Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Odontologia / Notícias / Simpósio de Carreiras apresenta possibilidades de atuação aos alunos de Odontologia

Simpósio de Carreiras apresenta possibilidades de atuação aos alunos de Odontologia

Encontro fez parte da programação da Semana Científica Odontológica da Metodista

11/05/2018 13h05 - última modificação 11/05/2018 16h38

Cerca de 300 pessoas acompanharam a programação no anfiteatro Márcio de Moraes

“Quando a gente não sabe para aonde vai, qualquer caminho serve”. A famosa frase da obra infantil Alice no País das Maravilhas, citada durante o Simpósio de Carreiras da Área Odontológica, deu o tom do encontro realizado na manhã de ontem (10), no anfiteatro Marcio de Moraes (Edifício Sigma).

Parte da programação da XXVI Semana Científica Odontológica da Metodista (SECOM), o Simpósio recebeu seis profissionais graduados em odontologia, com atuações em áreas distintas. Na primeira seção, todos os convidados palestraram, durante cerca de 20 minutos, sobre suas trajetórias profissionais.

Na sequência foi realizada uma mesa-redonda, mediada pela coordenadora do curso de graduação em Odontologia da Metodista, Renata Pilli Jóias. Durante cerca de uma hora, os palestrantes puderam responder perguntas sobre detalhes e curiosidades das suas carreiras, além de darem conselhos práticos sobre decisões e escolhas.

“É riquíssimo poder participar de um evento como esse e ter a condição de mostrar que existem vários caminhos a seguir. Neste momento de vida, nem todas as pessoas sabem o que farão. Muitas vezes os alunos se veem na graduação com um medo absurdo de ir para o mercado de trabalho”, destacou Rosângela Manfredini, uma das palestrantes do evento e diretora de Recursos Humanos de uma das principais redes de clínicas odontológicas do Brasil.

segunda.jpg
Dr. Dárcio Kitakawa falou sobre concursos públicos na área da odontologia
Perspectivas

A identificação do próprio perfil comportamental e o entendimento de como talentos naturais podem direcionar a escolha profissional foram tópicos abordados por todos os convidados em suas participações.

Aluno do 1º período de Odontologia, João Gabriel Gonçalves ficou surpreso com as possibilidades apresentadas. Graduado em Relações Públicas pela Metodista, o estudante decidiu mudar de área e viu no Simpósio de Carreiras um panorama importante para suas futuras escolhas. “O dentista tem muito mais possibilidades do que pensei. A odontologia se mostrou tão ampla quanto a comunicação".

João Gabriel também destacou o compromisso da Metodista com a carreira profissional dos alunos. “Desde quando entramos já somos orientados. Vi isso em Relações Públicas e estou vendo em Odontologia”, apontou.

Ao final do encontro, houve bastante emoção entre os presentes na plateia. Os convidados e a coordenadora do curso fecharam suas participações motivando os alunos a concluírem suas graduações com excelência e não definirem suas áreas de atuação apenas por motivações financeiras, seguindo um caminho no qual possam colocar suas aptidões e sonhos em prática. "Tudo parte do quanto eu sei, do quanto eu me conheço, do que eu quero. Estrutura e formação os alunos têm aqui. A questão é daqui para fora. Um evento como esse abre a cabeça, traz possibilidades", finalizou Rosângela.


7b.jpg
Participantes respondem perguntas dos alunos
Mesa-redonda: o que disseram os convidados

 O prof. dr. Fábio Dupart Nascimento, da Universidade de Mogi das Cruzes, deu início as palestras falando sobre a realidade dos profissionais que decidem seguir a carreira acadêmica. O docente questionou a cultura educacional de valorizar títulos acima da capacidade de ministrar aulas, incentivando os interessados a não perderem de vista o real propósito da sala de aula. “O desafio como professor é desenvolver o indivíduo e o profissional”, pontuou.

 Na sequência, Ezequias Rodrigues, cirurgião-dentista e mestre em Biomateriais, compartilhou sobre a sua experiência no mundo dos negócios. Gerente de uma multinacional que atua com a produção de materiais odontológicos, Ezequias destacou a importância da identificação de interesses e características pessoais, se possível ainda durante a graduação, para a tomada de decisões profissionais.

 Doutor em Biopatologia Bucal, Dárcio Kitakawa é servidor concursado nas prefeituras de São Paulo e Suzano, além de coordenador de uma empresa que ministra aulas preparatórias para cirurgiões dentistas que pretendem prestar concursos públicos. Dárcio deu diversas dicas práticas de estudos para provas.

 Já a servidora da Prefeitura Municipal de Ribeirão Pires, Rosana Mattiazzo, pontuou sobre os desafios da atuação de um dentista no setor público, que envolve fatores políticos e a integração com atividades administrativas.

– O tenente dentista Luiz Carlos Magno Filho, mestre em Periodontia, explicou as possibilidades de ingresso e como um dentista pode se inserir dentro do ambiente militar, que possui características distintas de qualquer outra área. “O desafio é entender o seu papel dentro da missão fim das forças armadas”, disse.

– Por último, Rosângela Manfredini falou sobre a carreira em consultórios, normalmente a primeira escolha entre os graduados. A palestrante destacou os desafios de iniciar um negócio, apontando para a necessidade de um aprimoramento nas áreas de empreendedorismo e gestão.

 

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , ,

Receba informações de oferecimento sobre esse curso:

X