Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / RPCOM / Carreiras e Tendências / RP e o Turismo: O exercício de um trabalho conjunto

RP e o Turismo: O exercício de um trabalho conjunto

Atividades que se unem para o crescimento do Brasil

02/10/2015 00h59

Andrea Nakane, profissional no mercado de RP e Turismo. Foto: Arquivo Pessoal

Janaína Rodrigues Rocha
Jenifer de Sousa Fernandes

O turismo é uma atividade econômica, social, cultural e uma determinante na vida humana. As Relações Públicas por sua vez, têm o foco na construção e consolidação de relacionamentos, imagem e comunicação corporativa. Qual será o fruto da união dessas duas vertentes?

Com a vasta oportunidade de carreiras no setor das Relações Públicas, a parceria e interação com o segmento do turismo, torna o exercício da função dos dois, algo complementar. Desenvolver estratégias de comunicação voltadas a imagem e reputação de pontos turísticos, enfrentar os desafios impostos pela mídia e o próprio relacionamento com o turista são algumas das funções que podem ser exercidas.

Para trabalhar com turismo, é necessário entender a diversidade local e cultural, conhecer os públicos e entender que as ações de comunicação serão determinantes para o sucesso da ação.

Segundo Andrea Nakane, docente da Universidade Metodista de São Paulo, “a área de Turismo precisa constantemente trabalhar com a imagem, reputação e o relacionamento com a mídia das cidades, para que elas sejam conhecidas, bem como as pessoas desejem fazer viagens”. Este é o princípio da promoção da atividade, que possui presença na economia de um país.

Para a docente e profissional com grande experiência no setor de hotelaria, turismo de negócios e dentre outros no mercado, a atividade ainda está amadurecendo no Brasil. “Enquanto no Brasil se recebe 7 milhões de estrangeiros, em Paris esse número é de 80 milhões”, afirma Nakane. Há um potencial para o mercado de turismo no país, e conforme houver a aproximação da atividade de Relações Públicas dessa área, vão surgir muitas oportunidades para a atividade estratégica da profissão.

Para os profissionais que desejam atuar nessa área, Andrea lista algumas dicas imprescindíveis para conseguir uma boa colocação no mercado de trabalho: ter conhecimento em idiomas, porque no dia a dia vai ter contato com turistas que falam outras línguas como inglês, espanhol, italiano, alemão, mandarim, entre outras; ser antenado com as mídias sociais; possuir boa visão geopolítica e gostar de pessoas e de servir.

Comunicar erros