Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Junho / Novo Espírito

Novo Espírito

20/06/2012 20h36

 

Um espírito novo se apossou de mim

E percebi que só há um poder absoluto.
E diante dele, todos os demais são relativos.
Mas é um poder que age pela graça.
E não recusa, nem mesmo entregar-se à morte
por amor.
Porque é impossível à morte retê-lo.
E descobri que Jesus, a quem crucificamos,
Deus o fez Senhor e Cristo.

Percebi, diante deste poder e desse amor,
quão esclerosados estão os meus critérios
para avaliar os homens e a vida.

E que enormes perspectivas podem se abrir
pela renovação de minha mente embotada...

Um espírito novo se apossou de mim

E percebi que o que se estabelece como muro de
separação entre as pessoas
perde totalmente o sentido diante desse grande amor universal.

E que agora, já não mais separada por língua ou
cultura
a humanidade pode inaugurar
um novo tempo de paz.

Um espírito novo se apossou de mim

E percebi com clareza que não é ele que é meu,
mas eu sou dele e assim
nada do que chamo meu me pertence
mas pertence àquele de quem sou.

E a ganância, a acumulação,
o que faz, de um lado, a miséria de uns
e, de outro lado, a opulência de outros,
não resiste à consciência
de que dele, e por ele e para ele
são todas as coisas.

Devemos, pois, repartir,
atender às necessidades de todos,
e tomar a vida com singeleza de coração,
cuidando para que não haja entre nós
necessitados.

Um espírito novo se apossou de mim

E me apercebi que um novo tempo se anuncia.
E sou chamado a dele participar.

Que eu não ponha,
Com minhas racionalizações e atos,
Empecilho a tua novidade,
Senhor!

Rev. Luiz Eduardo Prates da Silva

 

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático