Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Jornalismo / Notícias / App idealizado por alunos de Jornalismo visa aproximar crianças do folclore brasileiro

App idealizado por alunos de Jornalismo visa aproximar crianças do folclore brasileiro

Pindorama tem cinco histórias em formato interativo para público entre 6 e 10 anos

15/03/2017 15h15 - última modificação 15/03/2017 16h44

App Pindorama foi feito para crianças entre seis e 10 anos. Foto: Divulgação

Os trabalhos de conclusão de curso da Universidade Metodista de São Paulo estimulam estudantes a inovar e buscar maneiras criativas de desenvolver as disciplinas aprendidas em aula. Estudantes formados em Jornalismo em dezembro de 2016 optaram por trabalhar com o público infantil, pouquíssimo explorado por jornalistas.

Camila Barbi de Araújo, 23, Jackeline Sindeaux, 22, Júlia Quintas Eliezer, 22, Mariana Ribeiro, 22, Natasha David, 26, e Victória de Sá e Santos Rodrigues, 21, perceberam essa escassez de produtos jornalísticos para crianças em suas pesquisas e decidiram unir diversão e aprendizado. O Pindorama é um app para celular que conta cinco histórias interativas em áudio, divididos em três partes.

Entre cada bloco das histórias, a criança pode ler curiosidades e jogar, como uma maneira de dar suporte ao conteúdo e estimular o interesse. “Enxergarmos uma oportunidade no nicho da cultura brasileira que é pouco explorada e aprofundada. Dessa forma, realizamos pesquisas em três escolas em São Bernardo do Campo, São Paulo e Baixada Santista para entender o comportamento das crianças e saber o melhor caminho para desenvolver o tema”, conta Jackeline.

A pesquisa revelou que a melhor maneira de atingir as crianças entre seis e 10 anos era por meio de aplicativo para celular. O primeiro grande desafio foi adaptar os conhecimentos aprendidos em sala para conversar diretamente com o público infantil, já que os estudantes estão mais acostumados a escrever para adultos: “cada público deve ser tratado de uma maneira diferente assim como a plataforma em que estiverem inseridos. Com isso, abusamos da parte de ilustrações e principalmente dos efeitos sonoros”.

pindoramaPara aproximar ainda mais o público das histórias contadas, o conteúdo informativo foi colocado no contexto do cotidiano das crianças como, por exemplo, uma conversa com os pais ou amigos da escola. “Outro desafio foi na produção dos áudios, já que tivemos que preparar cada entrevistado e transformar todos em personagens para interagir e acrescentar informações nas histórias”, relata.

Além de ampliar as competências do curso, o projeto Pindorama ainda ajudou os alunos a compreenderem um novo público e desenvolver uma plataforma que auxilia crianças. "O app é totalmente voltado para dar suporte a educação infantil. Dessa forma, acredito que aproximação da criança com a cultura brasileira será de uma forma diferente do que habitual, ou seja, mais interativa, informativa e lúdica", conclui Jackeline.

Conheça o aplicativo Pindorama, ele é gratuito e funciona em Smartphones.

Comunicar erros


Leia mais notícias sobre: , , , , ,

RODOLFO MARTINO - COORDENADOR
rodolfo martino
Veja o Minicurrículo

 


 

jornalismo.jpg

Receba informações de oferecimento sobre esse curso: