Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Outubro / Aprendendo a pedir

Aprendendo a pedir

15/10/2012

15/10/2012 18h37

 

“QUE AS PALAVRAS DOS MEUS LÁBIOS E O MEDITAR DO MEU CORAÇÃO SEJAM AGRADÁVEIS NA TUA PRESENÇA, SENHOR, ROCHA MINHA E REDENTOR MEU!” SALMO 19.14.

 

Muitas pessoas têm dificuldade de pedir algo para Deus. Às vezes as marcas profundas da infância ou adolescência, não deixam que elas peçam: “Me abençoe, Deus”, pois eram repreendidas quando pediam algo e ouviam seus pais dizerem: não peça isso, não faça aquilo, pois Deus vai te castigar, Deus não gosta! Deus é bom e o seu de sejo é abençoar os seus filhos e filhas!

Convido você a apropriar-se das palavras que se encontram no livro bíblico de Mateus 7.7-8: “Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra e a quem bate, abrir-se-lhe-á”. A palavra abençoar no sentido bíblico significa conceder favor sobrenatural. Quando pedimos que Deus “me abençoe”, estou clamando que sua bondade e favor sejam derramados sobre mim. Eu não sei qual o seu pedido neste momento, ao ler este artigo. Não sei se você está com medo de algo ou se tem que enfrentar situações desesperadoras e esteja se achando sem habilidades ou talento suficiente. Deus o convida a avançar de onde está e confiar que Sua mão estará presente em todos os momentos que você precisar.

Não é preciso mudar seu nome, seu passado, sua religião. Tudo o que tem a fazer é pedir: “Deus, por favor, abençoa-me, abençoa-me muito! Amém!"

 

Com o meu carinho e orações,

Profª Ms. Rosane Oliveira
Agente da Pastoral Universitária e Escolar
Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático