Ir para o conteúdo.

.
Você está aqui: Página Inicial / JBCC / Notícias JBCC / XXXIX Congresso Brasileiro De Ciências Da Comunicação discute Comunicação e Educação

XXXIX Congresso Brasileiro De Ciências Da Comunicação discute Comunicação e Educação

02/09/2016 17h55 - última modificação 02/09/2016 17h56

Arthur Marchetto

 

A Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares Comunicacionais (INTERCOM), com apoio da Cátedra UNESCO/UMESP de Comunicação e patrocínio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), da Fundação de Aperfeiçoamento para o Pessoal de Ensino Superior (Capes) e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), realiza XXXIX (39º) Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (INTERCOM 2016) do dia 05 ao dia 09 de setembro na Escola de Comunicação e Artes, na Universidade de São Paulo (ECA-USP).

Aproveitando o aniversário de 50 anos da ECA-USP no mesmo dia em que ocorre o INTERCOM 2016, o evento aproveita as possibilidades de alimentar as discussões sobre Comunicação e Educação. Segundo declaração divulgada pela presidente da INTERCOM, Marialva Barbosa, o 39o. Congresso da INTERCOM “será marcado pela densidade das abordagens e discussões em torno de questões que antecipam ações diante de um mundo que se transforma sem cessar. E nesse cenário as discussões sobre caminhos em transformação e a perenidade da participação via mecanismos educacionais tornam-se prioritárias”. Barbosa ressalta a importância de estudar o encontro da Comunicação e da Educação numa sociedade “marcada pela lógica da aceleração” para promoção de mudanças e ressalta que, adotar tal posição é uma atitude política, “já que não há possibilidade de transformação sem ações educacionais no sentido pleno”, diz. Margarida Maria Kunsch, diretora da ECA-USP, também declarou sobre a união dos dois temas, “tão marcante no campo e, especialmente, na ECA”.

A Programação Científica do evento conta com o Ciclo CECOM, que é o Centro de Estudos do Campo da Comunicação (CECOM) da ECA-USP e conta com pesquisadores de diferentes instituições, interessados na investigação de aspectos internos da área da Comunicação, em particular no Brasil, sob diferentes perspectivas: da sociologia da ciência, cientométrica, metodológica e epistemológica. O evento também tem os Grupos de Pesquisa (GPs), a Intercom Jr., a Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom) e o XI Encontro com Autores/Editores de Publicações Recentes sobre Comunicação (Publicom) e, para os ouvintes, não é necessária inscrição prévia. Confira alguns destaques da programação abaixo, mas para acessar a programação completa clique aqui.

 

Abertura

No dia 06 de setembro, sob a coordenação de Marialva Barbosa, presidente da INTERCOM, Guillermo Orozco Goméz realizará a cerimônia de abertura no Auditório CDI-USP Butantã, às 9h30. Sob a temática “Educomunicacão e direitos humanos, o grande cruzamento democrático de hoje”, a conferência tratará o papel que a Educomunicação tem na formação de cidadãos-audiência e para o fortalecimento de seus direitos humanos comunicacionais e seus direitos comunicacionais, como direito à expressão multimídia e multicanal, à recepção, à representação justa nas telas midiáticas, de escuta e de réplica, à privacidade e à inclusão equitativa. Guillermo Orozco Gómez nasceu em Guadalajara, México, é Mestre e doutor em Educação pela Universidade de Harvard (EUA) e atualmente coordena a seção mexicana do projeto internacional “Observatorio Iberoamericana de la Ficción Televisiva”.

 

CECOM

Das 11 às 19 horas, o auditório CDI-USP sediará, no dia 06 de setembro, o XXXIX Ciclo CECOM, cujo tema é “Comunicação e educação: caminhos integrados para um mundo em transformação”. Sob a coordenação de Marialva Barbosa (INTERCOM) e Roseli Fígaro (ECA-USP), o evento é organizado em três mesas.

A primeira tratará da “Comunicação e educação: paradigmas para a Integração”, é composta por Ismar Soares (ECA-USP), José Ignácio Aguaded Gomés (Univ. Huelva, Espanha) e Rosália Duarte (PUC-RJ) e é mediada por Maria Aparecia Baccega (ESPM/ECA-USP)

A segunda mesa discute “Comunicação e educação: caminhos para a construção da cidadania” com Adilson Citelli (ECA-USP), Carlos Roberto Jamil Cury (UFMG) e Venício Artur de Lima (Conselho Curador – EBC). A mesa é mediada por Maria Immacolata Lopes (USP).

A última mesa conversa sobre “Comunicação e educação: empoderamento tecnológico para o diálogo” e é formada por Beth Carmona (ComKIDS), Brasilina Passarelli (ECA-USP) e a roteirista e cineasta Renata Martins. Maria Cristina Costa (USP) é quem medeia a mesa.

 

GPs

As discussões dos Grupos de Pesquisas acontecem ao longo dos dias do evento e são organizados de acordo com suas Divisões Temáticas. Segue relação abaixo:

Divisão Temática 1 - Jornalismo

GPs: Gêneros Jornalísticos; História do Jornalismo; Jornalismo Impresso; Teoria do Jornalismo; Telejornalismo

 

Divisão Temática 2 - Publicidade e propaganda

GP: Publicidade e Propaganda

 

Divisão Temática 3 - Relações públicas e comunicação organizacional

GP: Relações Públicas e Comunicação Organizacional

 

Divisão Temática 4 - Comunicação audiovisual

GPs: Cinema; Ficção Seriada; Fotografia; Rádio e Mídias Sonoras; Estudos de Televisão e Televisualidades

 

Divisão Temática 5 - Comunicação multimídia

GPs: Cibercultura; Conteúdos Digitais e Convergências Tecnológicas; Games

 

Divisão Temática 6 - Interfaces comunicacionais

GPs: Comunicação e Culturas Urbanas; Comunicação e Educação; Comunicação e Esporte; Comunicação, Música e Entretenimento; Produção Editorial

 

Divisão Temática 7 - Comunicação, espaço e cidadania

GPs: Comunicação e Desenvolvimento Regional e Local; Comunicação para a Cidadania; Geografias da Comunicação; Mídia, Cultura e Tecnologias Digitais na América Latina.

 

Divisão Temática 8 - Estudos interdisciplinares

GPs: Comunicação, Ciência, Meio Ambiente e Sociedade; Comunicação, Imagem e Imaginário; Comunicação, Mídias e Liberdade de Expressão; Economia Política da Informação; Comunicação e Cultura; Políticas e Estratégias de Comunicação; Folkcomunicação; Mídia e Interculturalidade; Semiótica da Comunicação; Teorias da Comunicação.

 

Intercom Jr.

Junto dos GPs, o evento também sedia o Intercom Jr. – espaço criado para a apresentação de trabalhos de graduandos ou recém-graduados (até um ano) em Comunicação. São 8 eixos que organizam o Intercom Jr., sendo eles: “Jornalismo”, sob a coordenação de Zaclis Veiga (UP) e Hendryo André (UFSC), “Publicidade e Propaganda”, sob a coordenação de Iris Tomita (Unicentro), “Relações Públicas e Comunicação Organizacional”, sob a coordenação de Simone Antoniaci Tuzzo (UFG), “Comunicação Audiovisual”, sob a coordenação de Jorge Felz (UFJF), “Multimídia”, sob a coordenação de Francisco Machado Filho (Unesp), “Interfaces Comunicacionais”, sob a coordenação de Lígia Lana (PUC-Rio), “Comunicação, Espaço e Cidadania, sob a coordenação de Patrícia Saldanha (UFF-RJ)” e “Estudos Interdisciplinares em Comunicação”, sob a coordenação: Vanessa Maia (UFSJ-MG).

Publicom

Com uma feira permanente para divulgar as novas publicações – livros, revistas, portais e outros produtos de difusão acadêmica – o Publicom aproxima autores ou editores de seus leitores. A divisão é feita em sete temáticas: “Jornalismo”, “Publicidade e Propaganda”, “Relações Públicas e Comunicação Organizacional”, “Comunicação Audiovisual”, “Comunicação Multimídia”, “Comunicação, Espaço e Cidadania” e “Estudos Interdisciplinares da Comunicação”.

A Cátedra UNESCO/UMESP de Comunicação entrevistou Marcos Corrêa, autor do livro “Filmar Operários - Registro e ação política de cineastas durante a ditadura militar no Brasil”. Confira a conversa abaixo.

 

XXXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (INTERCOM) 2016

Quando: de 5 a 9 de setembro

Local: ECA-USP 

Informações: http://migre.me/uSYF9  

Comunicar erros