Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação em Psicologia da Saúde / Intercâmbios

Intercâmbios

1 - Atividade conjunta com o Mestrado em Psicologia da Saúde da Universidade do Algarve – cidade de Faro - Portugal.

Os reitores das Universidades do Algarve (UALG) e da Metodista assinaram um acordo de colaboração em julho de 2006, resultado da iniciativa dos docentes do Programa que estiveram em Portugal em fevereiro de 2006 para participar do 6º Congresso Nacional de Psicologia da Saúde, sediado por aquela universidade portuguesa.

Em abril do mesmo ano, o coordenador do Mestrado em Psicologia da Saúde daquela instituição, Prof. Dr. Saul Neves de Jesus, visitou a Metodista e acertou detalhes para o acordo. Este previu intercâmbios de docentes e pesquisadores, de estudantes, de programas conjuntos no âmbito do ensino, da pesquisa, da extensão comunitária e da cultura, bem como de material acadêmico.

Em 2008, docentes e alunos do Programa foram à cidade do Porto - Portugal para participar do 7º Congresso de Psicologia da Saúde e apresentaram 34 trabalhos, participaram de dois simpósios resultantes das pesquisas desenvolvidas com professores e alunos da Universidade do Algarve e lançamento do livro (Psicologia da Saúde: Teoria e Técnica) produzido em parceria. Essa se tornou viável porque temas da Psicologia da Saúde são alvos de interesse dos docentes lotados nas duas instituições tais como: adaptação e sofrimento, qualidade de vida, aspectos psicológicos associados a doenças crônicas, comportamentos de risco, toxicodependência e programas de prevenção, bem-estar subjetivo, bem-estar no trabalho e construção e validação de medidas.

A aproximação dos dois programas até 2012 teve as seguintes atividades:

  1. Dois estágios de pós-doutoramento para professores do Programa, na UALG;
  2. Estágio pós-doutoral de uma professora da UALG;
  3. Planejamento do III e realização do I e II Congressos Luso Brasileiro de Psicologia da Saúde;
  4. Programa de Mobilidade Estudantil no qual participaram 10 alunos do Programa;
  5. Lançamento de dois livros - Psicologia da Saúde: Teoria e Pesquisa e Psicologia e Promoção de Saúde em Cenários Contemporâneos;
  6. Projetos de Pesquisa:

a) Qualidade de vida de idosos;
b) Qualidade de vida e suporte social de colaboradores de instituição de saúde;
c) Cultura Organizacional, trabalho-família e empenhamento organizacional e
d) Toxicodependência, fatores de risco e de proteção.

Parte dos resultados dessas pesquisas foram apresentados em Simpósios formados por pesquisadores portugueses e brasileiros, capítulos de livros e artigos em revistas.

Em 2012, fruto da parceria com o curso de mestrado e doutorado da universidade do Algarve, o Programa recebeu a professora Dra. Joana Conduto Vieira dos Santos para dar prosseguimento em sua pesquisa sobre “Fatores psicológicos associados à cultura e dinâmicas organizacionais da instituição e as suas associações com o trabalho e família”, cuja investigação é parte de seus estudos pós-doutorais. A investigação teve como principal objetivo aprofundar o conhecimento da realidade organizacional no contexto do ensino superior e da Família - comparação entre as realidades portuguesa e brasileira. Tanto o projeto quanto o intercâmbio foram financiados pelo Banco Santander Totta.

Na estada da professora, no período de fevereiro a junho de 2012, ela realizou duas palestras na UMESP para discentes e docentes do curso de Psicologia e do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde. Também realizou colóquios, minicursos e participou ativamente de todas as atividades do Programa. Sendo elas: aulas nas disciplinas, seminários e grupos de pesquisa. Da produção em parceria com o Programa destaca-se o capítulo de um livro “Trabalho e Família: conflitos e desafios” (Psicologia e Promoção da Saúde em Cenários Contemporâneos. São Paulo: Editora Vetor); no prelo estão 3 artigos encaminhados para revistas brasileiras e dois simpósios a serem realizados no II Congresso Ibero-Americano de Psicologia da Saúde -  Universidade do Algarve, realizado de 4 a 6 de julho de 2013, no Algarve.

2 - Atividades conjuntas com a Universidade de Valência - Espanha
No ano de 2009 professores do Programa estiveram em Valência onde ocorreu o primeiro encontro com o Prof. Dr. José Maria Peiró do Instituto de Investigação em Psicologia dos Recursos Humanos, do Desenvolvimento Organizacional e de Qualidade de Vida no Trabalho – IDOCAL da Universidade de Valencia - UV. Em 2010 o Prof. Dr. Peiró esteve no Brasil e firmou-se o intercâmbio entre UV e UMESP. Nesse mesmo ano houve o convite para que docentes do Programa participassem de um projeto assessorado pelo Prof. Dr. Peiró sobre aprendizagem e desenvolvimento de competências de alunos (Graduação e Pós-Graduação) para atuarem no plano internacional utilizando a ferramenta Illuminate. Trata-se de uma proposta de EAD, formando-se equipes integradas por professores e alunos da Metodista e da Universidade de Valência.

O Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde, por sua vez, apresentou ao Prof. Dr. Peiró a proposta de realizar um estudo de caráter internacional (Brasil, Espanha, Portugal) sobre o modelo de Bem-Estar no Trabalho (BET). Este modelo concebido por pesquisadores da Metodista, testado no Brasil e em Portugal, com sólidas evidências empíricas de validade e precisão de suas medidas bem como do valor conceitual de suas proposições para a compreensão e gerenciamento de fatores que poderiam promover a saúde nas organizações. Em Portugal a pesquisa será coordenada pelo Prof. Dr. Saul Neves de Jesus da Universidade do Algarve, que já utiliza as ferramentas em suas pesquisas, tendo apresentado estudo sobre esse tema durante o IV CBPOT. No Brasil o projeto será coordenado por duas professoras do Programa. Durante o ano de 2011 formou-se o Grupo Hispano-Brasileiro de Pesquisa cujo desdobramento definiu três projetos de pesquisa assim constituídos:

  • PROJETO 1 - ANÁLISE DE CONTEÚDO DE CHATS DE TELEAULAS: CATEGORIZAÇÃO DAS INTERAÇÕES PROFESSORES VERSUS MONITORES;
  • PROJETO 2 – O PAPEL MODERADOR DE PERCEPÇÃO DE SUPORTE ORGANIZACIONAL E DE SUCESSO NA CARREIRA SOBRE A RELAÇÃO BEM ESTAR NO TRABALHO VERSUS INTENÇÃO DE ROTATIVIDADE;
  • PROJETO 3 - CAPITAL PSICOLÓGICO E PERCEPÇÃO DE SUCESSO NA CARREIRA COMO MODERADORES NA RELAÇÃO ENTRE O PROCESSO PSICOSSOCIAL E O DESEMPENHO DE EQUIPES DE EAD: UM ESTUDO LONGITUDINAL.


Os projetos acima mencionados são coordenados por duas professoras do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde - PPGP. Da UMESP participam dois professores do Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA, dois professores da Faculdade de Gestão e Negócios – FAGES. Integram a equipe alunos do PPGP e PPGA e do Curso de Graduação em Psicologia. Da Universidade de Valência - UV participam os professores Doutores/as José Maria Peiró, Ana Zornoza e Virginia Orengo e alunos de mestrado e doutorado. Cabe apontar que um aluno de doutorado da UV está desenvolvendo sua tese, aspectos psicossociais de desempenho de equipes virtuais, utilizando a base de dados coletados no Brasil.


3 – Atividades conjuntas com a Universidade de Coimbra – Portugal

Em 29 de junho de 2010 foi assinado, pelos Reitores da Universidade de Coimbra - UC e Universidade Metodista de São Paulo - Metodista, um ACORDO GERAL DE COOPERAÇÃO. Nesse mesmo ano foi assinado um aditivo ao Acordo Geral de Cooperação contemplando as atividades de pesquisas a serem desenvolvidas, prioritariamente, nas áreas de Educação e Psicologia. Centrando-se essa última no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde, estabeleceu-se uma agenda compartilhada com professores da Universidade de Coimbra visando dar início ao intercâmbio institucional com o Núcleo de Psicologia das Organizações (NEFOG) da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.  Nessa agenda foi proposta a publicação de um livro e de artigos científicos com a coordenação de professores do programa e de Coimbra. Foi, também, elaborado um plano com o Coordenador do WOP-P - Coimbra e apresentado à Diretora da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação UC – para o intercâmbio de alunos e professores. Em 2011 a Profa. Mirlene esteve em Coimbra com o objetivo de dar prosseguimento aos trabalhos para encaminhamento das publicações acordadas em 2010. Em 2013 em visita à Coimbra ficou estabelecido o cronograma para as publicações.


4 - Atividades conjuntas com a Universidade de Aveiro - Programa de Pós-Graduação Mestrado em Psicologia da Saúde e Doutorado em Psicologia
Em 2011, estabeleceu-se o convênio entre os programas - Mestrado em Psicologia da Saúde e Mestrado e Doutorado em Psicologia da Universidade de Aveiro, Portugal. Nesse ano ficou então estabelecida entre as partes a recepção de docentes e discentes dos dois programas com a finalidade de promover cursos, disciplinas e investigações conjuntas em ambas às linhas de pesquisa do programa. Em face ao acordo, o Programa da Universidade de Aveiro recebeu uma Professora do Programa que ministrou curso sobre atenção em psicoterapia domiciliar e comunidades diferenciadas, a convite da Dra. Liliana Xavier Marques de Sousa, Pró-Reitora de Assuntos Comunitários, Docente do Programa e responsável pelo laboratório de pesquisa sobre bem-estar social de indivíduos, famílias e comunidades e do envelhecimento ativo. Em contrapartida, nos meses de maio e junho de 2012 o programa recebeu a aluna Filipa Marques, Programa Doutoral em Gerontologia e Geriatria. “Secção Autónoma de Ciências da Saúde da Universidade de Aveiro, Portugal”. Ela veio para dar andamento na sua pesquisa sobre “conceito de integridade familiar de povos indígenas Guarani”, sob supervisão de uma professora do programa que trabalha com pesquisas sobre povos indígenas. Além da pesquisa a professora e doutoranda Filipa Marques participou ativamente das atividades da pós-graduação e graduação em psicologia com colóquios, aulas e em discussões e reflexões nos grupos de pesquisa. A professora contou com bolsa de doutoramento FCT nº [SFRH/BD/45318/2008] e da parceria com a UMESP para sua alocação e acomodação no Brasil.

5 - Atividades conjuntas com o Programa de Pós-Graduação em Psicologia da USP
No ano de 2006, foi criado o grupo de pesquisa “Saúde Mental de Povos Indígenas” para o desenvolvimento de estudos e pesquisas, bem como intervenções psicológicas em aldeias Guarani-Mbyá de São Paulo. Estes trabalhos são desenvolvidos por uma pesquisadora e discentes do Programa em conjunto com pesquisadores da Universidade de São Paulo, por meio do seu Laboratório “APOIAR” - Laboratório de Saúde Mental e Psicologia Clínica Social do Instituto Psicologia, USP.

Ainda nesse laboratório professores do Programa participam como membros pesquisadores do grupo “Manifestações de Sofrimento Humano: Avaliação, Compreensão e Formas de Intervenção” que tem como líder a Professora Dra. Leila S. L. P. Cury Tardivo do Instituto de Psicologia da USP e agrega vários pesquisadores. O objetivo principal deste grupo é buscar compreender a realidade psíquica de indivíduos, em situação de sofrimento, de forma a propor modelos de intervenção que possam ser utilizados com parcelas especificas desta população, de forma a minimizar o sofrimento destes e melhorar sua qualidade de vida. Inseridos em Laboratório universitário, esses projetos e os serviços daí decorrentes buscam integrar ensino, pesquisa e prática clínica, oferecendo estágio supervisionado a alunos de graduação e proporcionando campo de investigação clínica para trabalho acadêmico de pós-graduandos e para articulações teóricas e técnicas entre docentes e pesquisadores. Em 2011 foi realizado pelo Laboratório APOIAR, com o apoio do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde – UMESP e a participação ativa dos professores e alunos do Programa a IX Jornada do Apoiar, que mostrou os resultados das investigações conjuntas sobre “Contornos da Violência doméstica na região do ABC paulista” em mesa redonda e debates sobre o tema.
Com a Faculdade de Saúde Pública da USP e a Associação de Diabetes Brasil - ADJ é mantido um convênio para a realização de estudos na área de doenças crônicas – Diabetes. Em parceria com a Profa. Dra. Sandra Vivolo, estão sendo desenvolvidas pesquisas e intervenções tanto na ADJ como no Acampamento de crianças e adolescentes com diabetes que ocorre todos os anos. Estiveram envolvidos no projeto, no triênio, 15 alunos de graduação, 03 da pós-graduação e um professor do Programa vinculado ao projeto de pesquisa: Eficácia Adaptativa, qualidade de vida e prevenção em doenças crônicas e agudas.

6 - Atividades conjuntas com o Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde da UFSM
Iniciado em 2009 o intercâmbio ampliou-se em 2010 com a presença da coordenadora e de professores do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Saúde da UFSM, no II Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde. Nesse mesmo ano a Coordenadora do Programa da Metodista esteve em Santa Maria para participar de um evento e iniciar os preparativos para a realização do III Congresso Brasileiro de Psicologia da Saúde que se realizou em 2012 em Santa Maria. A partir de 2012 espera-se estabelecer parceria para projetos de pesquisa conjuntos. Em 2013 foi feita a proposta para publicação de um número especial da Revista Mudanças com artigos dos dois programas.

7 - Atividade conjunta com o Departamento de Psiquiatria da UFRJ

O Prof. Luis Fernando Hindi Basile iniciou colaboração com o grupo da UFRJ em 2004, durante oportunidade de intercâmbio no simpósio “Déficit de Atenção e Hiperatividade”, em que a palestra “Eletrofisiologia da Atenção” foi proferida por ele no congresso “Latin American Regional Meeting WPA” e XIII Jornada de Psiquiatria da APERJ, realizados de 26 a 28 de agosto de 2004, no Rio de Janeiro. Passou, desde então, a acompanhar o desenvolvimento de métodos de análise pelo grupo liderado pelo Prof. Roberto Piedade (P. Ribeiro e M. Cagy são outros membros permanentes mais ativos em nossa colaboração) e a colaborar diretamente, por realização de simpósios temáticos com apresentações conjuntas: “Neurofisiologia clínica nos distúrbios de comportamento”, V Congresso Paulista de Neurologia e VII Reunião Paulista de Neurofisiologia Clínica, realizados de 9 a 11 de junho de 2005, Ribeirão Preto; XX Congresso Brasileiro de Neurofisiologia Clínica, realizado de 29/10 a 02/11 de 2005, Gramado; Palestra “Correlatos Eletrofisiológicos de Atenção e Detecção”, sob convite dos Profs. Roberto Piedade e Pedro Ribeiro, em reunião científica do Departamento de Psiquiatria da UFRJ, 08/2005; I Jornada Brasileira de EEG quantitativa, a convite da Sociedade Brasileira de Neurofisiologia Clínica, realizada de 05 a 07/05 de 2006, Indaiatuba. Desde então, os integrantes do grupo passaram ao intercâmbio de dados, etapas de análise e de desenho experimental, o que resultou em 10 artigos originais publicados em periódicos internacionais indexados e 2 no prelo.

Atividade conjunta com o Laboratório de Neurociências do HCFMUSP
A colaboração do Prof. Luis Fernando Hindi Basile com o Laboratório de Neurociências-LIM 27, data de 1997, da própria criação do laboratório por apoio FAPESP ao projeto temático liderado pelo Prof. Wagner Gattaz e com coautoria, do módulo de eletrofisiologia, de Luis F.H. Basile (“Metabolismo dos fosfolípides na Doença de Alzheimer e Esquizofrenia”, Processo 97/11083-0, 1997-2002), que implementou seu trabalho como seu segundo pós-doutoramento, com apoio Fapesp por 4 anos (Processo 98/07640-3). O Prof. Basile mantém colaboração em segundo projeto temático de apoio Fapesp, também sob coordenação do Prof. Gattaz (“Metabolismo dos fosfolípides nas doenças neuropsiquiátricas”, Processo 02/13633-7). Da colaboração com o LIM-27, produzimos 6 trabalhos originais em periódicos internacionais indexados, 2 trabalhos em revisão atual, e a participação em mais de 20 congressos, com apresentação de palestras e painéis. Recentemente, acirramos colaboração com outros especialistas em eletrofisiologia do HCFMUSP (Prof. Koishi Sameshima, Renato Anghinah e Daniel Takahashi), com os quais publicamos um trabalho em periódico internacional indexado, e possuímos dois trabalhos em revisão.

Atividade conjunta com o Núcleo de Neurociências e Comportamento da USP
O Núcleo de Neurociências e Comportamento (NEC) é sediado na Faculdade de Psicologia da USP e reúne pesquisadores dos Departamentos e Institutos de Biologia, Ciências Biomédicas, Medicina, Educação e Engenharia. Como membro pesquisador do núcleo, o Prof. Renato T. Ramos trabalha em colaboração com o Laboratório de Fisiologia do Comportamento, coordenado pelo prof. Ronald Dennis P. K. C. Ranvaud na avaliação do impacto de estados ansiosos e estresse sobre o desempenho cognitivo dentro de um paradigma de atenção dividida. Resultados iniciais desta colaboração foram apresentados no Annual European Congress of Rheumatolology, 2006, Amsterdam; na XXI Reunião da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE), 2006 e no XXth Congress of the International Society of Biomechanics and 29th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics, 2005, Cleveland.

Estes estudos exploram a influência de estados ansiosos em paradigmas de atenção dividida e dois artigos a serem submetidos a publicações internacionais estão sendo preparados. Esta colaboração envolve também o Prof. Luiz Basile que, em seu laboratório na UMESP, tem desenvolvido novos experimentos em atenção com alunos do Programa.

Atividade conjunta com o Laboratório de Psicofarmacologia e Psicopatologia Experimental do HCFMUSP
O Laboratório de Psicofarmacologia e Psicopatologia Experimental da Faculdade de Medicina da USP desenvolve estudos clínicos e experimentais em diferentes patologias psiquiátricas. Durante este triênio, o prof. Renato T. Ramos atuou como responsável pela área de psicofisiologia de um projeto temático FAPESP deste laboratório juntamente com os profs. Clarice Gorenstein (Departamento de Farmacologia, USP), Valentim Gentil (Faculdade de Medicina USP), Núbio Negrão (Faculdade de Medicina USP) e Geraldo Busatto (Faculdade de Medicina USP). O objetivo do estudo foi avaliar o efeito de drogas antidepressivas na regulação do humor normal.
Esta colaboração envolveu a aluna do Programa Sirlei A. Silva e resultou em um artigo internacional (Ramos, RT Antidepressants and dizziness. Journal of Psychopharmacology, v. 20, n. 5, p. 708-713, 2006).  Estes resultados também foram apresentados no Methods in Mind: fMRI Experience Conference and British Psychophysiology Society Annual Meeting, 2005, Birmingham, Inglaterra.

Atividade conjunta com Associação de Diabetes Juvenil e a Universidade de São Paulo
Desde o ano de 2005 a profa. Maria Geralda Heleno Viana desenvolve atividades conjuntas de programas de educação em diabetes com a Associação de Diabetes Juvenil - ADJ e com a Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP junto com a Professora Dra. Sandra Roberta Ferreira. Este programa está centrado nas atividades da Colônia de Férias para Crianças e Adolescentes com Diabetes que é realizado anualmente. Em 2005 foi planejado o primeiro projeto de pesquisa que foi realizado no ano de 2006. Os resultados foram analisados e o primeiro artigo está em fase de conclusão. Este trabalho deverá ser divulgado em ano de 2007.

Atividade conjunta com pesquisadores do IPUSP, UNESP, UFMA e UFBa
O Grupo de Pesquisa “Laboratório de Ciências da Cognição” cadastrado no CNPq e liderado pela profa. Vera Maria Barros de Oliveira direciona suas investigações para a área do brincar, o que lhe possibilita interagir com o Grupo de Trabalho da ANPEPP, “Brinquedo, Aprendizagem e Saúde”, coordenado por esta professora em conjunto com a profa. Edda Bomtempo, do IPUSP. Essa interação tem gerado publicações conjuntas, como o livro “Brincando na escola, no hospital, na rua...”, em 2006, da ed. WAC, Rio de Janeiro, organizado por esta professora, pela profa. Edda Bomtempo e Elsa L. G. Antunha, da USP, no qual a profa. Vera é coautora em conjunto com a aluna egressa Denise Milani. Além deste livro, mais um está sendo organizado por ela ao lado da profa. Adyl M. Q. Pérez-Ramos da UNESP, “O Brincar no Hospital”, no qual é co-autora junto a Terezinha Vieira as UFMG, Silvana Maria Moura da Silva da UFMA e Ilka Dias Bichara, da UFBA. Essa aproximação institucional maior gerou, via publicação, a participação destas professoras na pesquisa “Brinquedoteca hospitalar e sua qualidade”, coordenada pela profa. Vera e desenvolvida em vários municípios paulistas e Estados da Federação, onde as professoras citadas lecionam. Também por meio de investigações voltadas ao brincar e sua contribuição para a saúde e a educação, houve aproximação com membros da International Toy Libraries Association, da qual a profa. Vera é membro da Diretoria e do Conselho Científico, presidido pelo prof. Gilles Brougère, da Universidade Paris-Norte, que apreciará trabalhos do 11º Congresso Internacional de Brinquedotecas, a ser realizado em 2008 em Paris. Em contatos internacionais, pode-se mencionar também a pesquisa desenvolvida por essa professora em conjunto com o prof. David Smith, da Universidade de Bradley, Illinois, coordenada aqui no Brasil pelo Prof. Arrigo Anelini e tendo a participação também da profa. Iraí Boccato Alves, ambos da USP, a ser divulgada em 2007, no Journal of Cross Cultural Psychology.  


Comunicar erros

SOBRE O PROGRAMA
Formulários semestrais - Bolsas de Estudo
AGENDA
AGENDA -