Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2010 / Outubro / Presidente da Brasil Solidário visita Universidade

Presidente da Brasil Solidário visita Universidade

04/10/2010

04/10/2010 19h00 - última modificação 04/10/2010 21h15

Da esquerda para a direita, o presidente do IBS, Luis Salvatore, a integrante do IBS, Danielle Hydée, o professor Victor Hugo Bigoli e o professor Rogério Bellot em visita pelo Campus Rudge Ramos. Foto: Thiago Benedetti

O presidente da ONG Instituto Brasil Solidário (IBS), Luis Salvatore, visitou, nesta segunda-feira, 04 de outubro, a Universidade Metodista de São Paulo para conhecer a estrutura da Instituição e conversar sobre uma possível parceria. A ONG é referência internacional pela excelência dos resultados de seus projetos de continuidade e desenvolvimento territoriais sustentáveis voltados à educação, saúde, preservação do meio ambiente e inclusão social.

Salvatore foi convidado pelo diretor da Faculdade de Saúde, professor Rogério Gentil Bellot e pelo professor Victor Hugo Bigoli, que atua na área de extensão dos cursos de saúde e trabalha nos projetos Piauí e Vale do Ribeira, que executam um trabalho semelhante ao desenvolvido pelo IBS.

Há algumas semanas, o professor Victor Bigoli já havia se reunido com representantes da ONG para falar dos projetos desenvolvidos pela Metodista e propor a organização da parceria. Segundo o professor, houve grande entusiasmo dos integrantes do IBS. “Esta instituição faz um trabalho muito sério e acredito que nós poderemos aprender e crescer muito com eles”, disse.

A visita na Metodista teve o propósito de mostrar a Luis Salvatore toda a estrutura em potencial que a universidade pode oferecer como apoio nos trabalhos da ONG. Salvatore ficou satisfeito com os serviços da Policlínica e com os recursos dos estúdios de Rádio e TV e de Cinema Digital. “Precisamos produzir diversos vídeos curtos para aulas e orientações. Hoje temos condições de fazer as imagens, mas temos dificuldade com a edição. A estrutura aqui é bem interessante para que possamos ter essa realização”.

O IBS possui polos de atendimento que se estendem de São Paulo ao Nordeste brasileiro. “É muito difícil atualizar os polos que atendemos apenas enviando materiais impressos. Então é necessário ter um meio de comunicação mais imediato e que tenha visualização e áudio”, afirmou Danielle Hydée, que acompanhou o presidente da instituição na visita, se referindo ao sistema de Educação a Distância da Metodista.

Caso a parceria seja firmada, a Metodista será a primeira universidade a apoiar os trabalhos do IBS. “Vamos trabalhar com instituições e órgãos que mostram que têm disposição e interesse em realizar projetos, que realmente ‘assinem em baixo’ do nosso trabalho”, finalizou Luis Salvatore.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático