Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2010 / Novembro / Professor relança seu livro no formato e-book

Professor relança seu livro no formato e-book

10/11/10

10/11/2010 18h23

Os livros digitais, conhecidos como e-books, estão ganhando cada dia mais notoriedade no mercado mundial. Inúmeros títulos do País já vêm ganhando essa nova versão. Um deles é "TV de papel, a imprensa como instrumento de legitimação da televisão", escrito pelo professor de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Metodista de São Paulo, Adolpho Queiroz. Para conferir a versão online, acesse: http://issuu.com/encipecom2/docs/tvpapel.

A ideia de fazer a versão online veio quando as edições feitas pela editora da Universidade Metodista de Piracicaba haviam acabado e a procura pelo livro continuava intensa com o passar do tempo. “A saída foi reeditar o trabalho e transformá-lo em e-book. Acho que agora ele ganha novos leitores e nova divulgação,” revela o autor, prof Adolpho Queiroz.

A “TV de Papel” surgiu nos anos 90, quando na época, o docente iniciava seu mestrado na Universidade de Brasília. O interesse em entender a relação entre televisão e jornal o levou a aumentar suas pesquisas e apresentar este tema como defesa de seu trabalho. “Meu orientador e eu fomos reunindo o material e percebendo as linhas de engajamento dos jornais na divulgação de programas e assuntos sobre a televisão. Não foi difícil concluir que, por exemplo, o jornal O GLOBO, por possuir também uma emissora de televisão, tinha maior interesse que os demais na difusão desse tipo de noticiário e crítica, pois jornal e televisão se retroalimentavam diariamente. Um "falava" sobre o outro e ajudava a dar maior visibilidade à programação de tv e ao noticiário do jornal impresso”, explica.

Para o autor do título, hoje com a internet e a TV de alto definição algumas coisas mudaram. “A internet dá conta de difundir tudo. Hoje os jornais ganham na divulgação dos resumos das novelas, levando o público a assistir a TV no período da noite. A TV tornou-se ainda mais autossucifiente na divulgação dos seus próprios conteúdos e programas”, completa.

Serviço:
"TV de papel, a imprensa como instrumento de legitimação da televisão"
Autor: Adolpho Queiroz
Editora: Universidade Metodista de Piracicaba
Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , ,
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático