Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Novembro / Seminário divulga pesquisas produzidas pelo Programa de Pós-Graduação em Administração

Seminário divulga pesquisas produzidas pelo Programa de Pós-Graduação em Administração

30/11/2012

30/11/2012 18h55 - última modificação 04/12/2012 16h22

Prof. Luciano Venelli cuja pesquisa relaciona a formação dos alunos e as competências exigidas pelas empresas. Foto: Gabriela Rodrigues

Levar sua produção científica para além dos muros da Universidade foi o objetivo central do Seminário Público de Pesquisa, realizado pelo Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA), nesta quinta-feira, 29 de novembro, na Universidade Metodista de São Paulo.

De acordo com o coordenador do PPGA, professor Luiz Roberto Alves, diferentemente da pesquisa básica, é da natureza da pesquisa aplicada a interação comunitária e social. “O intuito é entender o País e o mundo por meio da análise de uma região, no caso, a metropolitana de São Paulo. E não apenas isso. Entender o mundo e dialogar com ele.”

No evento foram apresentadas oito pesquisas, em diferentes estágios – inicial, em andamento e em fase final – nas linhas de Gestão Econômico-Financeira de Organizações e Gestão de Pessoas e Organizações. A seguir, você confere um pouco mais sobre alguns dos trabalhos.

Responsabilidade Social Empresarial

A Responsabilidade Social é uma discussão que interessa tanto aos meios acadêmicos como às empresas, pois busca entender o que está perpetuando esse impacto. “Hoje esse assunto está muito vinculado ao cumprimento de normas e exigências. Mas até que ponto há mudanças na vida da comunidade?”, indagou a professora Dagmar Castro, responsável pela pesquisa.  “Não adianta criticar se não pensarmos na formação dos alunos, que serão gestores daqui alguns anos. Uma formação com compromisso ético para termos a transformação social que precisamos.”

Formação dos profissionais x exigências das empresas

Embora no início, o trabalho do professor Luciano Venelli pretende cruzar os modelos de competência exigidos por empresas do setor de energia com a formação dos alunos de 21 instituições de diferentes níveis, como faculdades e escolas técnicas. “Se é uma área prioritária [a de energia] para o governo, tem que ser também para as universidades e as empresas”, afirmou.

Dilemas e desafios do Grande ABC

A partir de diferentes indicadores sociais da região do ABC paulista, o professor Luiz Jurandir de Araújo identificou diversos desafios na área de educação. “A universidade tem que ser um provocador de políticas públicas e de responsabilidade das empresas”, acredita o professor. “Em Diadema, há bastante jovem e com uma condição financeira menor. Neste caso, poderia se pensar na possibilidade de se ter um polo de educação a distância.”

Luiz Jurandir explica que dentre as ações de curto prazo estão a adoção de iniciativas que gerem discussões, como a realização de seminários com pequenos empresários.

Mais informações sobre as demais pesquisas você encontra aqui.

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático