Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2008 / Setembro / Seminário de Comunicação Científica discute acessibilidade da informação

Seminário de Comunicação Científica discute acessibilidade da informação

25/09/2008

25/09/2008 19h55

O Seminário de Comunicação Científica, realizado pela Editora Metodista, recebeu na manhã de hoje, 25 de setembro, a professora Maria Imaculada Sampaio, diretora da Biblioteca do Instituto de Psicologia da USP, para debater o tema ‘Periódicos Científicos Eletrônicos e Acesso Aberto: a experiência da BVS-Psi (Biblioteca Virtual em Saúde - Psicologia)’.

O evento teve início com a palavra do presidente do Conselho de Política Editorial, vice-reitor Clovis Pinto de Castro, que citou algumas produções da Editora Metodista. “Nunca se produziu tanto na Universidade. Agora vamos para o patamar das revistas eletrônicas. Esperamos consolidar essa prática o quanto antes”, declarou.

Segundo o pró-reitor de Pós-graduação e Pesquisa, professor Lauri Emílio Wirth, o Brasil vive intensamente um processo de rediscussão dos critérios de avaliação da produção acadêmica. “Algumas áreas do conhecimento, na avaliação da produção intelectual, valorizam mais períodicos eletrônicos que textos impressos, pela sua disponibilidade universal”. 

No começo da palestra, a professora Maria Imaculada Sampaio, que também coordena a ‘Biblioteca Virtual em Saúde - Psicologia’, da USP, disse que o conhecimento precisa estar acessível. “Nós sofremos de falta de acesso à informação. Não temos essa informação organizada de forma que as pessoas possam ler, tomar posse e modificar seu conhecimento”.

O movimento do acesso aberto aparece com algumas motivações. Entre elas: o aumento do preço das assinaturas das revistas e a imposição da aquisição mínima. Maria Imaculada destacou ainda que a ‘Biblioteca Virtual em Saúde – Psicologia (www.bvs-psi.org.br) busca assegurar o acesso em linha eficiente, universal e eqüitativo à informação e ao conhecimento técnico gerados na área de Psicologia.

Além dessa palestra, o evento contou com o debate ‘Condições de qualidade, visibilidade, acessibilidade e disponibilidade para periódicos científicos’, que teve a participação da professora Sueli Mara Ferreira, livre docente em Ciências da Comunicação, da USP.

Realizado no Campus Rudge Ramos da Universidade, o encontro teve como públicos-alvo diretores das faculdades, coordenadores de programas de pós-graduação, comissões editoriais das publicações da Metodista e profissionais envolvidos na área de divulgação científica.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre:
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático