Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / RPCOM / Mundo Corporativo / Nova Lei Geral das Micros facilita os empreendedores

Nova Lei Geral das Micros facilita os empreendedores

Salões de beleza podem ser um bom exemplo de sustentabilidade de negócio

28/11/2017 00h08

Giulia de Lima Merolla
Larissa Curalov

Fonte: Free Banco de imagens

Os Micros e Pequenos Negócios para a economia do país fazem parte de um importante porcentual no PIB (Produto Interno Bruto), além de ajudar no total de negócios e amparar na geração de empregos. Fazendo parte desse perfil estão negócios de serviços como: padaria, cabeleireiro, consultor de informática, costureira, entre outros.

 A nova Lei Geral das Micros e Pequenas Empresas oferece inúmeras simplicidades, sendo algumas delas: facilidades tributárias, tratamento diferenciado em licitações públicas e outras vantagens como a tributação pelo regime simplificado. Porém, como todo início de negócio, seja ele micro, pequeno, médio ou grande, são encontrados desafios e questionamentos durante a trajetória, entre eles estão: como lançar o novo produto ou serviço; quem é meu cliente alvo; como elaborar o plano de negócios; como alocar recursos para o meu negócio e outras questões gerenciais.

 Os principais motivos que levam alguém a empreender é a necessidade de uma renda extra, desemprego, possibilidade de carreira, entre outros. Além de existir a necessidade deve haver a oportunidade por almejar um interesse apresentado pelo mercado, tendo um bom potencial de demanda e rentabilidade. A elevada carga tributária, falta de planejamento tributário, de capital de giro ou de oportunidades no mercado são algumas das razões para a baixa sustentabilidade dos negócios.

 A proprietária do Spazio Di Bellezza, Mara Leite, fala sobre os principais pontos que fazem o seu negócio ir bem, como uma boa estrutura, atendimento de qualidade e bons profissionais “Para a satisfação de meus clientes mantenho uma agenda bem definida, para que fluam bem os horários de atendimento. É importante investir na contratação do profissional certo, pois são eles que garantem o retorno dos clientes e por consequência o sucesso do negócio. E não menos importante é o cuidado com o local de trabalho, tornando um lugar aconchegante, onde os clientes fiquem à vontade. Tendo todos esses pontos positivos essenciais para fidelizar meus clientes”.

 

Comunicar erros