Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2011 / Agosto / Metodista fará atendimento de Saúde a caminhoneiros na Via Anchieta

Metodista fará atendimento de Saúde a caminhoneiros na Via Anchieta

23/08/2011

23/08/2011 17h14

Professor Marcio de Moraes e o engenheiro José Cassaniga assinam o documento que formaliza a parceria entre a Metodista e a Ecovias. Crédito: Lara Molinari

A Universidade Metodista de São Paulo e a Ecovias – concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes – formalizaram nesta segunda-feira, 22 de agosto, uma parceria denominada “Projeto Biovia”, que tem por objetivo melhorar a qualidade de vida e a saúde dos caminhoneiros que trafegam pelas rodovias.

O projeto consiste em um centro de atendimento localizado no quilômetro 40 da pista Sul da Rodovia Anchieta, onde atualmente funciona o pátio de descanso para caminhoneiros. O espaço contará com equipamentos de diagnóstico e tratamento e os atendimentos serão feitos por professores e estudantes dos cursos de Odontologia, Fisioterapia, Biomedicina, Ciências Biológicas, Educação Física, Farmácia e Nutrição.

A Ecovias realizou uma pesquisa entre abril e maio deste ano com 300 caminhoneiros, na qual foi constatado que 58% destes profissionais afirma ter jornadas de trabalho superiores a 12 horas diárias. Um em cada dez admitiu já ter feito uso de drogas ilícitas e, quanto às horas de sono e alimentação, 31% dos caminhoneiros dormem menos que 6 horas por dia, enquanto apenas 33% realiza três refeições diárias.

“A maior parte dos projetos dessa natureza são ambulatoriais. Os caminhoneiros são atendidos e vão embora. Nós pretendemos avaliá-los completamente pela equipe (em todas as áreas de atendimento) e criar um vínculo, onde eles terão acompanhamento contínuo e coletaremos informações para traçar o perfil do caminhoneiro, para que esses profissionais tenham um tratamento adequado”, explicou uma das coordenadoras do projeto pela Metodista, professora Waverli Neuberger.

O diretor de Engenharia da Ecovias, José Carlos Cassaniga, disse que “a companhia atenta para as ações de redução de acidentes nas estradas, mas faltam para o campo do comportamento humano. Acreditamos que esse projeto, que atenta para a qualidade de vida, vai ajudar diretamente na segurança das rodovias”.

Cassaniga e o reitor da Metodista, professor Marcio de Moraes, assinaram o documento que oficializa a parceria. A inauguração do espaço está prevista para o mês de setembro, quando deve ser expedido o parecer da Vigilância Sanitária para o funcionamento do mesmo.

 
Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , , , ,
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático