Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Pós-Graduação em Comunicação / Estrutura do Programa / Plano de Ensino / 1º semestre de 2015 / Evolução Tecnológica na Comunicação Contemporânea

Evolução Tecnológica na Comunicação Contemporânea

Prof. Dr. Walter Teixeira Lima Jr

Ementa:
História e Filosofia da Ciência.  A tecnologia como produto do homem.  Filosofia da Tecnologia. Surgimento das tecnologias de comunicação analógicas e a sua conversão para digital. A evolução das indústrias da computação e de telecomunicação. Surgimento, funcionamento e evolução das redes telemáticas e sua utilização no campo da comunicação. Tendências das tecnologias de captação, produção e distribuição de conteúdo multimídia. Tecnologia móvel e Internet das Coisas. Novas interfaces digitais inteligentes. Bancos de Dados, Big data e Tecnologias inteligentes. Convergência de Mídias e Divergência de Meios.

Objetivos:
Fornecer ao pesquisador elementos sobre a evolução e a história da ciência, analisando os seus impactos e as novas perspectivas abertas pelo surgimento de tecnologias digitais distribuídas em redes.

Justificativa:
O pesquisador na área de comunicação digital deve compreender que a evolução da ciência é um processo natural do homem. Portanto, deve dominar os conceitos e se inserir no campo de produção de tecnologias para o campo da comunicação social.

Metodologia de ensino:
* Aula expositivas
* Apresentação de vídeos, programas (softwares) e filmes
* Palestras com convidados
* Discussão em classe
* Apresentação pelos alunos de análises e seminários

A avaliação do aluno se dará pela:
* Produção de três análises sobre o conteúdo ministrado em aula. Esse ensaio acadêmico deverá conter novas informações e novas referências. A Entrega dos três papers valerá 1,0 ponto na média final.
* Apresentação de um seminário individual, valendo 2,0 pontos.
Tema: Escolhido pelo aluno para realização do paper
Divisão através de sorteio
Apresentações e discussões para cada aluno em torno de 30 a 40 minutos.
* Elaboração de um paper de 10 a 15 páginas, cujo o tema da pesquisa e sobre as novas tecnologias de comunicação e seu impacto na sociedade contemporânea, valendo 7,0 pontos. (em cópia papel e digital)


Aula I
Apresentação da disciplina e cronograma de atividades
Episódio: Guns, Germs and Steel, Jared Diamond

Aula II
Pesquisar tecnologia com olhar científico
Discussão dos capítulos “A coisa mais preciosa” (págs 17 a 41) e
“Ciência e Esperança” (págs 42 a 60), do livro “O mundo assombrado pelos Demônios”, de Carl Sagan.

Discussão do texto “O impacto de Darwin no pensamento moderno” (págs 93 a 97), de Ernst Mayr, na revista Scientific American, Edição Especial Como nos tornamos humanos: a evolução da inteligência. N. 17

Ou o mesmo texto em: MAYR, Ernst. A influência de Darwin sobre o pensamento moderno In:
Biologia, Ciência Única. São Paulo: Companhia das Letras, 2005, p.98
- 112

Discussão do capítulo “Ciência, Técnica e Realidade” (págs 13 a 26), de Milton Vargas, do livro “Para uma filosofia da tecnologia”.

Aula III
Discussões sobre ciência e filosofia da tecnologia I
Discussão do texto de Mario Bunge, La Ciência; su método y su filosofia

LIMA, João Epifânio Regis. Considerações sobre Filosofia da Tecnologia. Paper apresentado na I Conferência Brasileira de Comunicação e Tecnologias Digitais da Universidade Metodista de São Paulo, 27 de novembro de 2007.

O que é a Filosofia da Tecnologia?, por Andrew Feenberg, http://www.sfu.ca/~andrewf/oquee.htm

Discussão do capítulo “O ‘Logos’ da Técnica” (págs 171 a 186), de Milton Vargas, do livro “Para uma filosofia da tecnologia”.

Aula IV
Discussões sobre ciência e filosofia da tecnologia II
MORAIS, Regis de. Filosofia da Ciência da Tecnologia. SP: Papirus, 1998
Capítulo I – “A Ciência”, p. 21 a 52

MORAIS, Regis de Morais. Filosofia da Ciência e da Tecnologia. São Paulo: Papirus
Breve abordagem histórica da evolução da ciência, p 30 a 43

MORAIS, Regis de. Filosofia da Ciência da Tecnologia. SP: Papirus, 1998
Capítulo IV – “Tecnologia Geral”, p. 99 a 121

Aula V
Revoluções Científicas

KUHN, S. Thomas. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 2006 - Capítulo: Introdução: Um papel para a história, p 19 a 28
MAYR, Ernst. As revoluções científicas de Thomas Kuhn acontecem mesmo? In: Biologia, Ciência Única. São Paulo: Companhia das Letras, 2005, p.174 - 184

Entrega do Texto I (aulas 1, 2, 3 e 4)

Aula VI
Tecnologia e determinismo tecnológico

Discussão do Capítulo IV , PINTO, Álvaro Vieira. O conceito de Tecnologia. São Paulo: Editora
Contraponto, 2005, p.119 - 270

DAGNINO, Renato. Neutralidade da ciência e determinismo tecnológico. Campinas, SP: Editora Unicamp, 2008, p.15 - 34

Aula VII
Os limites da ciência

RIDLEY, B. K. On Science. London and New York: Routledge, 2001
Capítulo: The Limits of science, p. 16 a 39

Texto complementar
Definindo Teoria. Marcelo Gleiser. Folha de S. Paulo. 2 de outubro de 2005.

Atividade: Um episódio da série Numb3rs


Aula VIII
Pluridisciplinariedade para entender os processos de comunicação humana: um caminho a ser construído

Discussão da Introdução (págs 19 a 23) do livro Neurocomunicaçao: Para compreender os mecanismos da comunicação e aumentar competências.

Discussão do Prefácio (págs 9 a 14) e Introdução (págs 15 a 30) do livro Imposturas Intelectuais. O abuso da Ciência pelos filósofos pós-modernos.

Texto de apoio “Avanço qualitativo na pesquisa sobre tecnologias aplicadas ao jornalismo”de Walter Teixeira Lima Junior, publicado na Revista Líbero, n. 20, Dez, 2007, págs 123 a 130.

Texto de apoio “O enigma dos quipos”, por Loic Mangin (págs 20 a 23), na Edição Especial da Scientific American “Etnomatemática”, n. 11

Texto de apoio
Two Cultures - Charles Percy Snow
http://en.wikipedia.org/wiki/The_Two_Cultures
http://www-history.mcs.st-andrews.ac.uk/Extras/Griffiths_two_cultures.html

Aula IX
Telégrafo, telefonia e mobilidade

Discussão do capítulo “O telégrafo” (págs 103 a 105), do livro Comunicação – Do grito ao Satélite.

STRAUBHAAR, Joseph; LaROSE, Robert. Indústria de telefonia. In:Comunicação, mídia e tecnologia. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004, p.152 a 156

Texto de Apoio: Paulo Henrique de Oliveira Ferreira “O jornalismo e as tecnologias de informação on- line do Telégrafo á Internet Móvel”
http://njmt.incubadora.fapesp.br/portal/pesquisadores/mest/pauloh/redealcar2004- phferreira.pdf/view

Texto de apoio: The Victorian Internet, By Tom Standage

Entrega do Texto II (aulas 5, 6, 7 e 8)

Aula X
Invenções e inovações na área da comunicação social : a Era do Big Data

Textos base:
AXELROD, Alan. Ciência a Jato. Rio de Janeiro. Record, 2003

KAUHANEN, Erkki, NOPARRI, Elina. Innovation, Journalism and Future. Helsinki Tekes, 2007

Much Ado about invention
Technology Review Magazine (MIT). The invention issue. May 2004, p. 17
http://www.technologyreview.com/magazine/25/

Aula XI
Convergência Tecnológica ou de mídias
Evolução Tecnológica nos campos da Informática, da Informação e da Comunicação

LEE, Willian Chee-Leong. Clash of the Titans: impact of convergence and divergence on Digital Media, Massachussetts Institute of Technology 2003

Aula XII
Apresentação de seminário
Entrega do Texto III (aulas 9,10 e 11)

Aula XIII
Apresentação de seminário

Aula XIV
Apresentação de seminário

Aula XV
Apresentação de seminário
Avaliação dos trabalhos
Avaliação da disciplina

Bibliografia básica

BUNGE, Mario. Dicionário de Filosofia. São Paulo: Perspectiva, 2006
BUNGE, Mario. Teoria e Realidade. São Paulo: Perspectiva, 2006
CORNU, Lucienne. Neurocomunicaçao: Para compreender os mecanismos da comunicação e aumentar competências. Caxias do Sul: Educs, 2004
DAGNINO, Renato. Neutralidade da ciência e determinismo tecnológico. Campinas, SP: Editora Unicamp, 2008
DYSON, George B. Darwin among the machines. EUA: Perseus Books, 1997
KAUHANEN, Erkki, NOPARRI, Elina. Innovation, Journalism and Future. Helsinki: Tekes, 2007
KUNSCH, Dimas A; BARROS, Laan Mendes de (orgs). Comunicação: saber, arte ou ciência? São Paulo: Plêiade, 2008
KUHN, S. Thomas. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 2006
KUHN, S. Thomas. O caminho desde a estrutura. São Paulo: Editora Unesp, 2003
MAYR, Ernst. Biologia, Ciência Única. São Paulo: Companhia das Letras, 2005
MORAIS, Regis de. Filosofia da Ciência da Tecnologia. SP: Papirus,1998
PINTO, Álvaro Vieira. O conceito de Tecnologia. São Paulo: Editora Contraponto, 2005
POPPER, Karl R. Em busca de um mundo melhor. São Paulo: Martins, 2006
RIDLEY, B. K. On Science. London and New York: Routledge, 2001
SAGAN, CARL. O mundo assombrado pelos demônios. São Paulo: Companhia de Bolso, 2006
SOKAL, Alan; BRICMONT, Jean. Imposturas Intelectuais: o abuso da Ciência pelos filósofos pós- modernos. Rio de Janeiro: Record, 2006
STRAUBHAAR, Joseph; LaROSE, Robert. Comunicação, mídia e tecnologia. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004
VARGAS, Milton. Para uma filosofia da tecnologia. São Paulo: Alfa Omega, 1994.
ZUFFO, João Antônio. A tecnologia e a Infosocieadade. São Paulo: Manole, 2003

Bibliografia complementar
AXELROD, Alan. Ciência a Jato. Rio de Janeiro. Record, 2003
COSTELA, Antonio F. Comunicação – Do Grito ao Satélite. Campos do Jordão: Editora Mantiqueira, 2002.
DERTOUZOS, Michael. A Revolução Inacabada. São Paulo: Editoria Futura, 2002
NEGROPONTE, Nicholas. A vida digital. São Paulo: Planeta, 1997.
NEUMANN, John Von. O computador e o cérebro. Portugal: Relógio D´água, 2005


Textos
BUNGE, Mario. Su método y su filosofia
LIMA, João Epifânio Regis. Considerações sobre Filosofia da Tecnologia. Paper apresentado na I Conferência Brasileira de Comunicação e Tecnologias Digitais da Universidade Metodista de São Paulo, 27 de novembro de 2007.
LEE, Willian Chee-Leong. Clash of the Titans: impact of convergence and divergence on Digital Media, Massachussetts Institute of Technology 2003


Textos de livros
COSTELA, Antonio F. O telégrafo. In: Comunicação – Do Grito ao Satélite. Campos do Jordão: Editora Mantiqueira, 2002, p.103 - 130
KUHN, S. Thomas. Introdução: um papel para a história. In: A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 2006, p. 19 -28
KUHN, S. Thomas. A natureza e a necessidade das revoluções científicas In: A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 2006, p. 125 - 145
MORAIS, Regis de. A ciência. In: Filosofia da Ciência da Tecnologia. SP: Papirus, 1998, p21 - 52
MORAIS, Regis de. Tecnologia Geral. In: Filosofia da Ciência da Tecnologia. SP: Papirus, 1998, p.99 - 128
MARTINO, Luiz C. O campo da comunicação e suas teorias. In:Comunicação: saber, arte ou ciência? São Paulo: Plêiade, 2008, p.13 -33
MANGIN. Loic. O enigma dos quipos. In: Scientific American Brasil. Especial Etnomatemática, p. 20 - 23
CORNU, Lucienne. Neurocomunicaçao: Para compreender os mecanismos da comunicação e aumentar competências. Caxias do Sul: Educs, 2004, p19
- 26
PINTO, Álvaro Vieira. O conceito de Tecnologia. São Paulo: Editora Contraponto, 2005, p.119 - 270
SOKAL, Alan; BRICMONT, Jean. Imposturas Intelectuais: o abuso da Ciência pelos filósofos pós- modernos. Rio de Janeiro: Record, 2006, p.15 - 30
MAYR, Ernst. A influência de Darwin sobre o pensamento moderno In: Biologia, Ciência Única. São Paulo: Companhia das Letras, 2005, p.98 - 112
MAYR, Ernst. As revoluções científicas de Thomas Kuhn acontecem mesmo? In: Biologia, Ciência Única. São Paulo: Companhia das Letras, 2005, p.174 - 184
SAGAN, CARL. A coisa mais preciosa. In: O mundo assombrado pelos demônios. São Paulo: Companhia de Bolso, 2006, p.17 - 41
SAGAN, CARL. Ciência e Esperança In: O mundo assombrado pelos demônios. São Paulo: Companhia de Bolso, 2006, p.42 - 60
KUHN, S. Thomas. As ciências naturais e as ciências humanas. In: O caminho desde a estrutura. São Paulo: Editora Unesp, 2003, p.265 - 273
RIDLEY, B. K. The limits of science. In; On Science. London and New York: Routledge, 2001, p.16 - 39
DAGNINO, Renato. Sobre o tratamento em conjunto da ciência e da tecnologia: o conceito de tecnociência. In:Neutralidade da ciência e determinismo tecnológico. Campinas, SP: Editora Unicamp, 2008, p.15 -30
ZUFFO, João Antônio. A evolução tecnológica da informática. In: A tecnologia e a Infosocieadade. São Paulo: Manole, 2003,p.1 - 44
STRAUBHAAR, Joseph; LaROSE, Robert. Indústria de telefonia. In: Comunicação, mídia e tecnologia. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004, p.152 a 156
DAGNINO, Renato. Neutralidade da ciência e determinismo tecnológico. Campinas, SP: Editora Unicamp, 2008, p.15 - 34
KUHN, S. Thomas. As ciências naturais e as ciências humanas. In: O caminho desde a estrutura. São Paulo: Editora Unesp, 2003, p.265 - 273

Comunicar erros

SOBRE O PROGRAMA