista na FETEPS - 7ª Feira Tecnológica do Centro Paula Souza. Seu projeto “Incorporação do Lodo de ETE nos Tijolos Cerâmicos” foi destaque na Categoria 3 de “Ciências Biológicas e Agrárias”, na Expo Barra Funda.

No ano passado, como gestor ambiental na Vigor, contribuiu para ganhar o prêmio “Destaque em Sustentabilidade em 2016” no (PEF) Programa de Excelência Fabril. Seus planos para o futuro profissional já estão esboçados: fazer mestrado em Gestão de Recursos e Ambiente.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , ,