Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação em Comunicação / Estrutura do Programa / Plano de Ensino / 1º semestre de 2015 / Jornalismo especializado

Jornalismo especializado

Dra. Marli dos Santos

Linha de pesquisa: Comunicação Midiática nas Interações Sociais


EMENTA

O jornalismo especializado como forma de conhecimento do mundo na sociedade contemporânea. A natureza e as características do jornalismo especializado: a formulação de um conceito. Contexto cultural, social, econômico e tecnológico e os impactos na evolução da especialização jornalística. As fronteiras e as confluências entre jornalismo especializado, jornalismo investigativo e de precisão. A investigação e interpretação como pontos centrais na produção jornalística. Gêneros, linguagens e meios em jornalismo especializado.


OBJETIVOS

Pensar no jornalismo especializado como um intermediador de vários saberes específicos, para produzir outro conhecimento do mundo, diferente da ciência e da arte

Discutir o campo do jornalismo especializado como área de conhecimento

Contextualizar a especialização do jornalismo no bojo das mudanças sociais, culturais, econômicas e tecnológicas

Abordar  as características e conceitos do jornalismo especializado, tendo em vista temas, gêneros e meios de comunicação

Discutir a investigação e a interpretação jornalísticas como chaves para a prática do jornalismo especializado

Estudar  as interfaces do jornalismo especializado com as práticas denominadas jornalismo investigativo e de precisão

Metodologia

Exposição de temas, discussão em grupo de leituras propostas, apresentação de trabalhos individuais sobre publicações em jornalismo especializado

 

Avaliação da disciplina

Seminário individual apresentado em sala e produção de artigo científico sobre temática da disciplina. O artigo deve ter entre 25 e  33 mil caracteres e formatado de acordo com as normas ABNT. O prazo para entrega do artigo é até 15 dias úteis após o encerramento da disciplina. Cada atividade valerá de zero a 10 pontos. A nota final será a média das atividades.

 

PROGRAMA

  • Conceitos e características do jornalismo.
  • O jornalismo como forma de conhecimento. A perspectiva de Adelmo Genro.
  • Jornalismo especializado:  paradoxo epistemológico.
  • A evolução do jornalismo especializado e as interfaces com a sociedade
  • Jornalismo especializado e segmentado
  • A investigação e a interpretação jornalísticas como pontos-chave no JE
  • O desafio das fontes especializadas
  • Jornalismo de precisão e jornalismo investigativo: confluências e divergências com o JE
  • Tendências temáticas na especialização jornalística
  • O gênero no jornalismo especializado
  • A supremacia de alguns temas e abordagens no JE
  • O papel do jornalista especializado
  • Publicações especializadas em suporte impresso - Seminários
  • Programas jornalísticos especializados em rádio e TV - Seminários
  • Jornalismo especializado na internet - Seminários

 

Referências

ARRANZ, Fermín Galindo. Propuesta de periodización histórica y evolución conceptual del periodismo de precisión. Disponível em http://www.uvm.cl/comunicaciones/estudios2005/Ponencia%206%20 Acesso em 20 de outubro de 2012

BALMAN, Z.Modernidade líquida.São Paulo: Zahar, 2001

BETANCOURT, M.R. Periodismo especializado. ¿Una fase superior?Facultad de Comunicación de la Universidad de La Habana.Disponível em http://mesadetrabajo.blogia.com/2006/110702-periodismo-especializado.-una-fase superior-.ph. Acesso em 18 de outubro de 2012.

CHAPARRO, MCC. Sotaques d’aquém e d’além-marPercursos e gêneros do jornalismo português e brasileiro. Santarém, Portugal: Jortejo, 1998

CHAPARRO. MCC Pragmática do JornalismoBuscas práticas para umateoria da ação jornalística. São Paulo: Summus Editorial, 1994

DANTAS, A. Repórteres. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2004.

EDO, C. Las revistas e Internet como soportes del periodismo especializado y La divulgación. Estudios sobre el Mensaje Periodístico, Universidad Complutense de Madrid,   1999, nY 77 -96. Disponível em revistas.ucm.es/index.php/ESMP/article/.../12983. Acesso em 18 de outubro de 2012.

ERBOLATO, M. Jornalismo Especializado. São Paulo, Atlas. 1981.

FERNÁNDEZ DEL MORAL, J. Informática y estatística. Los nuevos desafios de periodismo especializado. In: Revista TELOS, Madrid, diciembre 1993 - febrero 1994. Disponível em:http://www.campusred.net/telos/anteriores/num_036/index_036.html ?cuaderno_central3.html. Acesso em 20 de outubro de 2012.

FORTES, L. Jornalismo investigativo. São Paulo:Contexto, 2005

GENRO, A. O segredo da pirâmidepara uma teoria marxista do jornalismo. Porto Alegre, Tchê, 1987.

GROTH, Otto. O poder cultural desconhecido – fundamentos da ciência dos jornais. Trad. Lilian Sponholz. Petrópolis, Vozes, 2011.

MACHADO, Elias. Dos estudos sobre o jornalismo às teorias do jornalismo (Três pressupostos para a consolidação do jornalismo como campo de conheicmento). Disponível em: http://compos.org.br/seer/index.php/e-compos/article/viewFile/2/4. Acesso em 24 de outubro de 2012.

MARCET, JMC. Investigar para sacar a La luz hechos ocultos. IN: MARKINA, IC (org). La especialización em El periodismo. Comunicación social: Sevilla-Zamora, 2010.

MEDITSCH, Eduardo. O jornalismo é uma forma de conhecimento?Disponível emhttp://bocc.ubi.pt/pag/meditsch-eduardo-jornalismo-conhecimento.html. Acesso em 17 de outubro de 2012

MEYER, p. Novedades del periodismo de precisión.
El uso periodístico de estadísticas sociales.
REVISTA TELOS. Fundação Telefónica.  Disponível em: http://www.campusred.net/telos/anteriores/num_036/index_036.html?cuaderno_central.html. Acesso em: 20 de outubro de 2012

ORTIZ, Renato. Mundialização e cultura. São Paulo: Brasiliense, 1996.

PEREIRA, FH. O mundo dos jornalistas: aspectos teóricos e metodológicos. Intercom-Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, 2009 - portcom.intercom.org.br Disponível em http://portcom.intercom.org.br/revistas/index.php/revistaintercom/article/viewArticle/268. Acesso em fevereiro de 2012.

PEREIRA, FH. Os jornalistas-intelectuais no Brasil: identidade, práticas e transformações no mundo social. São Paulo: Summus Editorial, 2011.

RAMÍREZ, FE. Fundamentos de La especialización periodística. IN: MARKINA, IC (org). La especialización em El periodismo. Comunicación social: Sevilla-Zamora, 2010.

ROVIDA, MF. A Segmentação no Jornalismo sob a Ótica Durkheimiana da Divisão do Trabalho Social. Mestrado. Faculdade Cásper Líbero,  São Paulo, 2010.

SÁEZ, MTM. Aportaciones teóricas em torno al concepto de periodismo especializado. Disponível em perio.unlp.edu.ar/ojs/index.php/question/.../961. Acesso em 18 de outubro de 2012.

SIQUEIRA, CM. Jornalismo investigativo. São Paulo: Summus, 2005

TAVARES, FM Brandão. O jornalismo especializado e a especialização periodística Estudos em Comunicação, n 5, 115-133, maio de 2009

TAVARES, FM.  O jornalismo especializado e a mediação de um ethos contemporâneo na sociedade. EM QUESTÃO, Porto Alegre, v. 13, n. 1, p. 41-56, jan/jun 2007

TRAQUINANTeorias do jornalismoporqueas notícias são como são. V. 1. Florianópolis: Insular, 2005

 

 

Comunicar erros

SOBRE O PROGRAMA