Ferramentas Pessoais

Você está aqui: Página Inicial / Financeiro / Bolsas / Programas de Bolsas / Documentação - Bolsa Emergencial

Documentação - Bolsa Emergencial

NÃO RECORTAR OS DOCUMENTOS E APRESENTAR NA ORDEM ABAIXO

  • RG e CPF do candidato e de cada integrante do grupo familiar, se menor sem RG, certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento dos pais ou do candidato se for o caso;
  • Comprovante de separação ou divórcio dos pais ou certidão de óbito, no caso de um deles não constar do grupo familiar do estudante, por estas razões;
  • Documento que comprove a ausência de um dos pais caso o motivo seja diverso do item acima;
  • Candidato ou pais que não sejam casados legalmente, apresentar declaração sobre união estável de próprio punho com firma reconhecida;
  • Comprovante das condições de moradia: se financiada, a última prestação paga; se alugada, último recibo de pagamento e contrato de locação; se própria, o último IPTU (pág.valor venal); se em área não legalizada, Declaração da Associação de Bairros (papel timbrado e carimbo na assinatura) ou Secretaria da Habitação; se cedida declaração de próprio punho do cedente ou do responsável pelo grupo familiar;
  • Comprovante de endereço do candidato e de cada integrante do grupo familiar (exemplos: conta de água, luz, telefone, etc. - para menor – carteira de vacinação ou declaração de próprio punho do responsável);
  • Comprovante de rendimento do candidato e dos integrantes de seu grupo familiar: 8.1- se assalariado – contracheque (considerar os seis últimos); 8.2- se trabalhador autônomo ou profissional liberal - Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (DECORE) original com firma reconhecida do contador inscrito no CRC; 8.3- se diretor/sócio de empresa - contrato social, comprovante de pró-labore e distribuição de lucros; 8.4- se aposentado ou pensionista - imprimir detalhamento de crédito no site www.previdencia.gov.br; 8.5- se estagiário – contrato de estágio; 8.6- comprovante de pensão alimentícia; 8.7- atividade informal – declaração de próprio punho assinada e com firma reconhecida informando atividade e renda média mensal;
  • Carteira de Trabalho (páginas da foto, da qualificação civil, do último contrato de trabalho e da página seguinte em branco);
  • rescisão contratual; comprovante de recebimento do FGTS e seguro desemprego, desde que ocorrido no último ano;
  • Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física do último ano completa – (recibo de entrega e todas as páginas da declaração) do candidato e dos componentes do grupo familiar;
  • Carta original da Instituição/Entidade/ONG, declarando que você realiza trabalho voluntário e que assinou documento legal (Lei do Voluntário). A carta deverá ser escrita em papel timbrado com assinatura do Diretor/Presidente e com carimbo;
  • Outros documentos que a Comissão de Bolsas do IMS julgar necessários à comprovação das informações prestadas pelo candidato.
Comunicar erros