Ir para o conteúdo.

.
Você está aqui: Página Inicial / JBCC / Notícias JBCC / Primeiro dia do Pens@com acontece simultaneamente no Sesc e na Fapcom

Primeiro dia do Pens@com acontece simultaneamente no Sesc e na Fapcom

Idealizado pelo Professor José Marques de Melo, o evento reuniu pesquisadores, professores e alunos do campo da comunicação

21/01/2015 16h34

Organizado pela Cátedra Unesco/Metodista de Comunicação, a edição 2014 do Pens@com foi realizado nos dias 12, 13 e 14 de novembro, no Sesc Vila Mariana e na FapCom. Idealizado pelo Catedrático José Marques de Melo, o evento contou com participantes internacionais, além de especialistas conhecidos no Brasil e de uma plateia participativa.

No primeiro dia do evento houve a apresentação simultânea de diversos painéis, que aconteciam no Sesc Vila Mariana e na Feira de Livros sobre  Comunicação, que acontecia na FapCom. Devido a localização próxima de ambos os locais, o público teve a oportunidade de participar de toda programação. No segundo e terceiro dia, o evento foi concentrado no auditório da FapCom.

Os destaques do primeiro dia foram os painéis Natureza Axiológica e Ancoragem da Biografia e Cartografia Biográfica, que discutiram aspectos polêmicos sobre o cenário atual das biografias no Brasil e a grande repercussão de sua proibição. No primeiro painel, participaram os expositores: Ana Arruda Callado, Alzira Abreu, Isabel Lustosa, Marisa Lajolo e o professor português, Luis Humberto Marcos.  A autora Ana Arruda Callado disse que é “maravilhoso” esse tipo de debate, ela passou os últimos anos dedicando sua carreia às biografias. Ana ressaltou que nos “últimos anos nota-se um crescente interesse, uma globalização e ao mesmo tempo uma individualização, sobre as questões relacionadas aos aspectos  biográficos.

Mediado por Luis Paulo Neves, o segundo painel contou com a participação de Sérgio Mattos (UFRB), Sandra Reimão e com os comentários da Professora da Umesp e Editora do JBCC Marli dos Santos. Os participantes falaram da importância das biografias e de como pode ser prejudicial o impedimento do lançamento de vários livros. A pesquisado Sandra Reimão já estudava o tema de censura ao livro durante a ditadura, a professora conta que pensou em falar sobre essa “nova forma de censura”, quando viu a repercussão de casos de biografias como a de Roberto Carlos, e assim resolveu  “trazer o tema censura para os dias de hoje”. Sandra é firme em afirmar, que essas barragens aos livros são “censuras togadas ou jurídicas, que é uma censura individual, [porém] isso é censura”. Sobre o tema proposto pelo painel, a professora afirma que é “essêncial [discutir o tema] por que nós somos comunicadores sociais, nosso trabalho é analisar o comportamento da mídia, e se a gente pensa nisso, o tema da circulação da informação é central”.

Já na Fapcom o Colóquio seguiu com o lançamento de livros, em especial aqueles que tratam da história da comunicação. Luiz Beltrão, o mentor do professor José Marques de Melo, e um dos nomes mais fortes da comunicação do país teve um lugar especial na mesa Universo Beltraniano.  Também houve o lançamento e apresentação de outros livros como “Ciências da Comunicação no Brasil - Vanguarda paulista” de Mara Cristina Gobbi; “Pensamento Comunicacional Brasileiro v. 1 e 2” de Guilherme Fernandes; e os livros do Professor José Marques de Melo, “Teoria e Metodologia da Comunicação”; “Pragmatismo utópico na República de São Bernardo” e “Jornalismo Científico”.

Painel Cartografia Biográfica, da esquerda para direita; Marli dos Santos, Luis Paulo Neves, Sérgio Mattos e Sandra Reimão. 
Foto Joyce Silva.

Comunicar erros