Ir para o conteúdo.

.
Você está aqui: Página Inicial / JBCC / Alagoas abre espaço para lançamento de portal científico idealizado pelo professor José Marques de Melo

Alagoas abre espaço para lançamento de portal científico idealizado pelo professor José Marques de Melo

A Plataforma Carvalho Veras será apresentada na 70ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), em julho.

27/04/2018 16h40 - última modificação 02/05/2018 17h37

Lançamento da Plataforma Carvalho Veras acontece de 22 a 28 de julho de 2018

Vittória Cataldo

O professor José Marques de Melo, titular da Cátedra UNESCO de Comunicação, instalada na Universidade Metodista de São Paulo, em parceria com o Governo do Estado de Alagoas formalizou em 2017 um novo portal de informação científica. Intitulado de ‘Plataforma Carvalho Veras’, o projeto será apresentado ao público em Maceió durante a realização da 70ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) , em junlo 2018, através do apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL).

A Plataforma Carvalho Veras, de natureza experimental, pretende fornecer pesquisas capazes de prover o Sistema Digital Artur Ramos (Mundial/Ecumênico), um dos alagoanos demiurgos no combate ao racismo e todas as suas formas de violência. Além disso, de acordo com o professor José Marques de Melo, o canal é favorável para dar voz aos líderes comunitários de hoje e ficará aberto para que outras gerações possam publicar suas pesquisas. “Espero que o pessoal dê continuidade a essa ideia de valorizar o sentimento alagoano, que ficou meio ofuscado nas últimas décadas", afirma.

O projeto

O projeto foi idealizado pelo professor José Marques de Melo em sequência à sua homenagem na 1ª edição do Prêmio de Jornalismo Científico. A iniciativa da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (FAPEAL), deu o título de José Marques de Melo ao evento devido a sua grande contribuição no cenário da comunicação do país como o primeiro Doutor em Jornalismo titulado por uma universidade brasileira (1973) e Docente-fundador da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

A plataforma é uma oportunidade histórica para a comunidade científica alagoana demonstrar a todo o país, as pesquisas que vem sendo produzida pelas universidades do Estado. Para o presidente de Desenvolvimento Econômico da FAPEAL, Fábio Guedes Gomes, o portal ainda está em fase inicial, e provavelmente vai reunir primeiramente informações e dados mais gerais na área de ciências sociais aplicadas e humanas. “O grande desafio é o processo de prospecção de informações e dados, qualitativos e quantitativos, para que a sociedade tenha em mãos um valioso acervo do que o pensamento social brasileiro, aqueles especialmente produzido em Alagoas, foi capaz de produzir, reforçando nossas identidades, conhecimento da realidade e narrativas que nos auxiliam na compreensão de problemas estruturais e regionais”, declara o presidente.

De acordo com Fábio, reunir informações sobre a produção científica e tecnológica não somente da contemporaneidade, mas também o acervo do passado, em uma plataforma virtual em Alagoas é motivo de muita expectativa, afinal um dos aspectos mais importantes é a popularização da ciência. “Urge a necessidade de que todas as áreas do conhecimento se aproximem do homem comum para que a ciência tenha na maior parte da base da sociedade uma união em defesa de seus interesses e compromissos”, afirma.

Parceria

O diálogo entre a Cátedra UNESCO de Comunicação, no Brasil, e a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) de Alagoas ganhou destaque no ano de 2017 durante o encontro da Bienal Internacional do Livro de Alagoas e a Conferência Internacional do Pensamento Comunicacional, realizada pelo SESC e pela Cátedra Unesco/Umesp de Comunicação, promovida pela Intercom, em dezembro de 2017. Tais eventos serviram de espaço para discutir sobre a idealização do projeto, principalmente no Colóquio “Alagoas: 200 anos de emancipação política, consciência cidadã e inclusão sociocultural para o fortalecimento da democracia”, promovido pelo Pensacom 2017. Entre os principais conferencistas, se destacaram o professor do Centro Universitário Cesmac Douglas Apprato e o presidente da FAPEAL Fábio Guedes Gomes.

A ancoragem motivacional para o lançamento da Plataforma Carvalho Veras acontece naturalmente pela circunstância de Maceió/AL sediar, pela primeira vez, de 22 a 28 de julho de 2018, na Universidade Federal de Alagoas, a 70ª reunião anual da SBPC, com a temática “Ciência, Responsabilidade Social e Soberania”, com apoio da FAPEAL.

Mesa do colóquio "Alagoas: 200 anos de emancipação política, consciência cidadã e inclusão sociocultural para o fortalecimento da democracia"

Comunicar erros