Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2013 / Junho / Nunca é tarde para começar

Nunca é tarde para começar

13/06/2013

13/06/2013 20h52 - última modificação 13/06/2013 20h53

Foto: Mônica Rodrigues

Nem a idade ou a gravidez foram impedimentos para que Ivone Coelho voltasse a estudar e realizasse o sonho de ter um diploma universitário

O sonho de se formar em uma universidade parecia algo distante para Ivone Coelho. Caçula de uma família de sete filhos, a oportunidade veio quando seus dois filhos já estavam na adolescência e soube que estava grávida do terceiro. Com o incentivo do mais velho, recém-formado no Ensino Médio, fizeram juntos o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Somente ela passou. Assim, garantiu a bolsa no ProUni e a vaga para cursar Marketing na modalidade a distância, frequentando o polo de apoio presencial em Guarulhos (SP).

O bebê veio durante o curso e o apoio da filha, agora do meio, foi fundamental. “Ela me ajudou muito porque, mesmo em casa, eu estudava muito. Se tivesse que me deslocar todos os dias [para a faculdade] teria sido bem difícil”, lembra Ivone. Hoje ela possui uma empresa de festas e eventos e diz que pôde colocar em prática diversos assuntos estudados em aula.

No depoimento abaixo, Ivone conta um pouco mais sobre a sua experiência.

“Meu nome é Ivone Gomes de Lima Coelho e hoje estou com 44 anos. Aos 39, descobri que estava grávida do meu terceiro filho e achei que o sonho de estudar em uma universidade tinha terminado para mim.

Mesmo grávida, com meu filho mais velho de 18 anos na época, fiz minha inscrição para a prova do Enem. Para a minha surpresa, passei com uma boa nota e me inscrevi no ProUni. Fui convocada na terceira chamada, levei os documentos e ganhei uma bolsa de cem por cento para estudar Marketing na Universidade Metodista de São Paulo – EAD.

Estava totalmente feliz e no primeiro dia de aula chorei muito. Não estava acreditando que eu estava lá, sentada na carteira de uma universidade.

No dia 4 de fevereiro de 2011, estava ao lado do meu pai, então com 87 anos, e da minha mãe, com 82 anos, me formando. Fui a primeira filha a se formar em uma universidade. Meus pais estavam radiantes de felicidade e eu também, realizando o sonho do meu coração.

Hoje, somado ao meu desejo de ser uma micro empresária e com todo conhecimento que adquiri na Universidade, mais um sonho se realizou: tenho uma empresa de festas e eventos.

Ser estudante da Metodista me proporcionou muito preparo por meio das teleaulas, das atividades em grupo, dos projetos de ação profissional, das orientações dos professores pelos fóruns e chats, além do apoio que o polo dá aos alunos. Isso me conduziu cada dia mais a concretizar a abertura da minha empresa.

Se eu tivesse que deixar uma frase para vocês que estão lendo este relato seria a que eu escolhi para o meu convite de formatura: “Por mais árdua que seja a luta, por mais distante que um ideal se apresente, por mais difícil que seja a caminhada, existe sempre uma maneira de vencer: a nossa fé. Porque a fé em Deus nos faz crer no incrível, ver o invisível e realizar o impossível”.

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático