Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2013 / Fevereiro / III Prêmio de Educação em Direitos Humanos

III Prêmio de Educação em Direitos Humanos

07/02/2013

08/02/2013 12h44

TRABALHOS PREMIADOS TROUXERAM DIFERENTES VISÕES SOBRE O TEMA

A forte ligação entre pesquisadores e o tema Direitos Humanos foi o que motivou a criação do Prêmio de Educação em Direitos Humanos, que teve
sua terceira edição realizada no último mês de novembro.

Em colaboração com o 15° Congresso Metodista de Iniciação e Produção Científica – 14° Seminário de Extensão e 8° Seminário PIBIC/UMESP, o prêmio é destinado aos alunos e orientadores cujos trabalhos, após avaliação do Núcleo de Educação em Direitos Humanos (NEDH), apresentaram relevância no tema.

Na cerimônia de premiação, a coordenadora do curso de Ciências Sociais
EAD, Lucineida Praun, relatou o significado do prêmio para a Universidade:
“É um momento importante. O tema é parte do cotidiano, missão e
valores da instituição”.

Foram mais de 50 prêmios entregues a alunos dos cursos de Graduação,
Pós-Graduação e PIBIC (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica). Para o coordenador do NEDH, Oswaldo de Oliveira, “estamos em um tempo em que precisamos reafirmar nossos direitos. A organização do Congresso possibilita o desenvolvimento da pesquisa e traz essa contribuição tão importante para a educação e para os direitos hu manos.”

Com o trabalho “Prevenção do uso de drogas com adolescentes carentes
de São Bernardo do Campo – SP”, a aluna Flaviane Lopes Ferreira, da Facul
dade da Saúde, acredita que o prêmio é um estímulo para continuar a
pesquisa nessa área. “O trabalho foi feito durante todo o ano, então a Universidade reconhecer isso é muito importante para nós, é um impulso para melhorarmos.”

A importância em participar, em pesquisar sobre a área e como isso pode ser um destaque no mercado de trabalho foi citada pelo diretor da Faculdade de Humanidades e Direito, Jung Mo Sung. “É um desafio. Cada universitário que desenvolve essa sensibilidade ao escolher trabalhar com o tema tem um diferencial.”

Pelo trabalho realizado com um dos Projetos de Extensão da Universidade,
“O sentido estratégico dos instrumentos de comunicação e relações públicas: Proeto Rondon”, a aluna de Relações Públicas, Zaira Julietti Almeida dos Santos, juntamente com seu grupo, conquis tou o prêmio. “É muito satisfatório, além de aprender, poder divulgar nosso projeto, mostrar quão valoroso ele de fato é, pois são assuntos que às vezes ficam meio escondidos. O grupo fica mui to feliz em ter seu esforço reconhecido.”

Confira os trabalhos premiados:www.metodista.br/nedh/noticias/iiipremio-
de-educacao-em-direitos-humanos-
trabalhos-premiados
.

Paula Lima
paula.come@metodista.br

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático