Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Secretariado Executivo Bilíngue / Notícias / Mundo digital abre novos cenários para o marketing, atesta professor de Nebraska

Mundo digital abre novos cenários para o marketing, atesta professor de Nebraska

Redes sociais e de imagens são apontadas como grande potencial para exposição de marcas

10/06/2015 16h03

Os principais ônus para a empresa podem ser reduzidos a dois: a vulnerabilidade por estar exposta a infinitas formas de comentários e a privacidade do cliente, já que qualquer informação pessoal pode ser capturada na internet. Mas os bônus de estar presente no mundo digital, sobretudo nas redes sociais, são em número maior e mais impactantes: a proximidade do consumidor pela interação em tempo real, a promoção de produtos em diversas plataformas (de sites a celulares), campanhas de marketing eletrônicas mais baratas do que em canais convencionais e atingimento de públicos segmentados e crescentes, acompanhando a expansão sobretudo dos dispositivos móveis.

“O marketing digital passa por grandes mudanças e a maioria dos gerentes não entende o potencial positivo dessa área”, cita o professor da Universidade de Nebraska-Lincoln (EUA) Rob Simon, que falou dia 3 de junho último a alunos de Secretariado Executivo Bilíngue e de pós-graduação em Assessoria Executiva da Universidade Metodista de São Paulo. Sua palestra versou sobre “Papel da Assessoria Gerencial no Planejamento de Marketing da Organização”, com especial destaque à atuação nas redes sociais.

Especializado em Marketing e Sistemas de Informação Gerencial, Rob Simon enumerou entre os cenários que se abrem para o marketing as redes de fotos e vídeos, os jogos virtuais e as redes sociais mais tradicionais como Facebook e Google, além de mundos virtuais como o Second Life. Apontou o incremento de comerciais nos feeds pessoais do Facebook, o uso do Twitter como condutor de tráfego para os sites das empresas e plataforma de vídeos no Youtube como “ótimos canais” para exposição de marcas.

Boca-a-boca digital

“Estamos no ‘word of mouth’, ou boca-a-boca digital, onde uma ideia ou imagem multiplica-se em segundos. Vejam o exemplo da campanha Balde de Gelo”, apontou o professor, sobre a viralização de artistas que se submetiam a ser banhados para ajudar em uma campanha contra a esclerose. O uso do marketing online, segundo ele, pode ir dos convencionais banners em sites e vendas e-commerce até campanhas focadas em comunidades de marcas, entre as quais uma das mais famosas é da motocicleta Harley Davidson.

A respeito da alta exposição e da falta de controle sobre críticas e elogios a uma marca que se propõe a manter fanpage online ou site aberto a comentários, Rob Simon é enfático: tem que haver transparência. “É preciso conversar com o cliente e dar solução ao que ele espera”.

 

Esta matéria foi publicada no Jornal da Metodista.
Conheça Outras.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , , ,
REGULAMENTAÇÃO
COORDENADORA

ANA MARIA MARTINS
ana-maria.jpg
Minicurrículo

 

secretariado-executivo.jpg

Receba informações de oferecimento deste curso

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: