Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2016 / Outubro / Para Marcio Fernandes, a felicidade dos funcionários é um dos segredos para uma empresa de sucesso

Para Marcio Fernandes, a felicidade dos funcionários é um dos segredos para uma empresa de sucesso

O presidente da Elektro participou do 15° Meeting Gestão Corporativa do ABC

24/10/2016 17h10

Marcio Fernandes é um dos líderes empresariais mais admirados do Brasil

“Não é sorte, é um combinado de coisas. Sobretudo, propósito”, diz Marcio Fernandes sobre seu sucesso. O palestrante se recorda de que costumava dizer que teve sorte por chegar à posição atual de presidente da empresa Elektro. Mas, pensando em uma fala de Steve Jobs sobre conectar pontos, compreendeu que seu sucesso é resultado de diversos fatores, construídos ao longo de sua história.

Presente na Universidade Metodista de São Paulo para o 15° Meeting Gestão Corporativa do ABC, Fernandes inspirou gestores da região com uma palestra que mostra porque ele é considerado um dos líderes empresariais mais admirados do Brasil. As lições de sua fala são colocadas em prática na Elektro, empresa distribuidora de energia, desde 2011.

Em sua chamada Filosofia da Felicidade, o gestor explica que “se tivermos um propósito, tudo vai ser mais interessante e não haverá dor. E se não tem dor, você será mais feliz”. E é por isso que ele tem como compromisso focar nas pessoas e faz questão de ouvir seus funcionários e compreender suas necessidades: “não há saída a não ser um diálogo quente, frequente e humano”.

Na Elektro, criou uma rede social que recebe sugestões e reclamações de funcionários, permitindo que todos submetam ideias e proponham melhorias. Além disso, qualquer pessoa que trabalha dentro da empresa pode se candidatar a qualquer cargo, pois o próprio sistema informa ao funcionário de quais formações e experiências ele precisa para atingir seu objetivo.

Liderança

O palestrante também desmistifica algumas ideias sobre chefes. “Precisamos de alguém que mostre o caminho. Ele não precisa saber de tudo, precisa ter um time que saiba”. Para ele, a característica mais importante de um líder é ter interesse por pessoas e acredita que “condicionamos a nossa cabeça a pensar de uma maneira que não funciona mais”.

“A meta é ter justiça em tempo integral: não é preciso ser o chefe bonzinho, nem o carrasco. É preciso encontrar um equilíbrio”, diz. Sobre sua experiência como chefe, explica que desde que entrou no cargo, conversa com o maior número de funcionários possível e faz questão de ir embora cedo todos os dias, pois visa qualidade de vida.

Mudança

Todas as experiências profissionais do gestor o influenciaram fazer diferente. Entre os programas de sustentabilidade, responsabilidade social e possibilidades de crescimento dos funcionários, enfrentou certa resistência dentro da empresa. Mas para ele, esse é o futuro de todas as companhias: “ou as empresas mudam na velocidade em que a sociedade está mudando, ou não vão sobreviver”.

Outra mudança necessária, de acordo com o palestrante, é a quebra de círculos viciosos. Cada pessoa deve compreender qual é o seu círculo vicioso e mudá-lo para um círculo virtuoso. “Você precisa acreditar em você, praticar o bem, se desenvolver e compartilhar tudo isso com o mundo”, declara.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , ,
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático