Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Relações Públicas / Notícias / Egressas do curso de Relações Públicas vencem o 33º Prêmio ABRP

Egressas do curso de Relações Públicas vencem o 33º Prêmio ABRP

Ex-alunas, hoje profissionais, se destacam na categoria "Projeto Experimental no Setor Público"

25/11/2015 18h10 - última modificação 25/11/2015 19h50

As egressas, hoje profissionais de RP, vencedoras na premiação da ABRP - Foto: Arquivo pessoal

A Associação Brasileira de Relações Públicas (ABRP) realizou, na noite de 23 de novembro, a cerimônia do 33º Prêmio ABRP – Concurso Nacional de Monografias e Projetos Experimentais, um dos mais importantes e consagrados da área. As egressas do curso de Relações Públicas da Universidade Metodista de São Paulo, Carolina Vieira Veríssimo, Caroline Bonato, Janaína Emídio, Linney Gonçalves Gatto Medeiros, Patrícia So Hung e Tamiris Souza foram as vencedoras na categoria "Projeto Experimental no Setor Público”.

As ex-alunas, hoje profissionais, obtiveram a conquista com o projeto desenvolvido no Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) em 2014, realizado para a Sabina Escola Parque do Conhecimento, em Santo André.

Linney explicou que o projeto consistiu em identificar as necessidades comunicacionais da Sabina e na elaboração de um plano de comunicação. “Fizemos uma pesquisa para identificar todos os públicos da instituição. Por fim, desenvolvemos cinco campanhas de divulgação, entre elas, uma com o objetivo de aumentar o público visitante e, consequentemente, a renda da Escola”, disse.

Carolina Veríssimo reforçou a fala da amiga, dizendo que “um dos objetivos do projeto era dar foco no público específico do final de semana, que é um público geral, pois nos demais dias da semana, as visitas são abertas apenas para escolas. Assim, a intenção era ampliar a diversidade deste público, com uma circulação maior aos finais de semana”.

Com relação à conquista do Prêmio ABRP, Carolina, que agora é assessora de imprensa na Mercedes-Benz, contou que o feito é importante em alguns aspectos. “O Prêmio veio corroborar os quatro anos de graduação e ver nosso projeto ser reconhecido por esta instituição tão renomada (a ABRP) é fundamental para vermos que fizemos a escolha certa profissionalmente. Acredito que o mais importante foi desenvolvermos um plano experimental para um cliente real, que agora utiliza o projeto. Isto contribuiu para nosso próprio desenvolvimento”.

Linney, que atualmente integra o departamento de Comunicação Corporativa da Dupont, ainda contou que, a princípio, o grupo não pensou em concorrer ao prêmio com o trabalho. “Nos inscrevemos a partir do convite do coordenador do curso, professor Paulo Ferreira e da nossa orientadora, professora Luciana Sabbadini, para representar a Metodista e gostamos da ideia”. Ela também expressou a satisfação pelo resultado. “Foi motivo de orgulho, isto é ver o retorno do esforço de um ano de desenvolvimento do projeto. Além disso, é mais um motivo para continuar na carreira.”

O projeto das ex-alunas, antes mesmo de receber o Prêmio ABRP, obteve outros reconhecimentos. O trabalho foi contemplado com o “Prêmio Talento Metodista”, promovido pelo próprio curso de Relações Públicas, e com o “Prêmio Destaque”, da Escola de Comunicação, Educação e Humanidades da universidade, que reconhece os trabalhos acadêmicos dos cursos de Comunicação com os melhores desempenhos.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , ,
PUBLICAÇÕES

PAULO FERREIRA - COORDENADOR

Conheça o minicurrículo


 

rela├з├╡es-p├║blicas.jpg

Receba informações de oferecimento deste curso

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: