Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2013 / Fevereiro / Metodista/São Bernardo conquista o heptacampeonato da Liga Nacional de Handebol

Metodista/São Bernardo conquista o heptacampeonato da Liga Nacional de Handebol

08/02/2013

08/02/2013 12h48

Equipe heptacampeã da Metodista comemora a conquista de mais um troféu. Foto: Divulgação

GARRA, DETERMINAÇÃO E EXPERIÊNCIA GARANTIRAM SÉTIMO TÍTULO SEGUIDO PARA O TIME DO ABC

Pela sétima vez consecutiva, a equipe feminina de handebol da Metodista/São Bernardo conquistou o título da Liga Nacional. Garra, determinação e experiência fizeram com que o time vencesse a equipe de Concórdia, na casa das adversárias. Desde 2006 a equipe criada sob o comando do técnico Eduardo Carlone venceu todas as edições do brasileiro. Para ele, o mais difícil nessa final foi o adversário. "Só conseguimos entender o modo de marcá-las no segundo tempo do segundo jogo, então o mais difícil foi mesmo a equipe de Concórdia, que vem crescendo nos últimos anos", analisou.

O grande destaque do time ficou com a armadora Tayra, que assumiu a
responsabilidade de converter as bolas e fez com que a equipe virasse o placar na final. "Naquele momento eu sabia que tinha que assumir a responsabilidade, eu estava no jogo e nessa hora a experiência faz a diferença", declarou.

Para ela, o fundamental para ganhar a partida foi o modo como a equipe se postou em quadra. "A defesa encaixou e a nossa transição de bola fez a diferença. Tivemos cabeça para sair de algumas situações. Estou feliz, cada título é especial, tudo foi incrível", acrescentou a jogadora.

Quem também fez a diferença foi a ponta Célia. Ela, como Tayra, está na
Metodista/São Bernardo desde o primeiro título nacional. "Soubemos
manter o equilíbrio necessário. No primeiro tempo o Concórdia estava
muito bem e tivemos a cabeça fria de mudar. A experiência no fim contou".

Equipe masculina é vice-campeã
Após derrota no primeiro jogo da final, contra o EC Pinheiros, o time da
Metodista/São Bernardo/Besni não conseguiu se recuperar e levar o título
da Liga Nacional de Handebol. Porém, a excelente temporada no ano
de 2012 e a determinação de seus jogadores até o último gol não tiram o
mérito da equipe.

"Aquele primeiro jogo em nossa casa foi atípico, mas não podemos tirar
o mérito do Pinheiros, eles nos estudaram muito, jogaram bem. Tem o
sentimento de que faltou esse título neste ano, mas olhando para trás fizemos uma grande temporada, com cinco títulos e isso também é muito importante", avaliou o capitão e central Diogo Hubner.

A equipe da Metodista ainda conquistou dois prêmios individuais na
competição. O melhor goleiro e o artilheiro da competição são do time do
Grande ABC.

"Um prêmio individual é legal, mas eu trocaria isso por ter sido campeão.
Mas agradeço minha equipe, pois sem ela eu não teria ficado com esse prêmio, eles me ajudaram muito na defesa", salientou o arqueiro Rick Milles, eleito melhor goleiro do torneio.

A equipe já está se preparando para a temporada 2013, ano no qual a Metodista comemora 20 anos de handebol.

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático