Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / RPCOM / Mundo Corporativo / Empresas apostam em narrativas inclusivas

Empresas apostam em narrativas inclusivas

Em busca por uma cultura organizacional dinâmica, ética e inovadora para todos

06/09/2017 23h52

Nara Almeida, consultora independente de Comunicação

Ana Clara Gomes
Joice Santos
Foto: arquivo pessoal

As empresas assumem hoje um papel de protagonistas de mudanças, apoiando causas, desenvolvendo projetos, pensando em pessoas e no meio ambiente. Tudo isso em busca de atender as necessidades dos seus diferentes públicos. Assim, assuntos que antes não eram discutidos, passam a estar presentes no dia a dia das empresas.

Por exemplo, a discussão de temas como diversidade, inclusão e igualdade de gênero tornaram-se essenciais dentro das empresas. Para Nara Almeida, consultora independente de Comunicação, “esse é um movimento importante e muito benéfico para todos em uma sociedade. Entretanto, é preciso admitir que não é um movimento espontâneo das organizações, mas um movimento iniciado por agentes sociais que se organizam e ganham mais dimensão e impacto com as redes sociais digitais”.

Ou seja, ter estes assuntos presentes nas organizações colabora para um ambiente em que as pessoas são mais incentivadas a pensarem em coletivo, gerando consistência ao tema e coerência no discurso trabalhado em cada empresa. Além de uma abertura para fomentar uma cultura organizacional dinâmica, ética e inovadora para todos.

Para a efetividade na construção das narrativas de diversidade e inclusão, é necessário ampliar o olhar de inovação social. “Há de considerar-se, ainda, o paradoxo do conhecimento: todo o conhecimento que seja efetivo é transformador, de tal modo que se torna obsoleto”, afirma Nara. É preciso ter um discurso sólido, afetivo e transparente no ambiente organizacional, para que ele se torne essencial para a sobrevivência da organização. 

Comunicar erros