Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Stricto / Bolsas / Chamada para Seleção de Projeto Interdisciplinar/Multidisciplinar - Edital 3/2015

Chamada para Seleção de Projeto Interdisciplinar/Multidisciplinar - Edital 3/2015

Confira a versão em PDF

 

1. A Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da Universidade Metodista de São Paulo, no uso de suas atribuições, faz saber a seus alunos regularmente matriculados nos cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu que estão abertas as inscrições para obtenção de benefício do Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares – PROSUP, financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoas de Nível Superior – CAPES, nas seguintes modalidades:

a. Auxílios para pagamento de Taxas Capes (custeio das taxas escolares do bolsista):

  • 3 taxas para Mestrado
  • 1 taxa para Doutorado

 

2. Os interessados devem se inscrever, no período de 24 a 31 de agosto de 2015, entregando a documentação necessária no Escritório de Apoio à Pesquisa (EAP - Ed. Capa, 3º andar, sala 303).

3. Cada benefício (auxílio para pagamento de taxas) será concedido a um único aluno, sendo vedado o seu fracionamento.

4. Os requisitos para inscrição são os seguintes:
a. Estar regularmente matriculado/a e não possuir pendência financeira com a instituição;
b. Ter sido aprovado no(s) exame(s) de proficiência em língua estrangeira;
c. Não ter conceito menor que B nas atividades acadêmicas;
d. Não ter sido reprovado no Exame de Qualificação;
e. Não ter utilizado trancamento de matrícula, exceto em caso de doença grave;
f. Apresentar cópia do projeto de pesquisa (alunos ingressantes) ou o projeto de pesquisa em andamento (alunos antigos);
g. Apresentar cópia do Currículo Lattes atualizado;
h. Não possuir qualquer relação de trabalho com o Instituto Metodista de Ensino Superior/Universidade Metodista de São Paulo.

5. Documentos para a inscrição do(a) candidato(a):
i. Projeto de pesquisa do(a) candidato(a) ingressante ou projeto de pesquisa em andamento, no caso de alunos matriculados há mais de um semestre (modelo anexo 1);
j. Carta de recomendação do(a) Orientador(a), com concordância explícita (no mesmo documento) do docente parceiro do outro Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, avaliando o projeto quanto ao proposto neste edital e declarando que o mesmo está ou estará inserido no diálogo multidisciplinar e interprogramas da Universidade Metodista de São Paulo, (modelo anexo 2).

6. Cronograma Atividades Data

Atividades  Data
Lançamento da Chamada no Portal da UMESP 24/08//2015
Prazo final para submissão das propostas 31/08/2015
Divulgação do resultado da seleção dos projetos inscritos no Portal da UMESP 03/09/2015

7. O prazo de inscrição não será prorrogado sob qualquer hipótese.

8. O número de auxílios para pagamento de taxas, valores estipulados, e eventuais renovações estarão condicionadas à concessão dos benefícios pela CAPES, não existindo nenhuma responsabilidade da UMESP caso os benefícios, por quaisquer motivos, não forem concedidos.

9. O resultado será divulgado pela Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, após a seleção pela Comissão de Fomento à Pesquisa Institucional. Obrigações dos alunos contemplados com os benefícios do PROSUP:

1. Cumprir com todas as exigências previstas na Portaria MEC Nº 181/2012, que aprova o Regulamento do Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares – PROSUP, disponível na na Coordenação do Programa de Pós-Graduação e/ou página da CAPES http://www.capes.gov.br/bolsas/bolsas-no-pais/prosup;
2. Cumprir todas as exigências previstas no Ato Administrativo UMESP/Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa 07/2014, que estabelece os requisitos da UMESP para concessão e manutenção de bolsa de estudo do Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares – PROSUP, financiado pela CAPES, disponível na Coordenação do Programa de Pós-Graduação. Entregar semestralmente o relatório parcial de pesquisa na Coordenação do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu ao qual está vinculado, com o parecer do(a) Orientador(a). Este mesmo parecer (cópia), também deverá ser encaminhado ao Escritório de Apoio a Pesquisa (EAP), localizado no Ed. Capa – sala 303 – 3º andar. Ao final do período da bolsa, entregar o Relatório Final com o parecer do(a) Orientador(a), no Escritório de Apoio a Pesquisa (EAP), e também protocolo de submissão de um artigo em parceria com o(a) Orientador(a), em revista com classificação Qualis CAPES B2, ou acima.

Prof. Dr. Fábio Botelho Josgrilberg
Pró-Reitoria de Pós Graduação e Pesquisa

Anexo 1 - Roteiro sugerido para formatação do Projeto de Pesquisa (modelo FAPESP)

O Projeto de Pesquisa contendo no máximo 20 páginas em espaço 1,5 e tipo equivalente a Times New Roman 12. Sugere-se que o projeto seja organizado conforme o roteiro abaixo:
0) Folhas de rosto (duas, sendo uma em português e outra em inglês) contendo título do projeto de pesquisa proposto, nome do Pesquisador Responsável, Instituição Sede e resumo de 20 linhas.
1) Enunciado do problema: Qual será o problema tratado pelo projeto e qual sua importância? Qual será a contribuição para a área se bem sucedido? Cite trabalhos relevantes na área, conforme necessário.
2) Resultados esperados: O que será criado ou produzido como resultado do projeto proposto?
3) Desafios científicos e tecnológicos e os meios e métodos para superá-los: explicite os desafios científicos e tecnológicos que o projeto se propõe a superar para atingir os objetivos. Descreva com que meios e métodos estes desafios poderão ser vencidos. Cite referências que ajudem os assessores que analisarão a proposta a entenderem que os desafios mencionados não foram ainda vencidos (ou ainda não foram vencidos de forma adequada) e que poderão ser vencidos com os métodos e meios da proposta em análise.
4) Cronograma: Quando o projeto será completado? Quais os eventos marcantes que poderão ser usados para medir o progresso do projeto e quando estará completo? Caso o projeto proposto seja parte de outro projeto maior já em andamento, estime os prazos somente para o projeto proposto.
5) Disseminação e avaliação: Como os resultados do projeto deverão ser avaliados e como serão disseminados?
6) Outros apoios: Demonstre outros apoios ao projeto, se houver, em forma de fundos, bens ou serviços, mas sem incluir itens como uso de instalações da instituição que já estão disponíveis.
7) Bibliografia: liste as referências bibliográficas citadas nas seções anteriores.

Anexo 2 - Carta de Recomendação do Orientador - Modelo (Veja arquivo em PDF)

Comunicar erros