Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2006 / 07 / Penúltimo dia do Projeto Piauí: voluntários orientam e capacitam comunidade

Penúltimo dia do Projeto Piauí: voluntários orientam e capacitam comunidade

14/07/2006 17h26

Penúltimo dia de projeto e o número de atendimentos não para de crescer. Até hoje pela manhã, 1.202 hemogramas haviam sido feitos e 1697 pessoas atendidas. Segundo dados da equipe médica, doenças de pele, dores nas costas, cabeça, barriga, além de parasitoses e desnutrição, são as reclamações mais comuns entre a população atendida nesses nove dias.

O coordenador do projeto, Antônio Dias disse que a diferença entre a comunidade de Santana e a de Boa Nova (sede do projeto em 2004) é que as pessoas chegam bem informadas sobre o que estão sentindo e o que querem dos médicos. "Muita gente chega aqui com dor e já dá o diagnóstico. Pedem raio-X, ultrassonografia, eletrocardiograma, é impressionante".

Além dos atendimentos, foi realizado um curso de capacitação para os líderes comunitários e agentes de saúde para que possam seguir a diante tudo o que foi ensinado no Projeto Piauí. O curso foi dividido em dois módulos, e tratou de diferentes temas como: união, motivação e diferenças, discutido com a equipe de psicologia. Já os biólogos foram encarregados de informar sobre qualidade de vida, práticas agrícolas, cuidados com lixo, auto-medicação e o manejo dos animais. As nutricionistas ficaram com as orientações às gestantes, amamentação, desnutrição, problemas crônicos, desenvolvimento infantil, entre outros. A coordenadora da capacitação Lourdes Dias comenta a importância do curso. "Acho que não adianta conscientizar a população se os agentes responsáveis por elas não forem capacitados a continuar passando as informações adequadamente. Devemos trabalhar com prevenção, e é isso que temos orientado."

Falta pouco! Amanhã a equipe de Biologia entrega a horta comunitária à população de Santana, e na Escola, os atendimentos se encerram ao meio dia. Seguimos para Oeiras onde passaremos a noite, e domingo pela manhã saímos rumo à São Paulo.

Todos estamos exaustos, felizes e tristes, ao mesmo tempo. Felizes por termos superado as expectativas, e tristes pela saudade que já sentimos do povo mais acolhedor, feliz e necessitado que conhecemos.

Marília Zanardo, de Santana - PI.

Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático