Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2005 / 08 / 17 / Metodista vence no Grand Prix e dá um importante passo rumo à decisão

Metodista vence no Grand Prix e dá um importante passo rumo à decisão

A Metodista/SBC venceu o E.C. Pinheiros de virada por 21 a 18 (12 x 11 para a equipe da casa no primeiro tempo), em partida válida pela segunda rodada do Grand Prix do Handebol Paulista categoria principal masculina.

17/08/2005 18h17 - última modificação 10/03/2006 16h04

A Metodista/SBC venceu o E.C. Pinheiros de virada por 21 a 18 (12 x 11 para a equipe da casa no primeiro tempo), em partida válida pela segunda rodada do Grand Prix do Handebol Paulista categoria principal masculina. O encontro foi disputado ontem à noite no ginásio do Clube Pinheiros, na capital. Os artilheiros da noite foram Luiz Turisco e Carlos Macedo, do Pinheiros, SB e Mílton, da Metodista, todos com quatro gols assinalados. Com mais essa derrota, o Pinheiros, que já havia perdido para o São Caetano na semana passada se despede das finais da competição, pois não tem mais chances matemáticas de passar à próxima fase. Já a equipe de São Bernardo do Campo, que fez seu jogo de estréia no campeonato, com o resultado só precisa agora de uma vitória simples na 3ª rodada diante do Imes/São Caetano, para encerrar a fase classificatória na condição de primeiro colocado. Em caso de empate, a equipe de São Caetano será favorecida pelo critério de saldo de gols. Como era de se esperar, o clássico paulista foi bastante equilibrado, tendo o Pinheiros mandado no primeiro tempo com boa movimentação e finalizações, principalmente pelo meio e pela ponta direita. Já na segunda etapa a Metodista foi pra cima do adversário, e os experientes Macarrão e Hélinho fizeram a diferença no sistema ofensivo do time, conseguindo reverter o placar. Apesar do resultado, o Pinheiros, do técnico dinamarquês Morten Soubak, apresentou um handebol bem diferente do primeiro confronto, muito mais organizado e entrosado. Mesmo sem alguns de seus principais jogadores que servem a seleção brasileira júnior, a equipe da casa contou com a ótima atuação de seu capitão Guga, além da volta do ponta Fábio Vanini, recuperado de uma cirurgia. “Estou totalmente recuperado e essa competição foi muito importante para ganhar ritmo de jogo”, declarou o jogador. A Metodista também passa por uma fase difícil. Perdeu recentemente o pivô Adalberto para o handebol europeu, os jogadores Boi, Pré e Borges também estão na seleção, e o técnico Alberto Rígolo foi suspenso por 30 dias, tendo sido substituído pelo interino Eduardo Carlone Leite. Mesmo assim a equipe apresentou um handebol agressivo, conseguindo arrancando uma importante vitória fora de casa. Fonte: site da Federação Paulista de Handebol
Comunicar erros


Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático
Portlet de conteudo estático