Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Fevereiro / DROPS DE CULTURA

DROPS DE CULTURA

13/02/2012 17h06

FILMES

Cavalo de Guerra

Este conto arrebatador de um jovem chamado Albert e seu cavalo de arado Joey, se passa no início da Primeira Guerra Mundial. Joey é vendido à cavalaria britânica pelo pai de Albert e enviado para a linha de frente das batalhas, onde começa uma jornada extraordinária que tem a Grande Guerra como pano de fundo. Apesar dos obstáculos que enfrenta em todas as etapas de sua jornada, Joey toca e modifica cada vida que ele encontra pelo caminho. Albert, incapaz de esquecer seu amigo, sai de casa e parte para os campos de batalha na França, para procurar seu cavalo e levá-lo para casa.

 

Direção:  Steven Spielberg

Origem: Estados Unidos

Ano: 2011

Um método perigoso 

 

As vésperas da 1ª Guerra Mundial, Zurique e Viena são o cenário para uma sombria história de descoberta sexual e intelectual. Baseada em fatos reais, Um Método Perigoso tem um vislumbre das relações turbulentas entre um psiquiatra novato, Carl Jung, o mentor dele Sigmund Freud e Sabina Spielrein, a problemática mulher, porém jovem e bela, que se interpõe entre eles. Nessa mistura, entra Otto Gross, um paciente pervertido que está determinado a ultrapassar os limites.

E nessa exploração a sensualidade, ambição e mentiras que define o cenário para o momento central, quando Jung, Freud e Sabina unem-se e separam-se, alterando para sempre a cara do pensamento moderno.

Direção: David Cronenberg 

Origem: Canadá/ Inglaterra/Suíça/ Alemanha

Ano: 2011

 

EXPOSIÇÃO 


Roma - A Vida e os Imperadores

Formado por riqueza cultural que abrangeu toda a Europa e parte da Ásia e da África, o Império Romano fundiu costumes e tradições que se propagaram pelo mundo ao longo dos séculos. Em Roma - A Vida e os Imperadores, o desafio é recontar a trajetória do povo e dos imperadores romanos no período tardio da República e primeiros séculos do Império Romano por meio da arte, da arquitetura triunfal, das cerimônias de poder, da vida cotidiana, das célebres conquistas e da opulência do Império.

De 25 de janeiro a 22 de abril, o público poderá apreciar o deslumbrante acervo que sai da Itália pela primeira vez, vindo de importantes instituições como o Museu Arqueológico Nacional de Florença, o Museu Nacional Romano, o Museu Nacional de Nápoles, o Antiquário de Pompeia, o Museu Arqueológico de Fiesole e a Galeria Uffizi. A exposição marca a abertura da programação do MASP no Momento Itália Brasil 2011-2012.

A curadoria, assinada por Guido Clemente, professor de História Romana da Universidade de Florença, em parceria com uma comissão de estudiosos e historiadores dos principais museus italianos de arqueologia, buscou privilegiar a abordagem dos imperadores de Roma do ponto de vista do exercício de seu poder e de suas diferentes personalidades. “Augusto, por exemplo, foi o modelo de respeito pela tradição; ao contrário de Nero, que quebrou todas as regras e fez do papel imperial símbolo de tirania e crueldade. Trata-se de um verdadeiro obcecado pelo luxo”, explica o curador, para quem a variedade de peças é a verdadeira riqueza da exposição, pois permite ao visitante o acesso a um mundo complexo. “Tentamos colocar o poder imperial em perspectiva e lidar com o que o Império realmente foi. Neste sentido, tratamos da vida social e familiar, da escravidão, da economia, dos hábitos diários, da religião, dos costumes, do trabalho, das casas dos ricos e da forma como os menos afortunados viviam”, afirma.

Entre os destaques estão três paredes com afrescos da Vila de Pompeia, as estátuas de Júpiter, de Lívia (esposa de Augusto) e da deusa Isis, a Cabeça Colossal de Júlio César em mármore, máscaras teatrais, escultura de Calígula, Armadura de Gladiador, desenhos do Coliseu, a Lamparina de Ouro e cerca de 60 joias.

A exposição é uma realização da Casa Fiat de Cultura, do Gabinete Cultura e Escritório Emílio Kalil, com patrocínio da Fiat Automóveis, co-patrocínios do Bradesco e Santander, parceria da APPA e apoio do Ministério da Cultura, através da Lei de Incentivo à Cultura, da Embaixada Italiana no Brasil e do Momento Itália-Brasil.

Roma - A Vida e os Imperadores

 

Local: Galeria Clemente de Faria, 1 e 2 subsolos do MASP (Avenida Psulista, 1578).

 

Período: 25 de janeiro a 22 de abril de 2012

Horários: Terças a domingos e feriados, das 11h às 18h. Quintas-feiras das 11h às 20h. A bilheteria fecha sempre 30 minutos antes.

 

Ingressos: R$15,00. Estudantes, professores e aposentados com comprovantes pagam R$7,00. Visitantes até 10 anos e acima de 60 anos de idade têm entrada gratuito.

 

TEATRO

Cada Um Com Seus Probrema

Há uma expressão árabe, “maktub", cuja tradução literal é está escrito", que talvez justifique o sucesso do presente espetáculo, que estreou em São Paulo em 2004 com uma previsão de temporada de apenas dois meses, e ficou mais de um ano em cartaz com casas lotadas. 

Efetivamente estava escrito que a presente montagem haveria de conquistar o público. E não apenas o paulista, já que “Cada Um Com Seus Pobrema" lotou o Teatro do Leblon no Rio de Janeiro, mesmo quando apresentada em horário atípico. Por que será? 

Bem, são muitas as razões. A começar pelo texto. Na pele de um ator shakesperiano que tem um inesperado branco", fruto de seu pavor de enfrentar uma platéia, Marcelo Médici aproveita o incidente para contar a história do dito ator, fazendo-o através de oito esquetes, todos eles hilariantes, exibindo um humor irresistível, impregnado de forte teor crítico. 

Quanto aos demais personagens, cada um exibe seus “pobrema", e os “pobrema" deles cativam inteiramente a platéia, que, se levada a escolher o favorito, haveria de relutar muito entre o Mico-Leão-Dourado, Cleuza, Jonson, Sanderson, Tia Penha, Mãe Jatira e Smurfete. 

O trabalho do diretor Ricardo Rathsam, que, no presente caso, nos parece que teve a sapiência de deixar o ator o mais livre possível, ainda que eventualmente ajudando-o a trilhar determinado caminho. E também destacamos a preciosa e hilária contribuição da equipe técnica  Kleber Montanheiro (cenário, figurinos e iluminação) e trilha sonora

Cada Um Com Seus Probremas

Onde: Teatro Frei Caneca - R. Frei Caneca, 569, 6º andar - Consolação - Centro.

Quando: terça e quarta: 21h até dia 28/03

 

Telefone: 3472-2229

 

Quanto: R$70. Meia Entrada valia para estudantes, idosos, aposentados, professores da rede estadual.

A compra de ingressos pode ser feita por telefone ou pelo site do Ingresso Rápido (ingressorapido.com.br)

 

LIVRO

  • As garotas da fábrica

As garotas da fábrica, livro que a Intrínseca publica no Brasil, é o resultado de três anos de investigação sobre as relações profissionais e interpessoais das operárias chinesas, um retrato social e humano de alcance global.  

Assinado por uma descendente de imigrantes chineses, o que confere ao livro a sensibilidade necessária para que se demonstre como a mudança da população rural para as grandes cidades, considerado o maior movimento migratório da história, tem alterado o rumo de trajetórias individuais, o destino de famílias inteiras, e transformado a sociedade chinesa. Maioria nas indústrias locais, as mulheres, antes de terminarem os estudos, saem de suas vilas e vão para as cidades – uma expressão simples define suas vidas: chuqu, ir embora.  

Leslie Chang retrata essa realidade por meio da trajetória de duas jovens, Lu Qingmin e Wu Chunming, que buscavam ascensão social nas linhas de montagem das fábricas. Faz uma exposição inédita do universo dos migrantes: das gigantescas  fábricas com cinema, hospital e corpo de bombeiros próprios, aos bares de caraoquê que funcionam como fachadas para a prostituição.  

Com uma jornada de trabalho média superior a 49 horas semanais, podendo ser prorrogada, o salário variando entre 400 e 800 iuanes (entre 50 e 100 dólares), a busca por melhores empregos é constante.

“As garotas da fábrica” conta a história, até então ignorada, da população de anônimas que trabalha, em condições insalubres, para abastecer o planeta com bens de consumo do cotidiano, como tênis e eletroeletrônicos. A essas histórias a autora entrelaça a de sua própria família em migrações dentro das fronteiras daquele país e também para o Ocidente, e produz uma narrativa singular.

Autor> Leslie Chang

Editora > Intrínseca

Ano> 2008

Páginas > 376

Preço> R$ 39,90

 

  • Apoiando Hitler - Coerção e consenso na ditadura de Hitler

 

Em Apoiando Hitler, o historiador Robert Gellately desmente a idéia geral de que os alemães não sabiam o que acontecia durante o Terceiro Reich

 

Hitler e a Gestapo não tentaram esconder a existência dos campos de concentração, nem os nazistas conquistaram o apoio popular pela força. Pelo contrário: conseguiram seu milagre político através do consenso. Polindo ideais germânicos, construindo imagens populares positivas através da mídia e alimentando fobias milenares, viram seus esforços serem recompensados em um povo capaz de suportá-los até o amargo fim. Resgatando provas de várias fontes, o renomado historiador Robert Gellately prova que a maioria dos cidadãos alemães tinha, sim, um retrato claro das atrocidades nazistas. Mas em geral se mostrava orgulhoso por seu líder conseguir devolver-lhes uma sensação de segurança e normalidade. Emprego e esperança de um futuro melhor rapidamente conquistaram a população. 

 

O autor inova ao abordar todo o período nazista: da ascensão do führer em 1933 até o amargo fim em 1945. O consentimento e a coerção inextricavelmente ligados durante toda a trajetória do Terceiro Reich, a ameaça da derrota radicalizando as ações. Uma concordância de opiniões com muitas formas. Mais fluida que firme, mais ativa que passiva. Investiga não apenas os lados secretos do terror, mas também a máquina que o direcionou primeiro a categorias indesejáveis — judeus, ciganos, comunistas —, sedimentando a anuência popular. Detalhadamente pesquisado e convincentemente construído, uma contribuição crucial para o estudo de um dos mais negros períodos da história. 

 

 

Autor > Robert Galletelv

Editora >Grupo Editorial Record 

Ano> 2011

Páginas > 518

Preço> R$67,90

 

ALUNOS      

 

Aluno: Carolina Germoliato

Curso: Jornalismo 

semestre: 7º

Filme: Um amor para recordar

Em plenos anos 90, Landon Carter (Shane West) é punido por ter feito uma brincadeira de mal gosto em sua escola. Como punição ele é encarregado de participar de uma peça teatral, que está sendo montada na escola. É quando ele conhece Jamie Sullivan (Mandy Moore), uma jovem estudante de uma escola pobre. Com o tempo Landon acaba se apaixonando por Jamie que, por razões pessoais, faz de tudo para escapar de seu assédio.

 

Aluno: Lia Cardoso

Curso: Publicidade e Propaganda 

semestre: 5º

Filme: Sem Limite

Eddie Morra (Bradley Cooper) sofre de bloqueio de escritor. Um dia, ele reencontra na rua seu ex-cunhado, Vernon (Johnny Whitworth), que lhe apresenta um remédio revolucionário que permite o uso de 100% da capacidade cerebral. O efeito é imediato em Eddie, pois ele passa a se lembrar de tudo que já leu, ouviu ou viu em sua vida. A partir de então ele consegue aprender outras línguas, fazer cálculos complicados e escrever muito rapidamente, mas para manter este ritmo precisa tomar o remédio todo dia. Seu desempenho chama a atenção do empresário Carl Van Loon (Robert De Niro), que resolve contar com sua ajuda para fechar um dos maiores negócios da história.

 

 

Aluno: Mariana Braga

Curso: Odontologia 

semestre: 5º

Filme: As Aventuras de Tintim

Tintim (Jamie Bell) é um jovem repórter, que está sempre atrás de boa matéria. Um dia, ele vê à venda na rua o modelo de um galeão antigo e resolve comprá-lo. Logo dois outros interessados o abordam, querendo adquirir o objeto, mas Tintim não o vende. Ele leva o galeão à sua casa, onde o coloca em destaque. Só que a entrada de um gato faz com que Milu, seu cachorro, o persiga dentro de casa e, por acidente, derrube o galeão. Ele fica danificado e um pequeno cilindro sai de seu interior, sem que Tintim perceba. Logo Tintim e Milu vão à biblioteca, onde tentam encontrar mais informações sobre o navio retratado no modelo. Ao retornar percebem que o galeão foi roubado. Tintim vai até a mansão recentemente comprada pelo doutor Sakharine (Daniel Craig), um dos interessados em comprar o modelo, mas nada descobre. Ao retornar ele encontra o cilindro e percebe que, dentro dele, há uma pista para um tesouro perdido. É o início de uma nova aventura, onde Tintim e Milu se juntam ao capitão Haddock (Andy Serkis) na disputa contra Sakharine para encontrar o tesouro.

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático