Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação em Comunicação / Notícias / Magali Cunha fala sobre o quanto ainda se pode ter esperanças em coluna do jornal O Globo

Magali Cunha fala sobre o quanto ainda se pode ter esperanças em coluna do jornal O Globo

04/09/2015 13h35 - última modificação 04/09/2015 14h03

Clique para ampliar a imagem

“Quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos, quero ver brotar o perdão onde a gente plantou (...) Já choramos muito, mesmo assim, não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer sol de primavera”. Com estes versos da canção de Beto Guedes, que a professora Magali Cunha, do Programa de Pós-graduação em Comunicação Social da Universidade Metodista de São Paulo, inicia sua coluna deste mês do jornal O Globo: “Quando entrar setembro”.

Publicada no dia 03, a coluna fala sobre o quanto ainda é possível ter esperanças e traz uma reflexão à respeito da presença de dirigentes do Conselho Mundial de Igrejas no Brasil neste mês, como o secretário-geral reverendo Olav Fykse Tveit, na chamada Peregrinação de Justiça e Paz enfatizado “o papel das igrejas na promoção do respeito às diferentes religiões e no fortalecimento da democracia participativa, que leve à redução da desigualdade”.

Confira aqui a coluna na íntegra (cadastro gratuito).

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , ,
SOBRE O PROGRAMA