Ir para o conteúdo.

.
Você está aqui: Página Inicial / JBCC / Grupos de Pesquisa #3: Mídia, religião e Cultura (MIRE)

Grupos de Pesquisa #3: Mídia, religião e Cultura (MIRE)

14/09/2017 16h05 - última modificação 14/09/2017 20h56

Vittória Cataldo 

Para conhecer melhor os Grupos de Pesquisa (GPs) da Universidade Metodista de São Paulo (UMESP), a Cátedra Unesco/UMESP para Desenvolvimento Regional produziu uma série de reportagens especiais, em texto e em vídeo, sobre alguns Grupos. Cada reportagem contará com informações do Grupo e entrevistas com seus respectivos líderes.

 

Mídia, Religião e Cultura (MIRE)

O terceiro Grupo a ser explorado nessa série é o Mídia, Religião e Cultura (MIRE), que teve início em 2014 e é liderado atualmente pela professora Magali do Nascimento Cunha, do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da UMESP. Seu objetivo é buscar com a perspectiva da interdisciplinaridade, compreender a presença da religião e do "religioso" nos processos comunicacionais midiáticos na inter-relação com as práticas culturais contemporâneas no Brasil.

O grupo está voltado para pesquisas em torno de uma interface que relaciona comunicação e religião. “Mais precisamente a mídia e a cultura”, Magali enfatiza.

“Nós somos um grupo plural e interdisciplinar”, Magali conta, porque além de alunos do Programa de Pós Graduação Social da Metodista e pessoas da graduação interessadas na temática, o grupo conta com pessoas de outras instituições e outros campos do saber.

 

Publicações do MIRE

Além dos artigos que o grupo tem publicado em várias revistas, que são resultados de pesquisas que estão dentro do Programa, tanto de doutorandos e mestrandos, em 2016 foi produzido o livro “Mídia, Religião e Cultura – Percepções e tendências em perspectiva Global” pela Editora Prismas.

O livro é uma coletânea que conta com 11 autores nacionais e 4 internacionais ligados ao grupo. “Esse livro reflete muita nossa consolidação do grupo e a tentativa de ir para além do cristianismo”, ela afirma, já que o livro conta com dois artigos que são referentes ao Islã, além da presença de um autor da Bahia que trata a questão do Candomblé.

 

Eventos futuros

No segundo semestre de 2017 o grupo começou um Seminário: temas contemporâneos em mídia, religião e cultura e em agosto foi realizado o primeiro Seminário com o tema Religião na Política e o Ativismo Digital, que foram resultados de pesquisas do grupo. A ideia central é que a cada semestre seja realizado um seminário, e o grupo pretende trazer a temática sobre Mídia e Religião na questão de Gênero para a próxima edição do evento.

“Esses seminários mostram a aproximação que a gente tem com a publicidade das nossas pesquisas”, Magali afirma. Os seminários são abertos para todos os públicos, mesmo os que não fazem parte dessa área de pesquisa. “O objetivo é tornar público o que a gente discute de diferentes formas”, finaliza a pesquisadora. 

 

Confira abaixo o vídeo com a professora Magali Cunha sobre o GP

Comunicar erros