Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / RPCOM / Notícias / 2013 / Empresas trabalham para disseminar cultura de Segurança do Trabalho

Empresas trabalham para disseminar cultura de Segurança do Trabalho

Fortes políticas de segurança aplicadas em todos os setores melhoram resultados em grandes companhias

12/09/2011 17h23 - última modificação 08/08/2014 13h25

Marcus Vinicius Buyak, coordenador do departamento de Segurança, Saúde e Meio Ambiente na Valeo

Linney Gatto
Tamiris Souza

Foto: Tamiris Souza

 

É crescente entre as grandes empresas a preocupação com a segurança de seus funcionários, tanto dentro quanto fora do ambiente de trabalho. Os ganhos em produtividade e a consequente melhora nos resultados das empresas são importantes fatores que motivam a implantação de uma forte cultura de segurança nos ambientes organizacionais. Seja por meio de ações de conscientização ou de programas de recompensas, as companhias vêm buscando integrar práticas de segurança em suas rotinas produtivas e administrativas.

Hoje em dia, comumente são encontrados comitês e até mesmo departamentos dedicados exclusivamente a esse tipo de iniciativa. A Valeo, companhia francesa de autopeças, desenvolve ações que buscam conscientizar os empregados quanto à importância da segurança na linha de trabalho e do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). “Fazemos um check-list diário em cada área de trabalho. Todos os operadores são responsáveis por seus postos de trabalho e têm que verificar todas as questões de segurança em suas linhas”, contou Marcus Vinicius Buyak, coordenador do departamento de Segurança, Saúde e Meio Ambiente na Valeo. Práticas como essas buscam engajar o funcionário nessa cultura de segurança, tornando-o parte atuante na prevenção e resolução de problemas.

A companhia também promove almoços comemorativos a cada 50 dias sem acidentes com afastamento para que os colaboradores celebrem juntos os resultados do trabalho de todos. “Colocando a segurança e o bem-estar do funcionário em primeiro lugar, acabamos melhorando seu desempenho. Quando o operador está bem com o seu serviço, acaba produzindo melhor”, afirmou Marcus.

Mas a preocupação com a segurança dos funcionários não é exclusividade de fábricas ou unidades de produção. A DuPont, bicentenária americana de ciência e inovação, já introduziu a segurança em seus valores corporativos e, até mesmo nas sedes administrativas , o assunto tem máxima importância. Com abordagem de temas pertinentes à realidade das funções realizadas nos escritórios, a companhia realiza ações e estabelece regras rígidas que vão desde a direção segura até a obrigatoriedade de segurar no corrimão, quando de utilizam as escadas.

Mensalmente são realizadas reuniões que promovem o debate entre os funcionários sobre questões como segurança da informação, perigos em viagens e riscos presentes nas residências. “São muitas regras, no começo até estranhamos, mas depois percebemos que é um tema muito importante e acabamos incorporando em nossas vidas fora do trabalho. Esse ano mesmo já tivemos uma semana inteira dedicada à Direção Segura. Foi muito importante, são práticas que todos deveriam adotar”, afirmou Amanda Gondim, funcionária há 2 anos. A empresa trabalha tão fortemente no assunto que transformou segurança em negócio. Por meio da Unidade DuPont Soluções Sustentáveis, a companhia presta consultoria para implementação de programas de segurança em outras empresas.

Comunicar erros